Connect with us
Publicidade

Nossa Cidade

Carreta escola da CPFL ensina uso racional de energia em Hortolândia

Prefeitura

Publicado

em

Aprender ciências pode ser muito divertido. Em meio aos jogos e experimentos tecnológicos da unidade móvel do projeto CPFL nas Escolas, estudantes do Ensino Fundamental da rede municipal divertem-se, até sexta-feira (13/09), aprendendo sobre diversos tipos de energias e como é importante usá-las com sabedoria para manter o planeta em equilíbrio e pronto para receber as próximas gerações. O projeto realizado pela CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz) tem o apoio da Prefeitura, por meio da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, e envolve cerca de 1.200 alunos de 16 escolas participantes, 15 delas municipais. A carreta escola está temporariamente estacionada na FACH (Faculdades de Hortolândia), instituição parceira da Administração Municipal, localizada na Av. Santana, s/n, no Jd. Amanda.

Em visita à unidade móvel, na manhã desta terça-feira (10/09), um jovem de cabelos brancos aventurava-se com os amigos de 10 anos na disputa pelo “Pinball”. O dispositivo que se assemelha ao antigo jogo de “aquaplay”, porém em tamanho grande, transforma a energia elástica em potencial gravitacional e esta em energia elétrica. Combinadas, elas provocam o deslocar da bolinha. No “Vielle Musical”, o prefeito Angelo Perugini surpreendeu-se ao “tocar piano” com um simples girar de manivela. Com a força do movimento, as teclas do instrumento se movem e produzem som. No “Guindaste eólico”, é a energia do vento que faz o cesto se deslocar, chegando até o alto.

Publicidade

“A criançada vem aqui e se apaixona. Eles ficam motivados e entendem como funcionam as coisas de maneira prática, diferente do livro e da sala de aula. Acredito que daqui vai sair muita gente com vontade de se aprofundar nas ciências. Visitei no domingo um dos maiores cientistas do Brasil, Rogério Cerqueira Leite, hoje com quase 90 anos. Um menino simples que nasceu e quis aprender. Foi com brincadeiras assim, coisas simples que o motivaram a ser um dos maiores cientistas do país. Uma criança que se sente motivada a aprender uma matéria, como está sendo passado aqui, sente-se mais capacitada, mais segura de si e vai ter mais amor pelo estudo, pela dedicação. Este projeto é uma coisa impressionante”, afirmou o prefeito, agradecendo à CPFL e à FACH pelas parcerias que auxiliam o desenvolvimento de Hortolândia, em várias áreas

“É muito importante proporcionar para as crianças a experiência concreta, através de atividades lúdicas, dinâmicas, que despertem o interesse delas e contextualizam todo o material didático enviado para as escolas e que foi usado na formação dos professores. É uma aprendizagem muito significativa. Dentro do material pedagógico existem também situações com as quais eles podem fazer atividades envolvendo as famílias, chamando todos para as responsabilidades e despertando também, com toda essa consciência ecológica e cidadã, o interesse pelos estudos e, por que não, para uma profissão para o futuro”, assinala a diretora de Educação Básica, Maybe Letícia Lordano de Freitas.

“Eu me diverti muito. Aprendi que dá para fazer luz sem usar a tomada”, comentou a pequena Eduarda Lopes de Oliveira Marmol, de 10 anos, estudante do 4º ano da Emeief (Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental) Profa. Patrícia Maria Capelato Basso, no Jd. São Sebastião. A colega de sala, Letícia Gonçalves da Silva, também de 10 anos, achou a aula na carreta escola “divertida”. “O líquido subiu com o calor da minha mão”, comentou a menina, com certo espanto. “Aprendi que temos que preservar a energia e a natureza, porque o planeta está em risco”, complementou a garota.

Para o professor especialista em Educação Especial, Bruno Felipe Muniz, responsável pela turma, a atividade envolve também alunos com deficiência, como os que ele trouxe naquela manhã. “É muito interessante. Conhecemos mais sobre as formas de energia e como economizar em casa. Vi experimentos que não sabia que pudessem ser feitos. Motivam o estudante a ampliar seus conhecimentos. Todos eles aproveitaram bem e participaram”, afirmou o docente.

As secretárias Sandra Fagundes Freire e Roberta Moraes Diniz (respectivamente titular e adjunta de Educação, Ciência e Tecnologia), bem como o diretor da FACH, Alex Candiago, acompanharam a visita. 

CPFL nas Escolas

O projeto CPFL nas Escolas visa ensinar às futuras gerações de consumidores, desde cedo, como usar energia elétrica de forma eficiente e segura. A iniciativa oferece, ainda, material didático e formação de professores para que sejam multiplicadores de conteúdo em sala de aula. Entre os temas abordados na formação técnica dos docentes estão eficiência energética, consumo consciente e segurança no convívio com as redes de energia.

Na unidade móvel de ensino, os estudantes participam de jogos e desafios centrados no uso da energia elétrica de maneira consciente e segura. A proposta da carreta-escola é convidar crianças e jovens a explorar o universo da energia, de maneira lúdica, divertida.

Confira a lista de escolas participantes:

1.EMEB Interlagos

2.EMEB Josias da Silva Macedo

3.EMEF Armelinda Espurio da Silva

4.EMEF Jardim Amanda I (CAIC)

5.EMEF Dona Ana Jose Bodini Januário

6.EMEF Jardim Primavera

7.EMEF Nicolas Thiago dos Santos Lofrani – Sumarezinho

8.EMEF Professor Cláudio Roberto Marques

9.EMEF Professor Marleciene Priscila Presta Bonfim

10.EMEF Professora Janilde Flores Gaby do Vale

11.EMEF Professora Lílian Cristiane Martins de Araújo

12.EMEF Professora Patrícia Maria Capelato Basso

13.EMEF Renato da Costa Lima

14.EMEF Salvador Zacharias Pereira Junior

15.EMEF Taquara Branca Agenor Miranda da Silva

16.Serviço Social da Industria SESI CE437 Hortolândia

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Cidade

Prefeitura reforça sinalização para readequar fluxo de veículos próximo à rua dos Estudantes

Portal Hortolândia

Publicado

em

A Prefeitura de Hortolândia iniciou, na manhã desta quinta-feira (24/09), o reforço na sinalização viária nas ruas Lídia Giroto Navarto e João Paiva, além das Ruas Três e Cinco, na região do Jardim do Bosque. No local, as equipes da Secretaria de Mobilidade Urbana reforçam a pintura das faixas de rentenção, dos “PARES” obrigatórios e das faixas duplas amarelas contínuas.

Na mesma região, também foi iniciada a pré-marcação da sinalização na rua Terezinha Navarro da Silva, no trecho entre a avenida da Emancipação e a rua dos Estudantes. De acordo com a Secretaria de Mobilidade Urbana, a ação na rua Terezinha Navarro da Silva tem o objetivo de preparar o local para quando for concluída a construção de uma rotatória na rua dos Estudantes. A partir daí a via passará a ser “mão-dupla”, ou seja, receber o tráfego nos dois sentidos já que hoje, apenas um sentido da via recebe o fluxo do trânsito.

Publicidade

“Estamos trabalhando em meio à comemoração da Semana Nacional do Trânsito. Esta é mais uma ação da Prefeitura para celebrar esta importante semana de conscientização. As adequações no trânsito da região organizam o tráfego, melhoram o fluxo, evitam congestionamentos e excesso de velocidade que podem causar acidentes”, explica o diretor de operações da Secretaria de Serviços Urbanos, José Eduardo Vasconcellos. O serviço continuará nos próximos dias.

Segurança viária cresce em Hortolândia

Para salvar vidas no trânsito, a Prefeitura realiza, desde 2017, uma série de ações, que vão de atividades educativas com motoristas e pedestres, reforço na sinalização, até a implantação de radares controladores de velocidade, principal medida adotada pela Administração Municipal para a redução de mortes no trânsito da cidade. Os dispositivos começaram a funcionar em janeiro do ano passado.

Outra medida importante é a instalação de dois painéis eletrônicos com informações sobre o trânsito, nas entradas da cidade. Eles já estão em funcionamento. O objetivo é informar ao motorista sobre o fluxo do trânsito no município, além de dar avisos necessários para a boa fluidez do tráfego, cuidados e bem-estar pessoal.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Amanda recebe mutirão de zeladoria e limpeza

Portal Hortolândia

Publicado

em

O trabalho de limpeza, poda do mato e zeladoria é realizado pela Prefeitura de Hortolândia em todo o Jardim Amanda. Ruas, avenidas, áreas verdes e espaços públicos de lazer recebem, há uma semana, o mutirão que beneficia a região mais populosa da cidade e lá permanecerá por mais uma semana.

Além disso, é feita a retirada de entulho descartado irregularmente e limpo o espelho d’água das lagoas. Equipes da Administração Municipal realizam limpeza e varrição, pintura das guias das calçadas e canteiros centrais de ruas e avenidas.

Publicidade

“Esta é mais uma etapa dos trabalhos que acontecem, diariamente, em diversas regiões da cidade. O objetivo é manter a cidade limpa e evitar focos de doenças como a Dengue ou outras transmitidas por animais peçonhentos, além de queimada e incêndios que acontecem com acúmulo de matéria orgânica ou descartes irregulares de objetos”, explica o secretário de Serviços Urbanos, Francisco Raimundo da Silva.

Descarte irregular é crime e provoca incêndio

O descarte irregular de lixo, entulho e resíduos é crime ambiental sujeito a multa, além de contribuir para a transmissão de doenças pelo abrigo de animais peçonhentos. De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas e veículos que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde, disponível para download gratuito, nas plataformas Google Play ou App Store. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

Serviços na rede de esgoto também são realizados

Desde o início da semana, equipes da Prefeitura, em parceria com a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), realizam reparos e manutenção na rede coletora de esgoto também no Jardim Amanda.

Serviços na rede foram realizados ainda no Remanso Campineiro e no Parque do Horto.  O objetivo da ação é a cidade atingir 100% da coleta e tratamento do esgoto. Em 2017, a cidade possuía 92,44% de cobertura do serviço.  Atualmente, o índice em Hortolândia é de 97,6%.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Empreendimento lança apartamentos beneficiados pelo Minha Casa Minha Vida

Redação

Publicado

em

Por

Em meio à crise financeira provocada pelo novo coronavírus, algumas empresas seguem na contramão e investem em novos projetos. É o caso da Longitude Incorporadora, que acaba de lançar o Stuppendo Residencial, no bairro Chácaras Assahy, em Hortolândia. A incorporadora aposta no mercado de faixas 1,5 e 2 do programa Minha Casa Minha Vida, com taxas de juros reduzidas e facilidades de pagamento durante a pandemia, para oferecer oportunidades de imóveis para quem deseja sair do aluguel.

Além do Stuppendo, o bairro conta com outros dois empreendimentos lançados pela Longitude, o Perfetto e o Allegro Residencial, com obras em andamento. Com localização privilegiada, a 5 minutos do centro de Hortolândia e 15 minutos de Campinas, o bairro tem no entorno empresas de grande porte e acesso fácil às rodovias dos Bandeirantes e SP-101.

Publicidade

Os apartamentos, com projeto inteligente e dependências bem distribuídas, têm dois dormitórios, sala, cozinha e banheiro, além de vaga na garagem e portaria monitorada 24 horas por dia. O empreendimento dispõe ainda de área de lazer com playground e piscina para adultos e crianças.

“Nossa atuação em mais de 15 cidades do interior paulista é reconhecida pela transparência e o respeito com que realizamos os negócios e também pelo compromisso com os prazos de entrega dos empreendimentos”, diz o diretor executivo da Longitude Guilherme Bonini.

Os apartamentos são comercializados a partir de RS 133 mil, com facilidade de financiamento, uso do FGTS e com ITBI e registro grátis.

O novo empreendimento é voltado a famílias que se enquadram nas faixas 1,5 (renda bruta familiar até R$ 2.600,00) e 2 (até R$ 4.000,00) do programa Minha Casa Minha Vida. “Essas faixas de imóveis têm demanda reprimida, agravada principalmente pela falta de lançamentos durante a pandemia. Neste empreendimento, o valor do imóvel, o subsídio do governo e as parcelas pequenas impulsionam o sonho das famílias destas faixas de renda que querem sair do aluguel”, afirma.

Oportunidades

Além das taxas reduzidas de juros para os compradores de imóveis, o Stuppendo Residencial chega em um momento importante de retomada das atividades econômicas no geral, lançando oportunidades para corretores que atuam em Hortolândia, cidade com um PIB perto de 12 bilhões e celeiro de grandes empresas brasileiras e multinacionais. “Em nosso site, temos uma área exclusiva para imobiliárias e corretores interessados em se tornarem parceiros em nossos empreendimentos”, indica Guilherme Bonini.

Serviço

A Longitude Incorporadora tem à disposição dos interessados um apartamento decorado do Stuppendo Residencial.

Os protocolos de segurança diante da pandemia de Covid-19 são rigorosamente seguidos para que o cliente possa visitá-lo e realizar o sonho da casa própria.

Para visitas, basta agendar pelo WhatsApp (19) 99984-1079.

Rua Luís Camilo de Camargo, 935, Hortolândia (SP).

Para ficar mais fácil, digite no Waze: plantão de vendas Longitude.

Saiba mais

www.residencialstuppendo.com.br

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Noticias

Publicidade

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares