Connect with us

Nossa Cidade

Onda de calor permanece exige mais cuidado com a saúde

Prefeitura

Publicado

em

Às 14h desta terça-feira (17/09), Hortolândia registrou a umidade relativa do ar em aproximadamente 22,6 %. De acordo com a Defesa Civil estadual, o número coloca a cidade em estado de atenção e é resultado de uma forte massa de ar seco que cobre todo o Estado de São Paulo que, além de diminuir a umidade relativa do ar, aumenta a sensação de calor. A Prefeitura orienta que a população redobre os cuidados com a saúde enquanto a umidade do ar permanecer baixa.

Para enfrentar o calor intenso, é preciso reforçar a hidratação, utilizar roupas leves, evitar exposição prolongada ao sol e, sempre que possível, permanecer em ambientes frescos e sem aglomerações de pessoas. (Confira abaixo outras dicas).

Segundo a Defesa Civil, a umidade do ar é mais baixa, principalmente, no final do Inverno e início da Primavera, período em que estamos. O pico da baixa umidade do ar acontece no período da tarde, entre 12h e 16h. A concentração da poluição ajuda a aumentar os casos de gripe, viroses, doenças respiratórias e alergias. Outros sintomas frequentes são dores de cabeça, tonturas, náuseas e irritação nos olhos, nariz e garganta.  

OPERAÇÃO ESTIAGEM

Para minimizar os efeitos do tempo seco, está em andamento a Operação Estiagem, que começou no dia 1º de Maio e termina no dia 31 de setembro. De acordo com a Defesa Civil, o objetivo da ação é monitorar as queimadas que acontecem em diversos pontos da cidade e alertar a população sobre os impactos que a baixa umidade do ar causa no cotidiano das pessoas.

Segundo a Defesa Civil, o descarte irregular de lixo e entulho em áreas verdes e espaços públicos contribui com o surgimento das queimadas. Além disso, fumar em ambientes fechados é outro vilão para a saúde durante o tempo seco.

Confira mais dicas para evitar problemas de saúde durante a estiagem:

* Beba muita água

* Aumente o consumo frutas e vegetais na alimentação

* Mantenha o ambiente umidificado com equipamentos, toalhas úmidas ou bacias com água distribuídas pelos cômodos. (Não deixe água parada por muito tempo em casa, para evitar que o local se torne um criadouro de insetos transmissores de doenças, como o mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue. O ideal é trocar a água de baldes e bacias, diariamente)

* Limpe a casa com pano úmido

* Mantenha portas e janelas abertas, para melhorar a circulação do ar no ambiente

* Higienize os olhos com algodão úmido para evitar irritações, conjuntivites e outros problemas oculares

* Evite fazer exercícios físicos ao ar livre, entre 11h e 17h

* Evite objetos que acumulam poeira, como tapetes, cortinas e bichos de pelúcia

* Evite o ar condicionado, pois o equipamento resseca ainda mais o ar

* Nunca fume em ambientes fechados

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Nossa Cidade

Detentos sofrem intoxicação alimentar na Penitenciária de Hortolândia

Redação

Publicado

em

Por

Complexo Campinas Hortolândia

Sete detentos do Centro de Progressão Penitenciária de Hortolândia sofreram uma intoxicação alimentar e precisaram de atendimento médico no último fim de semana.

Por conta do acontecido alguns visitas do final de semana foram canceladas.

De acordo com a Secretaria de Seguraça Pública os sete presos são da mesma cela e tiveram diarreia e suspeita de intoxicação alimentar.

Eles foram medicados e encaminhados ao hospital e passam bem.

Ainda não se sabe a causa da intoxicação.

Continue Lendo

Nossa Cidade

Escolinhas Esportivas: vagas disponíveis para vôlei de quadra e de praia

Prefeitura

Publicado

em

O projeto Escolinhas Esportivas da Prefeitura de Hortolândia está com vagas disponíveis para treinos gratuitos de vôlei de praia e de quadra. Para treinar vôlei de praia, meninos e meninas, a partir dos sete anos de idade, podem se inscrever no horário das aulas, que acontecem na Praça Esportes do Santa Clara, localizada na rua Pedro Pereira dos Santos, 179, próxima à antiga UBS Santa Clara. As atividades são realizadas às terças e quintas-feiras, das 14hàs 16h30.

Já os treinos do vôlei de quadra acontecem às segunas e quartas-feiras, das 18h às 19h30, no ginásio Gino Bernardini, localizado ao lado do campo do Jardim Rosolen. A atividade também é para meninos e meninas a partir dos sete anos de idade. Para realizar a matrícula, basta levar comprovante de endereço, RG e uma foto 3×4. 

ESCOLINHAS ESPORTIVAS

No início de 2017, quando o prefeito Angelo Perugini assumiu a Prefeitura, as Escolinhas Esportivas atendiam seis mil alunos em 21 modalidades. De acordo com a Secretaria de Cultura, Esportes e Lazer, com a reestruturação do projeto e a implantação de novos espaços esportivos, foram criadas quase quatro mil novas vagas e outras nove modalidades.

Interessados podem ligar ou se dirigir diretamente aos espaços disponíveis para a prática esportiva mais próximos de suas residências ou por meio do telefone (19) 39651400 no ramal 7409.

Confira abaixo os espaços esportivos e os telefones para mais informações sobre vagas e modalidades à disposição:

 

Ginásio Poliesportivo Victor Savala

Rua Agnaldo Gomes Cardoso, 500 | Jardim Nossa Senhora de Fátima

Telefone:3965-5951

 

Academia Municipal “Jaime Pereira”

Rua Benedito Manduca de Souza, nº 40- Sala 75 e 85 | Jardim das Paineiras

Telefone:3897-1835

 

Poliesportivo “Nelson Cancian”

Rua João Barreto da Silva, 505 – Nova Hortolândia

Telefone: 3865-5577

 

Centro de Especialidades em Artes Marciais “Eliel Gomes”

Rua Brigadeiro Faria Lima, 410 | Vila Real

Telefone: 3897-2070

 

Centro de Treinamento em Ginástica Artística “Yasmin Geovana Santos Bonfin”

Rua Agnaldo Gomes, 500 | Jardim Nossa senhora de Fátima

Telefone: 3809-0509

 

Espaço Cantuário 

R: Luiza Febrônio Marine, 263. Jd. Santa Emília

 

CIF Santa Clara-Rua Pedro Pereira do Santos, 179 | Santa Clara do Lago (Vôlei de areia e Futebol de Areia)

Campo do CVI – Rua Ervin Maier, 320-488 | Jardim Santa Izabel

 

Campo Society do Jardim Adelaide

Rua Paulo Roberto Soares, 363 | Jardim Adelaide  

 

Campo do Jd. Santiago-Rua da Felicidade, s/n | Jardim Brasil

 

Campo da Mina – Avenida Princesa Isabel, s/nº | Jardim Amanda 

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Sarau “Aqui Trem Poesia” retoma em março, com programação mensal

Prefeitura

Publicado

em

Mesmo nestes tempos digitais, o poder da palavra oral continua a encantar as pessoas. Um belo exemplo disso é que o sarau “Aqui trem Poesia” passa a ser mensal. A primeira edição deste ano será no dia 3 de março, às 19h, no Centro de Memória “Professor Leovigildo Duarte Junior”, órgão da Prefeitura, localizado na rua Rosa Maestrelo, 2, Vila São Francisco. 

Outra novidade é que o evento agora será realizado em parceria pelo governo estadual, Prefeitura e IFSP (Instituto Federal São Paulo) – Câmpus Hortolândia. De acordo com a Secretaria de Cultura, o sarau foi um dos projetos contemplados pelo ProAC (Programa de Ação Cultural) – Incentivo ao Desenvolvimento da Cultura Popular, Tradicional ,Urbana, Negra Indígena e Plural. “Com isso, o sarau trará escritores e poetas convidados expressivos do universo da poesia”, destaca a coordenadora do evento, Gabriela Castilho Guimarães. A convidada da primeira edição deste ano será a filósofa, professora e poetisa Maria Vilani, que também é mãe do cantor Criolo.

O sarau manterá o formato com o microfone aberto para a participação do público, que poderá declamar poesias e textos literários, de autoria própria ou de autores conhecidos. O evento continuará sob o comando do músico e poeta Renan Inquérito, que também é o responsável pela curadoria do sarau, acompanhado do DJ Viny. 

MENSAL

De acordo com a coordenadora do evento, o sarau terá seis edições neste ano (de março a agosto), mais uma edição extra, em setembro, a ser realizada pela Prefeitura. Para aguçar o apetite literário e culinário do público, o sarau continuará a ter a banca de troca de livros da Biblioteca Municipal “Terezinha França de Mendonça Duarte” e praça de alimentação. 

E tem mais novidades. Nas edições de maio e junho, o sarau terá as oficinas poéticas, nas quais o público aprenderá a produzir um fanzine coletivo e colaborativo, intitulado “Zine Jacuba”. De acordo com Gabriela, cada oficina terá quatro aulas, de 2 horas de duração cada uma, com vagas para 20 participantes. A ideia é que na última edição, em agosto, seja realizado o lançamento do fanzine.

O sarau também manterá o formato para escolas, como em 2019, chamado “Aqui Trem Poesia na Escola”. O objetivo é levar o clima do evento para alunos de escolas da cidade. Neste ano, está prevista a realização de cinco edições em escolas a serem definidas, também sob o comando de Renan Inquérito.

A secretária de Cultura, Alessandra Amora Barchini, destaca que, com estas novidades, o sarau neste ano alcançará um maior número de pessoas. “O trabalho que a Prefeitura iniciou, em 2019, com o sarau ‘Aqui Trem Poesia’, se expandirá agora graças à parceria com o governo estadual, que contemplou o projeto por meio do ProAC. Com isso, o sarau continuará com o nobre objetivo de levar a poesia falada para pessoas de todas as idades e, assim, democratizar a arte da palavra oral. Outro benefício que a parceria proporcionará é a participação de autores de qualidade e renome no cenário poético, que compartilharão um pouco da sua experiência e de suas obras com o público. Além disso, mantemos o desdobramento do sarau, que é o formato para as escolas, com o objetivo de levar a arte poética para alunos de diferentes escolas da cidade”, destaca Alessandra. 

O SARAU

A Prefeitura de Hortolândia criou o sarau “Aqui Trem Poesia” em 2019, quando foram realizadas duas edições (agosto e outubro). O nome do evento é um trocadilho com a palavra “trem”, em referência à antiga Estação Jacuba, cujo prédio foi restaurado pela Prefeitura, e hoje abriga o Centro de Memória “Professor Leovigildo Duarte Junior”, onde as duas edições do evento foram realizadas. Também no ano passado, a Prefeitura levou evento para cinco escolas públicas da cidade.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo



Max Milhas