Connect with us
Publicidade


Nossa Cidade

ONG Cão Feliz & Cia esclarece óbito de animal após castração

Redação

Publicado

em

A ONG Cão Feliz & Cia, com intuito de esclarecer a morte de um animal após cirurgia de castração, divulgou uma nota em sua rede social. A dona do animal culpa a organização pela morte do mesmo.

Confira a nota na integra:

ONG Cão Feliz & Cia oferece castrações e atendimento clínico à baixo custo

A ONG Cão Feliz & Cia oferece castrações e atendimento clínico veterinário à baixo custo, assim como qualquer outro tipo de campanhas de castração, não se faz pedidos de exames pré operatórios, uma vez que o projeto atende pessoas de renda inferior que não possuem condições de arcar com o custo de tais exames.

Todos os procedimentos são realizados por profissionais qualificados e com inscrição ativa no Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo.

A Tutora em questão assinou o TERMO DE AUTORIZAÇÃO ANESTÉSICA E CIRÚRGICA, onde foi informado os riscos e as reações da anestesia.

As doses anestésicas são aplicadas de acordo com o peso do animal após avaliação prévia feita pelas médicas veterinárias responsáveis, durante o pré operatório.

O animal em questão foi avaliado, sedado, anestesiado e castrado por mim, Alyne Gomes, médica veterinária, e eu como médica veterinária responsável e ética posso garantir que todas as doses de medicamentos estavam corretas.

A tutora em questão que está divulgando em várias páginas a versão dela, retornou à clínica e foi recebida por mim e esclarecidas todas as duvidas questionadas.

Nâo sou médica veterinária de uma ONG para “matar animais” sou médica veterinária de uma ONG porque escolhi com minha profissão ajudar os menos favorecidos, eu poderia trabalhar em qualquer clinica veterinária ou ter a minha própria, mas, por amor que tenho pelos animais e por buscar tds os dias fazer o melhor a quem não tem recursos financeiros para um rede particular, eu escolhi trabalhar em uma ONG.

Ligamos 2 vezes porque ela não veio buscar conforme solicitado na primeira ligação. A gata estava de alta, cobrança antecipada porque é regra para nossa organização e adicional de cobrança, pois ela omitiu que a gata estivesse no cio, sendo assim, somente tomei conhecimento do cio após o inicío da OSH. Nossas castrações são cirurgias eletivas, como estava no cio, há variação de valor social a pagar.

Lamentamos muito o óbito do animal na casa da tutora, mas tenho a Consciência e a Ética como companheiras e jamais agiria com intento criminoso e covarde que ela está me impondo.

O animal ficou em observação (Pós operatório) pelo tempo adequado e saiu bem da clínica e não há como saber o que houve do portão para fora e sermos chamados de AÇOUGUEIROS e que apagamos a gata foi extremamente difamante.
Atenciosamente,

Dra Alyne Gomes

Fonte: https://www.facebook.com/projeto.caofeliz/photos/rpp.1509402189358486/2319615101670520/?type=3&theater

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Cidade

Mutirão de zeladoria e limpeza passa por diversos bairros de Hortolândia

Portal Hortolândia

Publicado

em

Equipes da Prefeitura de Hortolândia trabalham em esquema de mutirão, desde o início da semana, em pelo menos seis bairros de Hortolândia.

O serviço de limpeza, poda do mato e zeladoria acontece em praças, ruas, avenidas, áreas verdes e espaços públicos dos jardins Amanda, Malta, Rosolém, Adelaide, Nossa Senhora Auxiliadora, bem como na Região Central e na avenida da Emancipação. O trabalho continua durante o final de semana e o feriado prolongado.

“Esta é mais uma etapa do trabalho com o objetivo de manter a cidade limpa e evitar focos de doenças, como a Dengue ou outras transmitidas por animais peçonhentos. Pedimos a colaboração da população para evitar descartes irregulares de objetos”, afirma o secretário de Serviços Urbanos, Francisco Raimundo da Silva.

Descarte irregular é crime e provoca incêndio

O descarte irregular de lixo, entulho e resíduos é crime ambiental sujeito a multa, além de contribuir para a transmissão de doenças pelo abrigo de animais peçonhentos. De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas e veículos que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde, disponível para download gratuito, nas plataformas Google Play ou App Store. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Abertas inscrições para o 2º Colóquio de Ciência e Tecnologia promovido pela Prefeitura

Portal Hortolândia

Publicado

em

Já estão abertas as inscrições para o 2º Colóquio de Ciência e Tecnologia, que a Prefeitura de Hortolândia promove, na próxima quarta-feira (04/11), a partir das 19 horas, via plataforma Zoom. O tema “Diálogos sobre Educação e Tecnologias: docência em tempos de pandemia” será desenvolvido pelo

Prof. Dr. Daniel Mill, da UFSCar (Universidade Federal de São Carlos). A atividade online é voltada a servidores da rede municipal de Educação, que devem procurar a gestão da unidade escolar para se inscrever.

No total, foram disponibilizadas 300 vagas para os profissionais da rede municipal de educação de Hortolândia. As inscrições serão encerradas no dia do evento, às 16 horas. O evento é realizado pela Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, por meio do Departamento de Ciência e Tecnologia.

SOBRE O PALESTRANTE

O Prof. Dr. Daniel Mill, da UFSCar é docente e gestor de Educação a Distância (EaD), doutor em Educação pela UFMG, com pós-doutorado pelas Universidade de Coimbra e Universidade Aberta de Portugal. É membro do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Programa de Pós-Graduação em Ciência, Tecnologia e Sociedade.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Linhas intermunicipais passam a operar com mais ônibus em Sumaré, Hortolândia e Campinas

Portal Hortolândia

Publicado

em

São seis ônibus a mais, dois deles articulados, que possibilitam o acréscimo de 37 viagens nos serviços

A partir de hoje (29), seis linhas intermunicipais que atendem as cidades de Hortolândia, Sumaré e Campinas estão operando com um acréscimo de seis ônibus, sendo dois veículos articulados com maior capacidade de transporte. Essa medida propicia um aumento de 37 partidas em quatro serviços e a readequação da programação em mais duas ligações na Região Metropolitana de Campinas (RMC).

Essas reprogramações das linhas foram definidas com base nos acompanhamentos diários realizados pelos fiscais da EMTU/SP, por linha e por faixa horária. Além das fiscalizações em pontos estratégicos da RMC, as medidas se fundamentam nas informações obtidas no Centro de Gestão e Supervisão da empresa, instalado em São Bernardo do Campo, que monitora a operação dos ônibus metropolitanos em tempo real.

Os dois ônibus articulados, com capacidade para transportar 115 pessoas, e os comuns, que podem ser ocupados com cerca de 80 pessoas cada um, estão atendendo as linhas 636TRO, 699TRO, 700TRO e 701TRO. As viagens das linhas 654TRO e 658TRO foram reprogramadas. Os novos horários podem ser conferidos no site www.emtu.sp.gov.br

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Populares