Connect with us

Nossa Cidade

Com nova iluminação de LED, Hortolândia ficará mais segura

Prefeitura

Publicado

em

A Prefeitura de Hortolândia inicia, nas próximas semanas, a troca das lâmpadas de vapor de sódio de todas as ruas da cidade por luminárias de LED. Ao todo, 22 mil lâmpadas serão substituídas pelas novas luzes, que oferecem mais claridade e, com isso, aumentam a segurança nas ruas da cidade à noite. A comandante da Guarda Municipal, Michele Cardena Quinette, afirma que quando há uma boa iluminação pública, a ação criminosa fica difícil de ser cometida. “A luminosidade nas ruas e avenidas significa mais segurança à população. Criminosos aproveitam áreas escuras para praticar furtos, roubos e outras ações. A falta de luz também facilita o esconderijo deles em árvores e terrenos, por exemplo. Além disso, quando há câmeras de monitoramento, inclusive particulares, o reconhecimento destes criminosos pelas câmeras fica mais complicado sem a nova iluminação”, explica Michele.

No início deste mês, o prefeito Angelo Perugini assinou o contrato de PPP (Parceria Público Privada) e apresentou o projeto para ações de modernização, manutenção e gestão da iluminação pública, que inclui como ação inicial a troca das lâmpadas. O serviço começará pela região do Jardim Amanda, onde serão substituídas 2.603 luminárias. Mas em alguns pontos da cidade, as luminárias de LED já estão em funcionamento desde o ano passado. São locais como a avenida Antônio da Costa Santos, que vai do Jd. Nova América ao Jd. Novo Ângulo. A via serve como traçado para o Corredor Metropolitano e, por isso, recebeu a nova iluminação no contrato que prevê implantação de luminárias nas principais avenidas da cidade. A iluminação de LED neste trecho foi implantada em novembro do ano passado.

Cidade Inteligente

Para o secretário de Planejamento Urbano, Carlos Roberto Prataviera Junior, a meta da Prefeitura é que todas as ruas da cidade tenham 100% de luminárias LED até o final de 2021, o que além de garantir mais segurança à população, trará economia aos cofres públicos e colocará Hortolândia na lista das cidades inteligentes do Brasil. “Além de apresentarem um impacto ambiental menor, as lâmpadas de LED são muito mais econômicas. O que vamos economizar, em 30 anos, será um montante considerável. Hoje, a Prefeitura paga R$ 600 mil por mês em iluminação pública. Com as lâmpadas de LED, esse valor será de 200 mil por mês”, afirmou o secretário.

Com a assinatura da PPP, a Prefeitura de Hortolândia garante a eficiência dos projetos de iluminação, com a atuação de empresas especializadas, que terão um período de concessão de 30 anos para explorar o serviço. De acordo com a Secretaria de Planejamento Urbano, além da troca das lâmpadas, o consórcio Ilumina Hortolândia fará ações para monitoramento inteligente.

Exemplo disso é a possibilidade de uso de transmissores de dados em cada luminária, capazes de reduzir o nível de luminosidade das lâmpadas nos horários em que há menos fluxo de pessoas nas avenidas e parques, colaborando para a economia de energia. Além disso, será possível monitorar falhas, como lâmpadas queimadas, o que garantirá manutenção mais rápida, além de eficiência energética e economia aos cofres públicos. Outra possibilidade é a utilização destes transmissores para serviços de diversas naturezas, como monitoramento de queimadas com sensores de fumaça instalados nestes transmissores. O conceito de cidade inteligente é justamente usar tipos diferentes de sensores eletrônicos para coletar dados e gerenciar recursos de forma eficientemente.

PIC

Os investimentos em iluminação pública fazem parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento) implantado pela Prefeitura para incentivar o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. O programa prevê mais de 100 obras e serviços, em diversas áreas. Para estas intervenções, o município conta com apoio de recursos da iniciativa privada e dos governos estadual e federal, sendo que a principal fonte de recursos é um financiamento junto ao banco internacional CAF.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Nossa Cidade

Grupo de Hortolândia arrecada alimentos e produtos de higiene para doação

Portal Hortolândia

Publicado

em

O Grupo Amigos Unidos Pelo Bem vem arrecadando alimentos e produtos de higiene para doar a moradores em situação precárias conta do novo coronavírus – Covid-19.

O grupo já conseguiu 13 cestas básicas graças a amigos e as amigas que colaboraram com as doações. Cada cesta tem um valor aproximado de R$ 100.

A meta do grupo é ajudar ao menos 20 famílias.

Para contribuir e doar basta entrar em contato pelo telefone/whatsapp (19) 97403-0829.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Hortolândia adquire 15 monitores multiparâmetros com recursos doados pelo Judiciário estadual

Prefeitura

Publicado

em

Na campanha de enfrentamento ao Coronavírus, Hortolândia ganha um reforço tecnológico importante. A Prefeitura acaba de adquirir 15 monitores multiparâmetros, que serão utilizados no Hospital Municipal Mário Covas e na UPA-24h (Unidade de Pronto Atendimento) Jardim Nova Hortolândia, onde foi montada a Unidade Respiratória com 30 leitos que atenderão casos de baixa e média complexidade. A aquisição dos equipamentos foi feita com recursos doados pelo Poder Judiciário estadual. 

De acordo com a Secretaria de Saúde, o monitor faz a leitura dos sinais vitais do paciente, indicando, em tempo real para a equipe médica, por meio de informações na tela, alarmes visuais e sonoros, qual a atual condição de saúde do paciente. O aparelho é obrigatório em unidades de emergência. 

O monitor já vem com alguns parâmetros básicos configurados de fábrica, mas que podem ser alterados pela equipe médica, de acordo com características específicas de cada paciente ou da situação de uso. O aparelho possui alarmes sonoros que são disparados quando algum sinal vital do paciente atinge níveis diferentes dos programados. 

“Por meio das informações exibidas na tela e dos alarmes sonoros, o monitor indica à equipe de profissionais de saúde que acompanha o paciente se o caminho que está sendo seguido está correto para salvar a vida dele, se as medicações aplicadas estão surtindo efeito, entre outros fatores”, explica a secretária de Saúde, Mary Guiomar Almeida Rocha. 

Um dos sintomas da COVID-19 é a dificuldade para respirar. Neste sentido, o monitor é útil, porque lê a frequência respiratória, que é diferente para cada idade. Por isso, segundo a secretária de Saúde, o aparelho é tão importante para que as equipes médica e de enfermagem identifiquem rapidamente qualquer desconforto ou alteração respiratória do paciente que pode, inclusive, ser indicação de alguma complicação mais grave.

Dentre outros sinais vitais que o equipamento monitora estão pressão arterial, verificação do nível de oxigênio presente no organismo do paciente e temperatura corporal. Além desses 15 monitores, a Secretaria de Saúde adquiriu recentemente outros quatro aparelhos, com recursos oriundos de verba parlamentar.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Desinfecção do Terminal Metropolitano de Hortolândia é intensificada

Prefeitura

Publicado

em

A partir de agora, a limpeza do Terminal Metropolitano de Hortolândia foi reforçada, a pedido da Prefeitura. A higienização do espaço é realizada todas as noites para ajudar a conter a disseminação do Coronavírus (COVID-19). A iniciativa da Secretaria de Mobilidade Urbana, conta com a parceria da Viação Lira, responsável pela administração dos ônibus na cidade, e da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos), administradora do Terminal, localizado entre as avenidas Olívio Franceschini e Santana. O terminal é o ponto de partida e de chegada de ônibus que realizam o transporte coletivo urbano dentro de Hortolândia e para cidades outras cidades da região.

De acordo com a Secretaria de Mobilidade Urbana, a ação visa evitar a proliferação da doença. O trabalho é realizado após o encerramento das viagens de ônibus, com o fechamento do terminal. A lavagem dos bancos, da calçada e do asfalto acontece com uma máquina, onde a mistura de água e cloro é expelida por alta pressão, realizando a limpeza e a desinfecção do espaço.

“Também foi intensificada a limpeza diária nos ônibus do transporte coletivo municipal. Estas ações garantem a desinfecção e levam mais segurança à população que necessita utilizar o transporte público durante esta pandemia”, explica o secretário de Mobilidade Urbana, Atílio André Pereira.

Confira abaixo os telefones disponíveis para informações e dúvidas sobre o Coronavírus, em Hortolândia:

(19) 99976-2434

(19) 99929-8987

(19) 97171-5369

(19) 99976-2498

(19) 99976-2276

(19) 99920-3204

#HortolândiaSolidária #FiqueEmCasa #Coronavírus

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo