Connect with us

Brasil

Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras

Redação

Publicado

em

O novo valor será de R$ 1,98 para as revendedoras

A Petrobras reajustou o preço médio do litro da gasolina vendida nas refinarias em R$ 0,15. O novo valor será de R$ 1,98 para as revendedoras e entrará em vigência a partir desta terça-feira (19). O preço final aos motoristas dependerá de cada posto de combustíveis, que tem suas próprias margens de lucro, além do pagamento de impostos e custos com mão de obra.

“Os preços praticados pela Petrobras têm como referência os preços de paridade de importação e, desta maneira, acompanham as variações do valor do produto no mercado internacional e da taxa de câmbio, para cima e para baixo. No ano de 2020, o preço médio da gasolina comercializada pela Petrobras atingiu mínimo de R$ 0,91 por litro”, esclareceu a companhia.

Segundo a Petrobras, dados do Global Petrol Prices, referentes ao último dia 11, indicavam que o preço médio ao consumidor de gasolina no Brasil era o 52º mais barato dentre 165 pesquisados, estando 21,6% abaixo da média de US$ 1,05 por litro.

De acordo com levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), feito na semana entre os dias 10 e 16 de janeiro, o litro médio da gasolina comum no país custava R$ 4,572; o do diesel, R$ 3,685; o do etanol, R$ 3,202, e o botijão de 13 kg, R$ 76,50.

Fonte: Agência Brasil EBC

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Melhores No. 1
Liquidificador Turbo , 900W, Copo de 2,7L, 127V, Preto, Mondial -L-900 FB.
  • 900W de potência:Potente no preparo de receitas como gelo, frutas congeladas, sucos , vitaminas, bolo, sopas, tortas e patês.
  • Copo de 2,7L ULTRARRESISTENTE:Copo resistente a quedas e riscos, e não pega cheiro. Prepara grandes quantidades de sucos, vitaminas e receitas
  • 5 velocidades + pulsar:A função “pulsar” do liquidificador l-900 é velocidade máxima - mistura de forma rápida alimentos pastosos como grão de bico, papinhas de bebê, cremes e Smoothies.
  • Função auto limpeza:Auxilia na limpeza do copo do liquidificador e, em especial, as suas lâminas. Para isso, encha o copo até metade com água e um pouquinho de detergente. Depois, aperte o botão pulsar alguns vezes e pronto!
  • Filtro:Entra a fruta coa e sai o suco ou molho filtrado. O filtro retira toda a semente deixando seus sucos prontos para serem tomados.
Melhores No. 2
Mondial NV-15-6P FB Ventilador Maxi Power, 3 Velocidades, 30cm, 6 Pás, Preto
  • 6 pás
  • 3 velocidades
  • Grade removível para limpeza
  • Uso em mesa ou parede
  • Inclinação regulável
Melhores No. 3
Fogão Elétrico, 2 Bocas, 127V, Inox, Mondial - FE-03
  • 6 níveis de temperatura
  • Acabamento em aço inox
  • 2000w de potência
  • Termostato de segurança

Brasil

Prazo para entregar declaração do Imposto de Renda começa hoje

Redação

Publicado

em

Por

Prazo para entregar declaração do Imposto de Renda começa hoje

A partir das 8h de hoje (1º), o contribuinte pode começar a prestar contas com o Leão. Nesta segunda-feira começa o prazo de entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2021 (ano-base 2020). O programa para computador está disponível na página da Receita Federal na internet desde a última quinta-feira (25).

O prazo de entrega vai até as 23h59min de 30 de abril. Neste ano, o Fisco espera receber 32.619.749 declarações. No ano passado, foram enviadas 31.980.146 declarações.

Pelas estimativas da Receita Federal, 60% das declarações terão restituição de imposto, 21% não terão imposto a pagar nem a restituir e 19% terão imposto a pagar.

Assim como no ano passado, serão pagos cinco lotes de restituição. Os reembolsos serão distribuídos nas seguintes datas: 31 de maio (primeiro lote), 30 de junho (segundo lote), 30 de julho (terceiro lote), 31 de agosto (quarto lote) e 30 de setembro (quinto lote).

Novidades
As regras para a entrega da declaração do Imposto de Renda foram divulgadas na semana passada pela Receita. Entre as principais novidades, está a obrigatoriedade de declarar o auxílio emergencial para quem recebeu mais de R$ 22.847,76 em outros rendimentos tributáveis e a criação de três campos na ficha “Bens e direitos” para o contribuinte informar criptomoedas e outros ativos eletrônicos.

O prazo para as empresas, os bancos e demais instituições financeiras e os planos de saúde fornecerem os comprovantes de rendimentos acabou na última sexta-feira (26). O contribuinte também deve juntar recibos, no caso de aluguéis, de pensões, de prestações de serviços, e notas fiscais, usadas para comprovar deduções.

Fonte Agência EBC

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Melhores No. 1
Liquidificador Turbo , 900W, Copo de 2,7L, 127V, Preto, Mondial -L-900 FB.
  • 900W de potência:Potente no preparo de receitas como gelo, frutas congeladas, sucos , vitaminas, bolo, sopas, tortas e patês.
  • Copo de 2,7L ULTRARRESISTENTE:Copo resistente a quedas e riscos, e não pega cheiro. Prepara grandes quantidades de sucos, vitaminas e receitas
  • 5 velocidades + pulsar:A função “pulsar” do liquidificador l-900 é velocidade máxima - mistura de forma rápida alimentos pastosos como grão de bico, papinhas de bebê, cremes e Smoothies.
  • Função auto limpeza:Auxilia na limpeza do copo do liquidificador e, em especial, as suas lâminas. Para isso, encha o copo até metade com água e um pouquinho de detergente. Depois, aperte o botão pulsar alguns vezes e pronto!
  • Filtro:Entra a fruta coa e sai o suco ou molho filtrado. O filtro retira toda a semente deixando seus sucos prontos para serem tomados.
Melhores No. 2
Mondial NV-15-6P FB Ventilador Maxi Power, 3 Velocidades, 30cm, 6 Pás, Preto
  • 6 pás
  • 3 velocidades
  • Grade removível para limpeza
  • Uso em mesa ou parede
  • Inclinação regulável
Melhores No. 3
Fogão Elétrico, 2 Bocas, 127V, Inox, Mondial - FE-03
  • 6 níveis de temperatura
  • Acabamento em aço inox
  • 2000w de potência
  • Termostato de segurança
Continue Lendo

Brasil

Petrobras anuncia nova alta nos preços da gasolina, diesel e gás

Portal Hortolândia

Publicado

em

A Petrobras anunciou hoje (1º) um novo aumento nos preços da gasolina, do óleo diesel e do gás de botijão vendidos nas refinarias. A partir de amanhã (2), a gasolina ficará 4,8% mais cara, ou seja, R$ 0,12 por litro. Com isso, o combustível será vendido às distribuidoras por R$ 2,60 por litro.

O óleo diesel terá um aumento de 5%: R$ 0,13 por litro. Com o reajuste, o preço para as distribuidoras passará a ser de R$ 2,71 por litro a partir de amanhã.

Já o gás liquefeito de petróleo (GLP), conhecido como gás de botijão ou gás de cozinha, ficará 5,2% mais caro também a partir de amanhã. O preço para as distribuidoras será de R$ 3,05 por quilo (R$ 0,15 mais caro), ou seja R$ 36,69 por 13 kg (ou R$ 1,90 mais caro).

Segundo a Petrobras, seus preços são baseados no valor do produto no mercado internacional e na taxa de câmbio.

“Importante ressaltar também que os valores praticados nas refinarias pela Petrobras são diferentes dos percebidos pelo consumidor final no varejo. Até chegar ao consumidor são acrescidos tributos federais e estaduais, custos para aquisição e mistura obrigatória de biocombustíveis pelas distribuidoras, no caso da gasolina e do diesel, além dos custos e margens das companhias distribuidoras e dos revendedores de combustíveis”, destaca nota divulgada pela empresa.

fonte ebc

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Melhores No. 1
Liquidificador Turbo , 900W, Copo de 2,7L, 127V, Preto, Mondial -L-900 FB.
  • 900W de potência:Potente no preparo de receitas como gelo, frutas congeladas, sucos , vitaminas, bolo, sopas, tortas e patês.
  • Copo de 2,7L ULTRARRESISTENTE:Copo resistente a quedas e riscos, e não pega cheiro. Prepara grandes quantidades de sucos, vitaminas e receitas
  • 5 velocidades + pulsar:A função “pulsar” do liquidificador l-900 é velocidade máxima - mistura de forma rápida alimentos pastosos como grão de bico, papinhas de bebê, cremes e Smoothies.
  • Função auto limpeza:Auxilia na limpeza do copo do liquidificador e, em especial, as suas lâminas. Para isso, encha o copo até metade com água e um pouquinho de detergente. Depois, aperte o botão pulsar alguns vezes e pronto!
  • Filtro:Entra a fruta coa e sai o suco ou molho filtrado. O filtro retira toda a semente deixando seus sucos prontos para serem tomados.
Melhores No. 2
Mondial NV-15-6P FB Ventilador Maxi Power, 3 Velocidades, 30cm, 6 Pás, Preto
  • 6 pás
  • 3 velocidades
  • Grade removível para limpeza
  • Uso em mesa ou parede
  • Inclinação regulável
Melhores No. 3
Fogão Elétrico, 2 Bocas, 127V, Inox, Mondial - FE-03
  • 6 níveis de temperatura
  • Acabamento em aço inox
  • 2000w de potência
  • Termostato de segurança
Continue Lendo

Brasil

Feijão: pragas e doenças podem causar explosão no preço e falta na mesa do brasileiro

Portal Hortolândia

Publicado

em

Ingrediente essencial da feijoada, do acarajé e na base da refeição diária dos brasileiros – seja preto, carioca, de corda ou de outro tipo – o feijão é uma das mais importantes culturas agrícolas do país. No total, são 2,9 milhões de toneladas produzidas, com valor bruto de R$ 7,5 bilhões, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Produzido em todas as regiões do país, o feijão tem ciclo curto de cultivo e enfrenta muitos desafios com pragas e doenças que reduzem a produção e qualidade do alimento significativamente. 

“O brasileiro é apaixonado por feijão. Essencial, ele está presente diariamente nas mesas e nas vidas dos brasileiros. Porém, como todos os demais cultivos, o feijão também enfrenta desafios para chegar até a nossa mesa. Vários detratores de produtividade, como pragas e doenças, atacam as lavouras de feijão do país prejudicando a produção. Não dá para imaginar nossa refeição sem feijão”, assinala Julio Borges, presidente do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal (Sindiveg). 

“O desafio é grande. Sem cuidados adequados, pragas e doenças causam grandes prejuízos aos produtores e, por consequência, à oferta regular de feijão. Alguns dos principais problemas, como a praga mosca-branca e a doença antracnose, têm potencial para destruir até 100% das plantações, gerando escassez do alimento nas prateleiras”, alerta o dirigente. 

Uma das consequências da baixa oferta de feijão é o aumento dos preços que o brasileiro teria de pagar. “O consumo de feijão está em 13 quilos por pessoa/ano, segundo a Embrapa. É bastante, porém a produção tem de crescer ano após ano para alimentar a crescente população e manter a competitividade da agricultura brasileira nesse cultivo. Para isso, a proteção das lavouras e os cuidados devem ser intensos e frequentes. Importante ressaltar que, além da alta no custo, a falta de feijão no país – que é um dos cinco maiores produtores do grão no mundo – exigiria a aquisição no mercado externo para abastecer a população. Em um cenário de dólar elevado, o impacto nos preços do alimento seria ainda maior”, salienta Julio Borges. 

Outros diversos vilões têm potencial para dizimar as áreas de cultivo de feijão, como a mancha-angular – doença fúngica que reduz a colheita em 80% –, o mofo branco ou a lagarta-elasmo, cujos danos podem exigir o replantio completo da lavoura. Não menos graves, plantas daninhas como caruru, picão, trapoeraba e algumas espécies de capim criam uma competição por nutrientes e luz solar que prejudica o potencial do feijoeiro e, ainda, dificulta o processo de colheitas das vagens. 

“Para proteger a produção, é necessário controlar esses problemas. A ciência oferece o que há de mais avançado em tecnologia de preparo adequado do solo, seleção de sementes, e ainda defensivos agrícolas. Usados de forma correta e segura, essas tecnologias protegem a planta de feijão sem prejudicar a quantidade e qualidade do grão produzido, nem causar danos ao meio ambiente ou à saúde humana, assegurando seu potencial produtivo” informa Eliane Kay, diretora executiva do Sindiveg. 

Eliane explica que, antes de ser lançadas, todas as soluções de combate a pragas e doenças na agricultura são testadas cientificamente e submetidas a um longo e rigoroso processo de avaliação, que demora vários anos antes de ter autorização dos Ministérios da Agricultura, Saúde e Meio Ambiente para comercialização. “Esse extremo cuidado garante o benefício e, principalmente a segurança para o agricultor e sociedade. Essa é a contribuição da indústria de saúde vegetal para a produção sustentável de alimentos no território brasileiro”, explica Eliane Kay. 

De acordo com levantamento exclusivo do Sindiveg, em parceria com a Spark Consultoria Estratégica, o combate a pragas e doenças que atacam o feijão exigiu investimentos de mais de R$ 1,2 bilhão nessas tecnologias, que trataram área equivalente a mais de 33,2 milhões de campos de futebol em 2020. O cálculo de área tratada considera, em multiplicação, o número de produtos e de aplicações, assim como a área cultivada. 

Produção regional 

Todos os estados, assim como o Distrito Federal, produzem feijão, mas cerca de 60% da produção brasileira está concentrada em quatro estados: Paraná (22% e 630 mil toneladas), Minas Gerais (18% e 535 mil toneladas), Goiás (12% e 341 mil toneladas) e Mato Grosso (10% e 278 mil toneladas). Destaque também para a produção de São Paulo (264 mil t), Bahia (179 mil t), Ceará (110 mil t) e Santa Catarina (108 mil t). Os dados são do IBGE. 

Sobre o Sindiveg 

O Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal (Sindiveg) representa a indústria de produtos para defesa vegetal no Brasil há 79 anos. Reúne 26 associadas, distribuídas pelos diversos Estados do País, o que representa aproximadamente 40% do setor. Com o objetivo de defender, proteger e fomentar o setor, o Sindiveg atua junto aos órgãos governamentais e entidades de classe da indústria e do agronegócio pelo benefício da cadeia nacional de produção de alimentos e matérias-primas. Entre suas principais atribuições estão as relações institucionais, com foco em um marco regulatório previsível, transparente e baseado em ciência, e a representação legitima do setor com base em dados econômicos e informações estatísticas. A entidade também atua em prol do fortalecimento e da valorização da comunicação e da imagem do setor, assim como promove o uso correto e seguro dos defensivos agrícolas.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Melhores No. 1
Liquidificador Turbo , 900W, Copo de 2,7L, 127V, Preto, Mondial -L-900 FB.
  • 900W de potência:Potente no preparo de receitas como gelo, frutas congeladas, sucos , vitaminas, bolo, sopas, tortas e patês.
  • Copo de 2,7L ULTRARRESISTENTE:Copo resistente a quedas e riscos, e não pega cheiro. Prepara grandes quantidades de sucos, vitaminas e receitas
  • 5 velocidades + pulsar:A função “pulsar” do liquidificador l-900 é velocidade máxima - mistura de forma rápida alimentos pastosos como grão de bico, papinhas de bebê, cremes e Smoothies.
  • Função auto limpeza:Auxilia na limpeza do copo do liquidificador e, em especial, as suas lâminas. Para isso, encha o copo até metade com água e um pouquinho de detergente. Depois, aperte o botão pulsar alguns vezes e pronto!
  • Filtro:Entra a fruta coa e sai o suco ou molho filtrado. O filtro retira toda a semente deixando seus sucos prontos para serem tomados.
Melhores No. 2
Mondial NV-15-6P FB Ventilador Maxi Power, 3 Velocidades, 30cm, 6 Pás, Preto
  • 6 pás
  • 3 velocidades
  • Grade removível para limpeza
  • Uso em mesa ou parede
  • Inclinação regulável
Melhores No. 3
Fogão Elétrico, 2 Bocas, 127V, Inox, Mondial - FE-03
  • 6 níveis de temperatura
  • Acabamento em aço inox
  • 2000w de potência
  • Termostato de segurança
Continue Lendo

Noticias

Publicidade

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares