Connect with us

Campinas

Curso gratuito de pré-vestibular está com processo seletivo aberto em Campinas

Portal Hortolândia

Publicado

em

O cursinho pré-vestibular popular Zilda Arns está com inscricoes abertas para o processo seletivo da turma 2021. As inscricoes vão até o dia 10/01/2021.

Para se inscrever acesse o site https://www.cursinhozilda.com/ e siga as orientacoes.

Sobre o Cursinho Zilda Arns

O Cursinho Popular Zilda Arns é um cursinho pré-vestibular popular, gratuito e noturno, de iniciativa dos estudantes de Medicina da UNICAMP. Ele foi criado em 2018 após anos de iniciativos de alunos.

Atualmente diversos cursos, como a Engenharia Química, Engenharia Mecânica, Engenharia Elétrica, Física, Química, História e Letras formam a EQUIPE ZILDA!



Melhores No. 1
Mop Giratório Fit, MOP5010, 8 litros, Cinza, Flash Limp
  • Ideal para pisos frios, sintéticos ou madeira, para uma limpeza completa ou uma faxina rápida do dia a dia
  • O sistema de centrifugação substitui a torção do pano, livrando as mãos do contato com a sujeira
  • Alças flexíveis para facilitar o transporte e o manuseio
  • Cabo com altura regulável de 104 a 128 cm, possui a base flexível permitindo alcançar áreas de difícil acesso
  • Compacto, ocupa menos espaço, capacidade do balde em uso: 4 litros / capacidade total: 8 litros

Campinas

GM Campinas flagra bingo em casa no Jardim Eulina, após denúncia

Portal Hortolândia

Publicado

em

Na tarde desta sexta-feira, 9 de abril, a Guarda Municipal de Campinas flagrou mais um bingo funcionando. Desta vez foi em uma casa no Jardim Eulina, onde estavam​ 26 pessoas e foram encontradas 58 equipamentos para o jogo. Ontem, também em operação​ conjunta com a 1ª Delegacia de Investigações Gerais (DIG-DEIC), um bingo foi fechado na rua Luzitana, no centro da cidade.


Os guardas municipais e policiais civis chegaram ao local, na Avenida Marechal Rondon, Jardim Eulina, por volta das 15h30, após denúncia anônima recebida pelo telefone 153 da GM. A casa, próxima da Pedreira do Chapadão, estava equipada com 58 máquinas preparadas​ para o jogo eletrônico.


Na residência estavam 26 pessoas. Duas se apresentaram como funcionárias do bingo e 24 como apostadoras. Havia clientes idosos no local, uma senhora até com dificuldade de mobilidade, necessitando andador.


Na ocorrência de ontem, em um prédio na rua Lusitana, região central, foram encontradas 98 máquinas para o jogo. Havia 24 pessoas, nove funcionários e 15 jogadores. A GM chegou até o local após receber denúncia sobre aglomeração no endereço.


Os fiscais da Secretaria Municipal de Planejamento e Urbanismo (Seplurb) farão a lacração do imóvel. Os peritos da Polícia Civil foram acionados para periciar os equipamentos. A ocorrência será registrada na 1° DIG-DEIC



Melhores No. 1
Mop Giratório Fit, MOP5010, 8 litros, Cinza, Flash Limp
  • Ideal para pisos frios, sintéticos ou madeira, para uma limpeza completa ou uma faxina rápida do dia a dia
  • O sistema de centrifugação substitui a torção do pano, livrando as mãos do contato com a sujeira
  • Alças flexíveis para facilitar o transporte e o manuseio
  • Cabo com altura regulável de 104 a 128 cm, possui a base flexível permitindo alcançar áreas de difícil acesso
  • Compacto, ocupa menos espaço, capacidade do balde em uso: 4 litros / capacidade total: 8 litros
Continue Lendo

Campinas

Filhote de onça parda de Campinas foi transferido para Capital

Portal Hortolândia

Publicado

em

O filhote macho de onça parda que estava hospedado no Bosque dos Jequitibás chegou com segurança ao Centro de Manejo e Conservação de Animais Silvestres (CeMaCAS) da Prefeitura de São Paulo, na tarde desta quarta-feira,7 de abril. Ele ficará por três meses neste local e depois será transferido para o AMPARA Animal, instituição especializada na reabilitação de animais silvestres.

“A nossa expectativa é que ele possa voltar à natureza”, disse o veterinário e responsável técnico pelo zoológico do Bosque dos Jequitibás, Douglas Presotto.

Para o traslado, a oncinha não precisou ser sedada. “Ele foi colocado em uma gaiola para transporte, coberto com uma lona preta e chegou ao destino tranquilamente”, contou o veterinário e responsável técnico pelo zoológico do Bosque, Douglas Presotto. O bicho também recebeu um chip para identificação e rastreamento.

O felino foi levado à São Paulo em uma viatura da Polícia Ambiental, que é parceira do Bosque neste tipo de tarefa, e acompanhado pelo veterinário.

No CeMaCAS, o filhote vai ficar num recinto interno até crescer e se fortalecer, acompanhado pelos veterinários do local. Assim que estiver preparado, o filhote de onça segue para um ambiente maior na instituição Ampara Animal. Ele será reintroduzido na natureza quando os técnicos avaliarem que o animal já consegue se virar sozinho em seu habitat.

Reabilitação

Na reabilitação, o filhote, com cerca de três meses, vai ser treinado para aprender a caçar e se alimentar de presas vivas, como é da natureza das onças. A caça das presas é uma atividade que é ensinada aos filhotes pelos pais, mas, como se trata de um órfão, os técnicos da instituição mantenedora serão responsáveis por “criar” a oncinha e proporcionar situações que se assemelham a um ambiente selvagem.

O objetivo é sempre a reintrodução na natureza, mas nem sempre os bichos conseguem se adaptar. “Quando não é possível, zoológicos e mantenedores de Fauna Silvestre acabam oferecendo abrigo permanente para estes animais”, revela Douglas.

Resgate

O filhote de onça parda estava hospedado no zoológico do Bosque dos Jequitibás desde o dia 19 de março, depois de ser resgatado pelo Corpo de Bombeiros no km 120 da Rodovia Adhemar de Barros, entre os bairros Jardim Miriam e Parque Luciamar. A suspeita é que a mãe do felino tenha sido atropelada ou morta ao tentar invadir alguma propriedade rural na região.

A oncinha foi acolhida no zoológico do parque por um período de transição. Durante sua hospedagem, o filhote foi alimentado com leite de cabra, carne, pescoço de frango e ração úmida para filhotes de gato. O alimento foi oferecido, principalmente, de forma pastosa, para ficar parecido com o que ele receberia da mãe na natureza. Assim, ele foi engordando e adquirindo o estado de saúde adequado para a transferência e a reabilitação.

O aparecimento de onças suçuaranas em áreas urbanas tem sido frequente na região de Campinas em função da intervenção do homem para promoção do desenvolvimento urbano. “Isto causa um impacto na vida selvagem, porque faz com que os animais percam seus habitats. Assim, eles invadem fazendas em busca de alimentos e acabam sendo abatidos. Ou vão até as margens das rodovias e acabam atropelados”, explica Douglas.

O zoo do Bosque mantém um trabalho de recuperação de animais. É comum que a equipe de veterinários do local receba animais silvestres abandonados ou vítimas de maus tratos para serem tratados e encaminhados posteriormente para instituições especializadas em reabilitação de animais selvagens, como é o caso deste filhote de onça parda.



Melhores No. 1
Mop Giratório Fit, MOP5010, 8 litros, Cinza, Flash Limp
  • Ideal para pisos frios, sintéticos ou madeira, para uma limpeza completa ou uma faxina rápida do dia a dia
  • O sistema de centrifugação substitui a torção do pano, livrando as mãos do contato com a sujeira
  • Alças flexíveis para facilitar o transporte e o manuseio
  • Cabo com altura regulável de 104 a 128 cm, possui a base flexível permitindo alcançar áreas de difícil acesso
  • Compacto, ocupa menos espaço, capacidade do balde em uso: 4 litros / capacidade total: 8 litros
Continue Lendo

Campinas

Bosque de Campinas transfere filhote de suçuarana resgatado para São Paulo

Portal Hortolândia

Publicado

em

O zoológico do Bosque dos Jequitibás vai transferir nesta quarta-feira, dia 7 de abril, um filhote macho de onça suçuarana (onça parda) para o Centro de Manejo e Conservação de Animais Silvestres (CeMaCAS) da Prefeitura de São Paulo. O transporte será feito por uma viatura da Polícia Ambiental e acompanhado pelo veterinário do Bosque, Douglas Presotto. De lá, o animal segue para o AMPARA Animal, uma instituição mantenedora de fauna que trabalha com reabilitação de onças, e, posteriormente, encaminhado de volta à natureza.


O filhote, com cerca de três meses, estava sozinho quando foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros, no dia 19 de março, no km 120 da Rodovia Adhemar de Barros, entre os bairros Jardim Miriam e Parque Luciamar. Após o salvamento, ele foi  acolhido no zoo do Bosque e está vivendo temporariamente no parque há 16 dias.


A suspeita é que a mãe do felino tenha sido atropelada ou morta ao tentar invadir alguma propriedade rural na região. “Com a perda dos habitats naturais pelo impacto da ação do homem na natureza, as suçuaranas têm sido encontradas com frequência em áreas limítrofes entre a zona rural e urbana”, explicou Douglas.



Assim que chegou no zoo, a oncinha passou por exames para checar sua condição de saúde por meio de testes físicos e de sangue. Pesava 7,2kg, não apresentava nenhuma lesão ou ferimento, sem problemas de locomoção e não tinha parasitas.


Durante sua hospedagem provisória no zoo, a oncinha macho recebeu tratamento veterinário e alimentação. Hoje, segunda-feira, dia 5/4, o filhote foi sedado para colocação de um chip de rastreamento e para nova avaliação de saúde. “O animal está com excelente estado geral, alimentando-se ainda de leite (de cabra, com um suplemento para filhotes), carne, pescoço de frango e ração úmida para filhotes de gato”, contou Douglas Presotto. O filhote também engordou 800 gramas, de 7,2kg quando chegou, hoje ele pesa 8kg.


Com o bicho saudável e ganhando peso, o objetivo agora é devolvê-lo ao seu habitat natural, contribuindo, assim, com a preservação da espécie. “Por isso o zoo do Bosque está destinando a oncinha ao CeMaCAS, que é especialista neste tipo de trabalho. O resgate e a transferência estão documentados e a Polícia Ambiental é nossa parceria neste esforço”, explica Presotto.


O veterinário esclarece que lá no CeMaCAS, a reabilitação envolve criar situações para ensinar a onça a caçar e se alimentar de presas vivas – o que é, geralmente, ensinado pelas mães. O objetivo é sempre a reintrodução na natureza, mas nem sempre os bichos conseguem se adaptar. “Quando não é possível, zoológicos e mantenedores de fauna silvestre acabam oferecendo abrigo permanente para estes animais”, revela Douglas.


O zoo do Bosque mantém um trabalho de recuperação de animais. É comum que a equipe de veterinários do local receba animais silvestres abandonados ou vítimas de maus tratos para serem tratados e encaminhados para instituições que fazem reabilitação, como é o caso deste filhote de onça parda.
 

Onça parda

A onça suçuarana – popular onça parda – é um felino de médio porte, medindo entre 1,6 e 2,75 metros e podendo pesar até 100 kg. Os machos são maiores do que as fêmeas. Apresentam um corpo esguio e cabeça pequena, com pelagem sofrendo alterações conforme a idade. Os filhotes nascem com pintas escuras que vão praticamente desaparecendo a medida que crescem, sendo substituídas por uma pelagem parda no dorso e ventre esbranquiçado com pintas amarronzadas.



Melhores No. 1
Mop Giratório Fit, MOP5010, 8 litros, Cinza, Flash Limp
  • Ideal para pisos frios, sintéticos ou madeira, para uma limpeza completa ou uma faxina rápida do dia a dia
  • O sistema de centrifugação substitui a torção do pano, livrando as mãos do contato com a sujeira
  • Alças flexíveis para facilitar o transporte e o manuseio
  • Cabo com altura regulável de 104 a 128 cm, possui a base flexível permitindo alcançar áreas de difícil acesso
  • Compacto, ocupa menos espaço, capacidade do balde em uso: 4 litros / capacidade total: 8 litros
Continue Lendo

Populares