Connect with us
Publicidade

Brasil

Bicicletas vêm se tornando uma tendência mundial durante a pandemia

Portal Hortolândia

Publicado

em

No continente europeu e em algumas regiões do oriente médio e sudeste asiático, a bicicleta tornou-se uma opção para evitar aglomerações no transporte público no final do distanciamento social.

Em Paris, a prefeitura liberou verba pública para construção de mais de 600 quilômetros de ciclovia. Em Londres, a ideia é que bicicletas e caminhadas sejam mais usuais, diminuindo a dependência por metrô e ônibus, por exemplo.

No entanto, essa realidade está distante de se efetivar em Hortolândia. No município, houve um aumento expressivo do número de ciclistas nas ruas, há discussões sobre o assunto no meio político, até uma comissão parlamentar foi criada na câmara municipal para tratar do assunto; mas a infraestrutura da cidade ainda não é muito convidativa.

— “Existe estudos e projetos interessantes de implantação de ciclofaixas, e ciclovias na cidade, mas até o momento não temos visto nada de concreto, existe uma morosidade enorme em torno dessa questão, nossa percepção é a de que houve um grande aumento no fluxo de ciclistas na cidade, mas não percebemos nada de concreto no que se refere a melhorias do sistema cicloviário.” — conta o Representante da UCB (Associação Brasileira de Ciclismo), Walther Barros.

No último encontro que aconteceu na Câmara Municipal no final de 2019 durante audiência com os ciclistas e vereadores da comissão, o secretário de mobilidade urbana do município, Atílio Pereira, destacou que os órgãos públicos estão deliberando estudos sobre a implantação de ciclovias ou ciclofaixas na cidade, ele apresentou um plano cicloviário aos ciclistas presentes e prometeu até 72km de ciclovia na cidade nos próximos anos.

Para Walther Barros está ocorrendo uma silenciosa mudança de pensamentos, a nova geração pensa diferente, o uso das bikes está se tornando uma tendência, a maioria das capitais do mundo já está vendo a bike como uma solução, não só para o problema de trânsito, como também para solucionar problemas de aglomeração dentro do transporte público, e até para o bem da saúde pública, pois acaba reduzindo as chances das pessoas terem problemas cardíacos, diabetes — expõe Barros.

Nesse período de pandemia a bicicleta é a melhor forma de locomoção, existe um mito de que tem que ter ciclista antes, para depois ter ciclovia. Negativo, ninguém dirige carro sem estrada. Então, ninguém anda de bike sem ciclovia. Os ciclistas de Hortolândia não querem morrer atropelados. Então, se não tiver uma ciclovia, uma infraestrutura que assegure que vamos chegar ao nosso destino com vida, e, quando chegarmos, não teremos a nossa bike roubada, é fundamental, finaliza.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Brasil

Governo quer reconhecimento facial em todos aeroportos do país

Redação

Publicado

em

Por

O Ministério da Infraestrutura quer implantar nos aeroportos do país uma nova tecnologia para o processo de embarque. O projeto, batizado de Embarque Seguro, permite o uso da tecnologia de reconhecimento facial para a realização do procedimento. Segundo a pasta, a iniciativa vai tornar mais eficiente o processo de embarque nos aeroportos e também dar mais segurança nas viagens aéreas.

O uso do reconhecimento facial para o procedimento de embarque começou a ser testado na última quinta-feira (8) no Aeroporto Internacional de Florianópolis (SC). Por enquanto, apenas voluntários vão testar a nova tecnologia. A intenção do governo federal é implantar o projeto paulatinamente nos principais aeroportos, quando a solução estiver aprovada.

Sistema nacional unificado
De acordo com a assessoria do ministério, apesar de a tecnologia de reconhecimento facial para a identificação do passageiro e embarque automático nos portões eletrônicos (e-gates) já estar disponível no mercado, ainda não existia um sistema nacional unificado que possibilitasse checar e validar, com rapidez e segurança, a identidade do passageiro a partir do cruzamento com diferentes bases de dados governamentais.

“Com o desenvolvimento da solução conduzida pela Secretaria Nacional de Aviação Civil (SAC) do Ministério da Infraestrutura, as autoridades de segurança poderão utilizar inteligência na avaliação de risco antecipada dos viajantes por meio do Sistema Brasileiro de Informações de Passageiros (Sisbraip)”, informou a pasta.

Os testes do projeto-piloto do Embarque Seguro em Florianópolis serão realizados com passageiros voluntários da companhia aérea Latam. A conferência da identidade do viajante ocorrerá no momento do check-in eletrônico com a vinculação de uma foto ao bilhete aéreo, que permitirá o acesso facilitado do passageiro à sala de embarque. O embarque na aeronave ocorrerá por meio da biometria do viajante, sem a necessidade da apresentação de qualquer documento.

A tecnologia foi desenvolvida em parceria com o Serpro, empresa de tecnologia da informação do governo federal, que desenvolveu um aplicativo que permite o cadastramento da foto do passageiro, ficando vinculada ao seu CPF.

A verificação da identificação biométrica é feita por checagem junto ao banco de dados da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), que possui cerca de 56 milhões de registros ativos. A intenção é que, posteriormente, outros bancos governamentais sejam utilizados para ampliar o universo de dados que podem ser validados.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Brasil

Instituto alerta para risco de morte com calor intenso em parte do Brasil

Portal Hortolândia

Publicado

em

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta de “grande perigo” em razão de uma onda de calor em grande parte da Região Centro-Oeste e no estado do Tocantins.

Segundo o Inmet, a onda de calor que vai até a sexta-feira (9), teve início pouco depois do meio-dia de ontem (5). O instituto disse que há risco de morte por hipertermia.

O instituto disse que que durante este período as temperaturas registrarão 5ºC acima da média na região. O aviso registra alerta para as seguintes áreas: Distrito Federal, centro sul, nordeste, norte,  sudeste e sudoeste mato-grossense, centro, leste, sul, norte e noroeste goiano, sudeste, sul e oeste tocantinense.

Em caso de emergência, o Inmet recomenda que a população contate a Defesa Civil (telefone 199). Também deve ser aumentada ingestão de líquidos, evitar a prática de atividades físicas ao ar livre entre as 10h e 17h  e usar protetor solar.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Brasil

Mega-Sena sorteia hoje prêmio acumulado de R$ 100 milhões

Portal Hortolândia

Publicado

em

A Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira (7) o prêmio acumulado de R$ 100 milhões.

As seis dezenas do concurso 2.306 serão sorteadas, a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília), nas casa lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet.

O volante, com seis dezenas marcadas, custa R$ 4,50.

fonte ebc

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Populares