Connect with us
Publicidade

Nossa Cidade

Corredor Metropolitano tem obra de guias e sarjetas em andamento perto do presídio

Prefeitura

Publicado

em

A Prefeitura de Hortolândia acompanha o andamento das obras de continuidade do Corredor Metropolitano, que se concentram no bairro Chácaras Nova Boa Vista, na área em frente ao presídio. A EMTU (E,mpresa Metropolitana de Transportes Urbanos), responsável pelo serviço, trabalha na implantação de guias e sarjetas no novo viário, que segue em direção ao Km 5 da Rodovia Jornalista Francisco Aguirre de Proença (SP-101). A partir deste ponto, o corredor expresso terá ligação com a alça que está em construção na SP-101, para servir de nova entrada da cidade. Os veículos que chegarem em Hortolândia vão passar pelo Parque Peron, Novo Ângulo e Nova América até chegarem à Ponte da Esperança (estaiada), construída pela Prefeitura para integrar as regiões da cidade.

No futuro, o Corredor Metropolitano integrará toda a região por meio de um viário expresso, desde Americana, passando por Santa Bárbara D’Oeste, Nova Odessa, Sumaré, Hortolândia, até Campinas.

A obra do Corredor Metropolitano faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), implantado pelo prefeito Angelo Perugini para estimular o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. O programa prevê mais de 100 obras e serviços, em diversas áreas. Para estas intervenções, o município conta com recursos financeiros da iniciativa privada, dos governos estadual e federal, sendo que a principal fonte de recursos é um financiamento junto ao banco internacional CAF.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Cidade

Hortolândia recebe mais de R$1,5 milhões da Lei Aldir Blanc para a cultura

Portal Hortolândia

Publicado

em

Para auxiliar trabalhadores da cultura, prejudicados pela pandemia do novo Coronavírus, a Prefeitura de Hortolândia já recebeu o repasse de R$ 1.519.909,72 para aplicação em ações emergenciais. O recurso foi recebido através da Lei Federal de Emergência Cultural “Aldir Blanc”. Segundo a Secretaria de Cultura, será publicada, na primeira quinzena de novembro, a lista dos agentes, espaços e outras iniciativas do setor que realizaram o mapeamento cultural e estão aptos a receber parte do benefício.

A lista é resultado da primeira etapa do Mapeamento Cultural realizado pela Administração Municipal, com o objetivo de reconhecer todos os participantes da cadeia produtiva que trabalham de forma direta ou indireta com cultura, sendo empresa, entidade ou MEI (Micro Empreendedor Individual) dos mais diversos segmentos: música, teatro, dança, arte de rua, literatura, artesanato, sonorização, produção cultural, dentre outros.

Para realizar o acompanhamento, análise e aprovação dos mais de 200 cadastros recebidos, foi instituído o Comitê Gestor de Acompanhamento e Fiscalização, composto por quatro membros da Secretaria de Cultura e quatro membros da sociedade civil. O objetivo é garantir contribuições e a participação popular em todo o processo. Os membros do Comitê deverão, ainda, elaborar, analisar e aprovar a prestação de contas, referente à execução dos recursos, reunindo-se periodicamente, de forma presencial ou virtual, conforme a necessidade de trabalho decorrente de suas atribuições.

Para o inciso II, a previsão é que o município repasse R$460.000,00 do valor recebido e o restante para o inciso III. Conforme prevê a Lei, os recursos podem ser realocados entre os incisos. Para o inciso III, os editais estão sendo finalizados e deverão ser publicados no Diário Oficial Eletrônico do município.

“Já publicamos toda a regulamentação municipal, realizamos os atendimentos com os cadastros e reuniões online de tira-dúvidas. Estamos unindo esforços com a sociedade civil para que todo esse trabalho, em torno do repasse da Lei, seja realizado com transparência, seriedade e agilidade, pois nossos fazedores de Cultura necessitam o quanto antes do auxílio”, destacou a secretária de Cultura, Alessandra Amora Barchini.

Mapeamento cultural

A Administração Municipal finalizou, em 15 de outubro, a segunda etapa do Mapeamento Cultural no município. Foram feitos 201 cadastros, entre espaços culturais, agentes, grupos, coletivos, empresas, entidades, cooperativas e eventos regulares da cadeia produtiva cultural que atuam na cidade. O prazo estipulado na primeira etapa (até 18 de setembro) foi para que o município conseguisse ter uma base para cumprir o inciso II e III do art. 2° da Lei. A segunda etapa, encerrada em 15 de outubro, estabeleceu a primeira lista de possíveis beneficiados pelo II. Segundo a Secretaria de Cultura, o cadastro é permanente.

A LEI

A Lei Federal 14.017/2020, de 29 de junho de 2020, conhecida como Lei Aldir Blanc, tem como objetivo central estabelecer ajuda emergencial para artistas, coletivos e empresas que atuam no setor cultural e atravessam dificuldades financeiras durante a pandemia.

Em homenagem ao compositor e escritor Aldir Blanc, que morreu em maio, vítima da COVID-19, o projeto vem para socorrer profissionais e espaços da área que foram obrigados a suspender seus trabalhos. A Lei determina a liberação de R$ 3 bilhões em auxílio financeiro a artistas e a estabelecimentos culturais durante a pandemia do Coronavírus.

Os recursos devem ser aplicados por estados, Distrito Federal e municípios, em renda emergencial para os trabalhadores do setor, subsídios para manutenção dos espaços culturais e instrumentos como editais e prêmios.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Hospital Municipal está com novo aparelho de esterilização de materiais de cirurgias

Portal Hortolândia

Publicado

em

A esterilização de utensílios hospitalares, como os necessários em procedimentos cirúrgicos, é essencial para segurança dos pacientes e profissionais. Para aumentar ainda mais este cuidado, a Prefeitura de Hortolândia instala uma nova autoclave no Hospital Municipal Mario Covas, equipamento que faz a esterilização de materiais e utensílios utilizados em procedimentos. De acordo com a Secretaria de Saúde, o novo aparelho já está em funcionamento.

A diretora de atenção especializada da Secretaria de Saúde, Fátima Gomes, ressalta que a instalação do novo equipamento é uma grande conquista para a população. “A autoclave tem que funcionar 24h para a realização de procedimentos cirúrgicos, inclusive os de emergência. Por isso, o novo aparelho é um importante benefício para os pacientes do hospital”, destaca Fátima. A nova autoclave é de última geração, feita em aço inoxidável e tem maior autonomia com menor consumo de energia. A autoclave utilizada até então era um modelo eficiente também, mas o equipamento já estava antigo e por isso foi substituído.

A instalação da nova autoclave é uma das etapas da reforma do Hospital Municipal que já está em curso. Em agosto deste ano, foram concluídas as etapas da nova sala de parto do hospital e do Pronto Atendimento Ginecológico e Obstétrico.

Na reforma, são investidos R$ 12,5 milhões nesta ação, que inclui reforma desde a fachada até as instalações internas, garantindo a ampliação de 67 para 100 leitos, com 10 vagas de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) adulto. Entre os novos serviços que serão oferecidos no local está o exame de tomografia, medida que colaborará para agilizar o diagnóstico dos pacientes. Além da reforma do hospital, a Prefeitura de Hortolândia desenvolve uma série de obras e ações para a reestruturação do sistema de saúde na cidade, que inclui reforma de UBSs, abertura de farmácias em todas as unidades de saúde, entre outras melhorias que resultam em mais qualidade no atendimento prestado aos munícipes.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Campanha de vacinação contra o Sarampo termina no dia 29 deste mês

Portal Hortolândia

Publicado

em

Você ainda não foi se imunizar contra o Sarampo? Então, é bom se apressar! A campanha de vacinação contra a doença realizada pela Prefeitura de Hortolândia, termina nesta quinta-feira (29/10), em razão do feriado do Dia do Servidor Público, transferido do dia 28 para o dia 30 deste mês.

A vacina está disponível nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do município. Há dois públicos-alvo: a população com idade a partir de seis meses até 29 anos e aqueles na faixa etária de 30 a 49 anos. De acordo com a Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde, até o momento já foram imunizadas 6.835 pessoas, das quais 3.042 da faixa etária de 6 meses a 29 anos, e 3.793 da faixa etária de 30 a 49 anos.

Em virtude de o Sarampo ter contágio rápido, a Secretaria de Saúde reforça a orientação de que quem ainda não recebeu a imunização procure a UBS mais próxima de casa para ser avaliado se há necessidade de tomar a vacina e, com isso, evitar que a doença se alastre pela cidade, neste momento de pandemia. A Secretaria de Saúde ainda salienta que a campanha é para intensificar a imunização contra o Sarampo.

Crianças devem tomar duas doses válidas da vacina contra o Sarampo, sendo a primeira aos 12 meses e a segunda aos 15 meses. A Vigilância Epidemiológica orienta que é importante que crianças a partir de 6 meses a 11 meses recebam a dose zero. Já os adultos precisam ter, pelo menos, duas doses anotadas na carteira de vacinação.

De acordo com informações no site do Ministério da Saúde, o Sarampo é uma doença infecciosa grave, causada por um vírus, que pode ser fatal. A transmissão ocorre quando o doente tosse, fala, espirra ou respira próximo de outras pessoas. A única maneira de evitar o Sarampo é pela vacina. Dentre os sintomas da doença estão febre acompanhada de tosse, irritação nos olhos, nariz escorrendo ou entupido e mal-estar intenso.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Noticias

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares