Connect with us

TV, Cinema e Teatro

Turma da Mônica: Laços (7,5)

Portal Hortolândia

Publicado

em

Sei que muitos de vocês sempre leram a versão clássica de Turma da Mônica, mas eu nunca fui leitor assíduo e só me aproximei mais dos personagens quando a MSP foi criada e títulos como Mônica: Tesouros, Penadinho: Vida, Louco: Fuga e o próprio Turma da Mônica: Laços entraram no catalogo, simplesmente porque era um material que dialogava melhor com meu gosto pessoal.

No longa metragem o diretor Daniel Rezende, além de provar que é fanático por aquele universo, ainda agradou tanto os fãs da HQ criada pelos irmãos Vitor e Lu Cafaggi quanto aqueles nostálgicos de plantão, que sempre lembrarão do quarteto com os traços tradicionais – ainda sobra tempo para homenagear clássicos da Sessão da Tarde como Os Goonies, Conta Comigo e Curtindo a Vida Adoidado, só para citar alguns.

Giulia Barreto (Mônica), Kevin Vechiatto (Cebolinha), Laura Rauseo (Magali) e Gabriel Moreira (Cascão) parecem ter nascido para os respectivos papeis e mesmo que os diálogos, em determinados momentos, não seja tão natural quanto deveria, o grau de entrega dos atores deixará qualquer um boquiaberto e querendo mais!

E se no terceiro ato o longa perde o fôlego, são nas imagens do Bairro do Limoeiro, na montagem detalhista ao extremo e na amizade sincera destes icônicos e amáveis protagonistas que mora a alma do filme. Que venham mais dois, três, quatro ou cinco continuações pois Turma da Mônica: Laços é demais!

Por Éder de OliveiraJornalista e responsável pelo site www.cinemaepipoca.com.br

TV, Cinema e Teatro

A Família Addams (7,0)

Portal Hortolândia

Publicado

em

A Família Addams de 2019 é o primeiro da franquia feito no gênero animação, lembrando que já teve um seriado em 1964, dois filmes de bastante sucesso dirigidos por Barry Sonnenfeld e um de 1998 que é bom nem lembrar que existiu! E não haviam melhores profissionais para estarem à frente desta reinvenção!

Vernon e Tiernan foram os responsáveis pelo malucaço A Festa da Salsicha – que têm uma das cenas de orgia mais absurdas do cinema – e inserem aqui um humor sagaz desde os primeiros minutos (e a cena inicial, com Mortícia utilizando as cinzas de seus pais para se maquiar é prova disso), além de um equilíbrio de tom que agradará em cheio tanto o público infantil quanto o adulto.

E o roteiro, que flerta com questões sociais, choque de gerações, bullying e em como os padrões sociais podem ser prejudiciais, passa longe de ser inédito mas tem leveza e dinamismo, ao contrário do que ocorre com a vilã que tem motivação rasa, com boa parte das viradas (que teimam em ficarem se repetindo) e quando mudam o foco dos Addams para nos apresentarem aquele mundo mais ‘colorido’.

A Família Addams (2019) cumpre bem seu papel de apresentar para esta nova geração Gomez, Mortícia, Wandinha, Tio Chico (poderia ter mais tempo em tela) e companhia, homenageia outros filmes como Nosferatu, Indiana Jones e It: A Coisa e com pouco mais de 130 milhões de dólares nas bilheterias, pode ganhar sinal verde para a continuação em breve! Se fosse para eles finalizarem este texto, talvez dissessem algo parecido com: “este filme é ruim… e por isso eu adorei!”

Por Éder de Oliveira | Jornalista e responsável pelo site www.cinemaepipoca.com.br

Continue Lendo

TV, Cinema e Teatro

Zumbilândia – Atire Duas Vezes (7,5)

Portal Hortolândia

Publicado

em

Mesmo que o sub-gênero dos zumbis estejam saturados, é muito bom notar que alguns profissionais ainda conseguem ‘tirar leite de pedra’ e divertir os espectadores, caso do diretor Ruben Fleischer em Zumbilândia: Atire Duas Vezes e dos personagens em questão, intepretados por Woody Harrelson, Jesse Eisenberg, Emma Stone e Abigail Breslin (com menos tempo em cena e empatia dentre os quatro).

Mas saiba de uma coisa: caso não tenha visto ou não tenha curtido o primeiro filme, saiba que esta sequência não será para você, principalmente porque o roteiro é autorreferencial demais, mantém a montagem lotada de cortes rápidos, brincadeiras visuais e cenas nonsenses ao extremo.

Agora, se é fã da franquia, o espectador verá novas raças de zumbis (cada tipo com um nome diferente e hilário), inserção muito boa de novos sobreviventes (Rosario Downson e Zoey Deutch estão ótimas), além da trilha sonora arrebatadora e a renovação dos tiroteios e pancadaria naquele universo.

Por fim e não menos importante, mesmo com estes pequenos deslizes (aliás, o desfecho é um tanto anticlimático e corrido), Zumbilândia: Atire Duas Vezes me tirou várias gargalhadas e apresentou alguns jumpscares que funcionaram descaradamente. Resumindo: se Zumbilândia 3 sair… estarei nos cinemas de novo!

Obs.: fique atento à excelente cena pós créditos!

Por Éder de Oliveira | Jornalista e responsável pelo site www.cinemaepipoca.com.br

Continue Lendo

TV, Cinema e Teatro

Cinema do Iguatemi Campinas terá filmes por R$ 4

Portal Hortolândia

Publicado

em

O Cinemark do Shopping Iguatemi Campinas recebe no sábado (16) o Projeta Brasil Cinemark. No projeto, os filmes nacionais serão exibidos e podem ser assistido pelo valor de R$ 4.

Entre os clássioco estão filmes como “Detetives do Prédio Azul 2”, “Turma da Mônica” e “Cinderela Pop”.

O projeto tem como objetivo festejar a história do cinema brasileiro, impulsionar os longas recém-lançados e estimular a formação de público para os filmes nacionais.

Endereço do Shopping Iguatemi: Avenida Iguatemi, n° 777, Vila Brandina, Campinas (SP)

Confira a programação no site https://www.cinemark.com.br/

Continue Lendo



Max Milhas