Connect with us
Publicidade


Nossa Cidade

Idosos participam de Campanha do Laço Branco com vídeo de combate à violência contra a mulher

Prefeitura

Publicado

em

Cinco idosos inscritos no CCMI (Centro de Convivência da Melhor Idade), programa da Prefeitura de Hortolândia, protagonizam um vídeo que alerta sobre os tipos e números da violência contra a mulher no Brasil, atualmente. É a campanha do Laço Branco, em que homens buscam sensibilizar outros homens sobre o tema, uma iniciativa da Secretaria de Governo, que integra os “16 dias de ativismo” pelo fim da violência de gênero. A partir desta quarta-feira (25/11), Dia Nacional de combate à violência contra a mulher, o vídeo estará disponível nas redes sociais da Prefeitura (https://www.facebook.com/prefeituradehortolandia e https://www.instagram.com/prefeitura.hortolandia/). 

Lançada no município em 2017, a Campanha do Laço Branco abraça a mobilização mundial em que homens já sensibilizados buscam sensibilizar outros homens para a causa. A mobilização é realizada em parceria com o CMDM (Conselho Municipal dos Direitos da Mulher).

Além de publicar o vídeo, ainda nesta quarta-feira, às 17h15, integrantes do Departamento de Direitos Humanos e do Conselho Municipal realizam blitz, com distribuição de panfletos informativos, na Av. Luís Camilo de Camargo, na Região Central. No mesmo horário, ocorre roda de conversa sobre o tema na sede do CRAM (Centro de Referência e Atendimento à Mulher) “Débora Regina Leme dos Santos”.

Atualmente, o CCMI reúne aproximadamente 1.500 idosos cadastrados, nas duas unidades, Remanso Campineiro e Jd. Amanda.

Dados do Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para Mulheres da Secretaria de Governo mostram que, somente neste ano, até o momento, 386 mulheres, vítimas de violência, foram atendidas no CRAM. Desde 2017, quando o órgão especializado foi criado, a equipe multi profissional já realizou mais de 1.930 procedimentos, entre acolhimentos e atendimentos psicossocial; orientação jurídica à vítima; registro de Boletim de Ocorrência Eletrônico; acompanhamento ao IML (Instituto Médico Legal), a hospitais e UPAs-24h (Unidades de Pronto Atendimento); retiradas de pertences com apoio da GM; além de recâmbio para cidades de origem e famílias extensivas.

A campanha “16 dias de ativismo” inclui diversas ações e atividades (veja abaixo) que se estendem até 10 de dezembro. O objetivo é sensibilizar a população no sentido de perceber e enfrentar as diversas modalidades de agressão à figura feminina.

16 dias de ativismo

Segundo o Departamento de Direitos Humanos, a Campanha dos “16 dias de ativismo” foi lançada em 1991 por 23 mulheres de diferentes países, reunidas no Centro de Liderança Global de Mulheres para promover o debate e denunciar as várias formas de violência contra as mulheres. O período engloba datas históricas significativas, marcos de luta das mulheres, iniciando em 25 de novembro, declarado o Dia Internacional de Não Violência Contra as Mulheres, e finalizando em 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos. No Brasil, a Campanha foi antecipada para 20 de Novembro, Dia Nacional da Consciência Negra, fazendo o reconhecimento histórico da opressão e discriminação contra a população negra e, especialmente, as mulheres negras brasileiras cujas vidas são marcadas pela opressão de gênero, raça e classe social.  

A campanha inclui ainda publicação de vídeos com idosos da Melhor Idade, distribuição de panfletos, roda de conversa com live, palestras sobre temas relacionados, campanha do Laço Branco e Blitz do “Não é Não”.

 

Confira abaixo a programação da campanha:

19/11, 19h – Celebrando a Consciência Negra – Live com a presidente do Conselho da Igualdade Racial

Local: Aplicativo Zoom

 

25/11, 17h15 – Dia Nacional de combate à violência contra a mulher

Local:  Região Central – CRAM e Blitz na Av.Luís Camilo de Camargo

 

25/11 – Publicação de vídeo com idosos do CCMI (Centro de Convivência da Melhor Idade) com mensagens de conscientização

 

26/11, às 16h – Tema: “Conquista Femininas” (roda de conversa)

Local: Centro Comunitário Igreja Matriz Nossa Sra. Do Rosário – Vila Real

 

27/11 – Tema: “A Mulher e a Cultura do Cancelamento”

Local: Roda de conversa com live

 

30/11, 19h – Tema: Mulher e empreendedorismo

Local: Casa Quilombola

 

01/12, 8h30 – Tema: Violência Sexual / Estupro Culposo

Local: Sede da GM (Guarda Municipal)

 

02/12 – Tema: A violência contra a Mulher com Deficiência

Local 1: 9h – Sala de reunião do HORTOFÁCIL

Local 2: 10h – Blitz no semáforo da Rua Argolino de Moraes com representantes do Conselho de PCD

 

03/12, 9h – Tema: O aumento da violência doméstica contra a mulher no período de isolamento social

Local: CCMI (Centro de Convivência da Melhor Idade) Jd. Amanda, na Av. Princesa Isabel ,1280 Jd. Amanda I

 

04/12 – Tema: Dia D Campanha do Laço Branco (distribuição de laços brancos)

Local: : Equipamentos da Prefeitura (mobilizar servidores, comércio e comunidades locais a usar branco neste dia – divulgação em mídias sociais e digitais)

 

07/12, 18h – Tema: O Homem pelo fim da violência contra a mulher

Local: CRAM Roda Conversa com Conselheiras do Conselho Municipal de Diretos das Mulheres

 

08/12, 9h – Violência doméstica não respeita Idade 

Local: Centro de Conivência da Melhor Idade Remanso

 

09/12 – Tema: Publicação Vídeo com as idosas do Centro de Convivência da Melhor Idade enfatizando a importância do Não é Não 

 

10/12 – Dia Internacional dos Direitos Humanos – Os Direitos Humanos são definidos como direitos assegurados a todos os seres humanos, um ideal a ser atingido, independentemente de nacionalidade, sexo, etnia, religião, língua, opinião política ou qualquer outro critério desse tipo

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Cidade

Coronavírus Hortolândia: 7108 casos confirmados, 6745 curados e 197 óbitos

Redação

Publicado

em

Por

O boletim sobre coronavírus divulgado pela Secretaria de Saúde de Hortolândia, nesta sexta-feira(22) mostra que o município teve 7108 casos confirmados, 6745 curados e 197 óbitos.

Casos confirmados: 10 pacientes internados em UTI’s fora do município; 01 em enfermaria fora do município; 01 na UTI do Hospital Municipal Mário Covas e 00 na enfermaria; 11 em internação na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia; 143 em isolamento domiciliar.

Casos suspeitos – aguardando exame: 04 casos internados em UTI’s fora do município; 09 em enfermaria fora do município; 01 caso na UTI do Hospital Municipal Mário Covas; 08 em internação na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia; 1200 em isolamento domiciliar.

9066 casos já foram descartados mediante resultado do exame de Covid-19.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Avança obra da terceira faixa na avenida da Emancipação

Prefeitura

Publicado

em

A Prefeitura de Hortolândia realiza intervenções na avenida da Emancipação para intensificar a obra de construção da terceira faixa de rolagem da via, na altura da rua Barão de Itapura, no Residencial Maria de Lourdes. De acordo com a Secretaria de Obras, nesta sexta-feira (22/01), equipes da Administração Municipal realizaram, com maquinários, ajustes como nivelamentos necessários no local onde será a pista, ao lado da da empresa farmacêutica EMS. O trabalho prossegue nos próximos dias. 

Após a obra, motoristas que seguirem pela avenida da Emancipação, sentido Monte Mor/Rodovia dos Bandeirantes, terão maior fluidez no trânsito, sem a necessidade de parar no trevo da EMS. O objetivo da Prefeitura é acabar com o congestionamento de veículos que se forma neste trecho da avenida, principalmente em horários de pico.

Ao todo, serão construídos 550 metros de nova pista, desde o cruzamento com a Rua Barão de Itapura, próximo à empresa Horto Portas e Janelas, até o entroncamento da avenida com a Rodovia Jornalista Francisco Aguirre de Proença (SP-101). Na primeira etapa da obra, iniciada em outubro do ano passado, já houve o afastamento do gradil da EMS e a escavação do trecho para implantação do sistema de drenagem de águas pluviais. Segundo a Secretaria de Obras, o projeto da terceira faixa da avenida da Emancipação terá calçada e ciclofaixa ao lado do gradil da empresa EMS.

Outra obra será realizada pela Administração Municipal, neste mesmo contrato, na Avenida da Emancipação, mas no sentido de entrada da cidade. Trata-se da adequação viária que tornará o trânsito mais seguro para quem vem a Hortolândia pela SP-101.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

O Portal Hortolândia parabeniza o SAMU Hortolândia que completa 13 anos de atividades

Redação

Publicado

em

Por

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) completou nesta semana 13 anos de atividades na cidade de Hortolândia.

O Portal Hortolândia parabeniza a toda equipe que está ou que já passou por lá. Esse serviço essencial que desde sua instalação na cidade vem fazendo diferença no atendimento de Urgência.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Noticias

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares