Connect with us

Nossa Cidade

Avenida do Futuro, que ligará Jd. São Bento ao Jd. São Sebastião, segue em obras

Prefeitura

Publicado

em

A obra da Avenida do Futuro, que será o novo caminho entre o Jd. São Bento e o Jd. São Sebastião, recebe trabalhos para nivelamento do solo e implantação de asfalto. A via, que faz ligação com a Rodovia Jornalista Francisco Aguirre de Proença (SP-101), na altura do acesso ao Jd. Amanda, já teve parte do trajeto asfaltado, às margens da rodovia. Agora, máquinas atuam na parte central do terreno. A construção deste sistema viário é de responsabilidade de um empreendimento particular. O Plano Diretor do município determina que loteadoras implantem sistema viário de acesso aos seus empreendimentos. Com isso, a empreiteira Sena Construções realiza a obra da avenida.

A avenida será uma alternativa ao atual acesso entre os bairros. A estrada usada atualmente é de terra, passa por baixo da Rodovia dos Bandeirantes e corta propriedades particulares. O traçado do novo sistema viário é diferente daquele da estrada de terra, porém, com a mesma finalidade: encurtar caminhos.

“Todos os empreendimentos residenciais, comerciais, empresariais e industriais que chegam ao município têm, como contrapartida, a obrigação de construir ruas e avenidas que facilitem o acesso da população, colaborando para o crescimento ordenado da cidade”, destaca o secretário de Planejamento e Gestão Estratégica, Carlos Roberto Prataviera Junior.

Além de permitir a interligação facilitada entre o Jd. São Sebastião e o Jd. São Bento, a obra em andamento prevê a criação de uma rua marginal à SP-101, ligando a nova estrada diretamente à Rodovia SP-101, ampliando os acessos à cidade. Conforme o projeto de implantação do condomínio empresarial, a via marginal sairá da altura da rua Nara Leão, no Jd. São Bento, até o Caminho Cinco do bairro Chácaras Acaray. Neste ponto, será implantada uma rotatória, onde inicia a Avenida do Futuro, sentido Jd. São Sebastião.

De acordo com informações da Secretaria de Obras, o projeto de aprovação do empreendimento empresarial prevê a avenida de 740 metros de extensão, com 25 metros de largura. Haverá duas faixas de rolagem em cada um dos sentidos da avenida e canteiro central com paisagismo.

PIC

A implantação da Avenida do Futuro faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), implantado pelo prefeito Angelo Perugini para incentivar o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. O programa prevê mais de 100 obras e serviços, em diversas áreas. Para a realização destas intervenções, a Prefeitura conta com apoio da iniciativa privada, dos governos estadual e federal.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Nossa Cidade

Prefeitura implanta sinalização viária no Jardim Minda

Prefeitura

Publicado

em

A Prefeitura de Hortolândia implantou, nesta quarta-feira (03/06), sinalização viária em ruas do Jardim Minda. Equipes da Secretaria de Mobilidade Urbana realizaram mais uma etapa do trabalho entre as ruas João Quintilhano, Jeferson Alexandre Melo, Liduína Soares e Nossa Senhora do Carmo. No trecho, foram pintadas faixas duplas amarelas contínuas, que indicam mão dupla para o tráfego, além de faixas de pedestres e de retenção e alertas, como PARE e DEVAGAR. O objetivo da ação é orientar pedestres e motoristas e ajudar na diminuição da velocidade do tráfego pela região. O serviço no bairro continuará nos próximos dias.

“A implantação e o reforço da sinalização viária estão entre as principais ações da Prefeitura para evitar acidentes de trânsito e salvar vidas. O trabalho é realizado em diversas regiões da cidade”, explica o diretor de operações da Secretaria de Mobilidade Urbana, José Eduardo Vasconcellos.

Trânsito mais seguro dos últimos cinco anos

De janeiro a março deste ano, foram registrados três óbitos causados por acidentes nas vias de Hortolândia. Além disso, a cidade apresenta, mais uma vez, histórico positivo na redução de acidentes de trânsito com vítimas em ruas, avenidas e rodovias que cruzam a cidade. Entre 24 de março e 30 de abril deste ano, período da “quarentena” no Estado por conta do Coronavírus, foram registrados 34 acidentes com vítimas nas vias e rodovias do município. No mesmo período, em 2019, foram 47 acidentes com vítimas. Os dados são do Infosiga (Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo). O município cumpriu as metas estabelecidas pelo Governo Estadual para os períodos.

Segundo o Infosiga, além das metas cumpridas no primeiro quadrimestre deste ano, Hortolândia registra os menores índices de violência no trânsito desde 2015, quando o órgão passou a disponibilizar as estatísticas, por meio do site oficial da entidade.

Pacote de medidas para trânsito mais seguro começou em 2017

O pacote de medidas para reduzir os acidentes de trânsito, criado pela Prefeitura de Hortolândia, em 2017, inclui o reforço na sinalização, instalação de radares para fiscalização, que funcionam desde janeiro do ano passado, e ações educativas com motoristas e a comunidade em geral.

 

 

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Ações da Guarda Municipal contribuem para reduzir números de roubos e furtos em Hortolândia

Prefeitura

Publicado

em

Para reduzir a criminalidade em Hortolândia e levar mais proteção à população, a Prefeitura intensifica o trabalho de segurança, com ações preventivas diárias, em todas as regiões da cidade, realizadas pela GM (Guarda Municipal). De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, nos quatro primeiros meses deste ano, houve diminuição no número de roubos e furtos em geral e nos roubos e furtos de veículos,  em comparação aos quatro primeiros meses do ano passado.

De janeiro a abril deste ano, foram registradas 223 ocorrências ligadas a roubo em geral. No mesmo período do ano passado foram 377 ocorrências. Os números representam uma queda de 41% neste tipo de delito. Já os furtos em geral caíram 27% em Hortolândia. Nos quatro primeiros meses deste ano foram registradas 370 ocorrências deste tipo de crime, contra 507, no mesmo período em 2019.

Os roubos e furtos de veículos também apresentaram uma queda relevante no número de ocorrências registradas. De janeiro a abril deste ano, foram contabilizados 85 roubos de veículos. No mesmo período, no passado, foram 134 ocorrências, representando uma queda de 37% neste tipo de crime. Já os furtos de veículos caíram 16%. Foram 162 registros de janeiro a abril de 2019 contra 136 no mesmo período deste ano.

Furtos e roubos, dados locais

Os registros locais são equivalentes aos levantados pelo Estado. De acordo com a GM, o número total de roubos, de todas as espécies, diminuiu 40% em Hortolândia, nos quatro primeiros meses deste ano, em comparação ao mesmo período do ano passado. Foram 308 registros neste ano e 511, no ano passado. Já o número de furtos caiu 24%. Nos quatro primeiros meses do ano passado, houve 669 ocorrências e, neste ano, foram 506.

“As ações das forças de segurança de Hortolândia são importantes para a diminuição destes delitos na cidade. A ‘quarentena’, o isolamento social e as ações conjuntas entre a Guarda Municipal, o Setor de Fiscalização e a Vigilância Sanitária no combate ao Coronavírus também geram impacto na inibição de outros delitos”, explica a comandante da Guarda Municipal, Michele Cardena Quinete.

Segurança Digital

As câmeras do tipo OCR (Reconhecimento Óptico de Caracteres) já funcionam nas entradas e saídas da cidade. As OCRs identificam rapidamente veículos furtados e roubados, utilizando imagens em tempo real e sistema de georreferenciamento. Os casos são informados às autoridades policiais, que conseguem atuar com mais rapidez na resolução dos problemas. Outra ação que amplia a segurança é a implantação de lâmpadas de LED em vias e áreas públicas. As luminárias garantem mais luminosidade e geram economia com energia.

 

 

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Campanha do Agasalho receberá somente cobertores novos

Prefeitura

Publicado

em

A Campanha do Agasalho está de volta. Por conta da pandemia do Coronavírus, neste ano, só será possível a doação de cobertores novos. A medida é adotada para evitar a disseminação da COVID-19. Podem realizar a doação dos cobertores pessoas físicas e jurídicas. A campanha termina no dia 22 de setembro. A ação é uma iniciativa do Fussp (Fundo Social de São Paulo), em parceria com o Funsol-Hortolândia (Fundo Social de Solidariedade). A campanha conta com o apoio da Prefeitura de Hortolândia, por meio da Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social. Até o momento, as coletas serão realizadas por equipes da Administração Municipal nos locais identificados pelos doadores. 

“Estamos buscando soluções para ampliar a coleta dos cobertores com segurança. Neste ano, a campanha está diferente e precisamos achar a melhor forma para praticar a solidariedade, evitando a disseminação do Coronavírus”, explica a presidente do Funsol (Fundo Social de Solidariedade) do município, Leila Pereira Dobelin.

Informações de como realizar as doações podem ser obtidas por meio do telefone 3965-1400, no ramal 8224 ou pelo email:
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 9h as 15h.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Noticias

Publicidade

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA