Connect with us

Nossa Cidade

Pela primeira vez, projeto “Achei Um Livro” será realizado no Jd. Amanda

Prefeitura

Publicado

em

Nesta sexta-feira (09/08), Biblioteca Municipal espalhará livros em locais próximos à Escola de Artes “Augusto Boal” 

Mais gente poderá ter a sorte de encontrar um livro na rua. A Biblioteca Municipal “Terezinha França de Mendonça Duarte”, órgão da Prefeitura, realizará, nesta sexta-feira (09/08), o projeto “Achei Um Livro” no Jardim Amanda. Esta será a primeira vez que o projeto acontecerá em um bairro fora da região central, onde está localizada a biblioteca.

O coordenador da biblioteca, Rafael Antonio da Silva, explica que a ação será realizada para atender as sugestões feitas por usuários e leitores que pediram para que o projeto também acontecesse em outras regiões da cidade. 

O Jd. Amanda foi escolhido por ser o bairro mais populoso da cidade e que fica distante da biblioteca. “Com esta novidade, além de democratizar o acesso ao livro e à leitura, queremos levar o convite para conhecer a biblioteca a regiões distantes. É importante ouvir a opinião da comunidade para realizarmos ações deste tipo e que sejam funcionais”, salienta Silva. 

Serão espalhados entre 15 a 20 livros, de diferentes gêneros literários de ficção e não ficção, no entorno da Escola de Artes “Augusto Boal”, localizada na rua Casemiro de Abreu, s/nº, em locais como bancos de praça, pontos de ônibus, embaixo de árvores, equipamentos de academia de ginástica ao ar livre, entre outros. 

Silva ressalta que os livros não ficarão escondidos, eles serão deixados aleatoriamente em diferentes locais. A ideia é instigar a curiosidade das pessoas e fazer com que elas peguem os livros e os levem para casa. 

Para que as pessoas possam identificá-los, os livros estarão embrulhados em papel com a identidade visual da biblioteca e com fita na cor cinza. Na parte externa do embrulho, colado no alto, à esquerda, um aviso traz dicas sobre os temas da obra com os seguintes dizeres: “Pegue este livro se você está interessado em: …”. Os livros serão espalhados no início da manhã. A partir desta primeira experiência no Jardim Amanda, conforme for a repercussão entre a comunidade local, a Biblioteca Municipal pretende realizar o projeto também em outras regiões da cidade.

Ao implementar esta novidade, a secretária de Cultura, Alessandra Amora Barchini, ressalta que a Prefeitura reforça a política pública de levar cada vez mais cultura para toda a população. “Ao realizar, pela primeira vez, o projeto ‘Achei Um Livro’ no Jardim Amanda, a Prefeitura fortalece o compromisso de democratizar o acesso gratuito da população ao conhecimento e à informação. Por meio do projeto, a Administração também quer estimular a comunidade a conhecer e a usufruir da estrutura oferecida pela Biblioteca Municipal”, salienta Alessandra. 

REGIÃO CENTRAL

Também nesta sexta-feira (09/08), a Biblioteca Municipal realizará a tradicional edição do projeto “Achei Um Livro” dentro das dependências do Open Shopping, onde a biblioteca fica, localizado na rua Luiz Camilo de Camargo, 581, região central. Os livros também serão espalhados nas ruas próximas ao estabelecimento. Desta vez, os livros estarão embrulhados com fita verde (foto). De acordo com Silva, serão espalhados de 20 a 30 livros. 

Quem achar um livro nesta sexta-feira pode ajudar na divulgação do projeto nas redes sociais. Basta postar uma mensagem ou foto com o livro achado com as hashtags #acheiumlivrohortolandia e #bibliotecacentralhto. A Biblioteca Municipal funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h50, no piso inferior do Open Shopping. Para mais informações, o público pode entrar em contato pelo número 3387-1684 ou pelo e-mail

\n

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.


O projeto “Achei Um Livro” foi criado em setembro de 2018 e é realizado sempre na segunda sexta-feira de cada mês. Por meio do projeto, a Prefeitura visa a formação e o cadastro de novos leitores na biblioteca, além de estimular a população a conhecer o espaço e, com isso, desmistificar a ideia de que a biblioteca é um lugar elitizado e mostrá-la como um ponto de convivência e de difusão de cultura. Atualmente, a Biblioteca Municipal conta com acervo de cerca de 17.000 títulos e mais de 4.000 usuários cadastrados.

Para quem quer se tornar usuário da biblioteca, é necessário confeccionar a Carteirinha de Leitor na própria Biblioteca. Os interessados têm que levar foto 3X4 recente, cópia da Carteira de Identidade (RG) e cópia de comprovante de residência. Já para menores de idade, é necessário que o pai, a mãe ou responsável leve cópia do RG e autorização. O acervo da biblioteca pode ser consultado via internet, por meio do site http://biblivre.hortolandia.sp.gov.br/Biblivre5/single/.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia



OfertaMelhores No. 1
Mop Spray com Cabo e Tecido Noviça Anis
  • Capacidade de limpar até 110 m2
  • Indicado para limpeza rápida e limpeza molhada
  • Pode ser usado em pisos madeirados, frios e sintéticos
  • Seu refil de microfibra é resistente, lavável em máquina e de fácil troca

Nossa Cidade

Mostra Na Lona tem quatro espetáculos e uma oficina neste feriado

Prefeitura

Publicado

em

Que tal curtir o feriado desta quarta-feira (21/04) com arte e cultura? A dica é conferir a programação da 6ª Mostra Nacional de Teatro Na Lona. Todas as atividades serão exibidas nos canais do YouTube do evento e da Secretaria de Cultura. A mostra vai até este sábado (24/04).

A programação começa com o espetáculo de dança “Mulher Peixe”, que terá exibições às 14h e às 15h. 

Depois, para encantar as crianças a atração é a peça “João, O Alfaiate – Um Herói Inusitado” (foto), do grupo Etc e Tal, que será apresentado às 16h. Inspirado no conto de fadas “O Alfaiate Valente”, dos irmãos Grimm, o espetáculo conta a história de um alfaiate que apregoa sua valentia por ter matado sete insetos que haviam pousado na sua refeição. A notícia logo chega ao conhecimento do Rei, que manda chamar o corajoso Alfaiate. O monarca encarrega o Alfaiate com uma importante missão: livrar o reino de vários e surpreendentes problemas.

Se você tem vontade de se iniciar na arte cênica, a dica é acompanhar a oficina “Teatro de Rua”, às 17h30. A oficina tem o objetivo de fazer com que o participante supere suas limitações por meio de exercícios e jogos que trabalham individualmente a expressão corporal, a desinibição, a desenvoltura da fala em público, a melhora da dicção e o desenvolvimento da criatividade. A oficina também visa estimular o trabalho em grupo, a parceria, o respeito ao próximo, a valorização da leitura e interpretação de textos, dentre outros aspectos. Os participantes que quiserem receber o certificado, devem fazer inscrição por este LINK.

Já para quem dar boas gargalhadas, a dica é o espetáculo “Porco Cane”, da Cia. Teatral Sertãozinho, às 20h. A história é sobre uma mãe e sua filha que se preparam para receber a visita de um primo italiano. A mãe quer que a filha se case com este primo e, com isso, salvar as finanças da família. Mas a confusão começa quando o Palhaço Mequetrefe, mordomo da família, deixa um ladrão, que finge ser o primo italiano, entrar na casa da família. A confusão aumenta ainda mais quando o verdadeiro chega para a visita. A programação desta quarta-feira terá ainda mais uma apresentação do espetáculo “Dona Julia”, da Cia. São Genésio, às 22h.

Após as apresentações, serão realizados bate-papos ao vivo abertos para o público com os grupos e os elencos de cada peça. Todos os espetáculos terão ainda um “chapéu virtual”, por meio do qual o público poderá colaborar com o cachê e a manutenção dos grupos que participam deste ano da mostra. Mais informações sobre o “chapéu virtual” e a programação completa pode ser consultada no site da mostra.

MOSTRA NA LONA

A edição deste ano da Mostra Nacional de Teatro Na Lona acontece no formato online em razão do agravamento da pandemia e da prorrogação da Fase Vermelha do governo estadual para evitar aglomeração e conter a disseminação do Coronavírus. O festival é um dos contemplados com recursos da lei federal Aldir Blanc, que oferece subsídio para artistas, grupos, empresas e profissionais dos setores artístico-culturais do município cujas atividades foram afetadas pela pandemia. A mostra tem ainda apoio do governo estadual, por meio do ProAC (Programa de Ação Cultural) Expresso LAB 40/2020, e da Prefeitura de Hortolândia. A organização da mostra é do Centro Cultural Casa de Joana e da produtora City Web.

Ao longo de suas cinco edições anteriores, a Mostra Nacional de Teatro Na Lona ofereceu um panorama das artes cênicas com apresentações de grupos brasileiros e de outros países, trocas de experiências, debates e cursos. Com isso, a mostra tornou-se um evento de referência. Desde a primeira edição, a mostra apresentou mais de 240 espetáculos e registrou público de mais de 40 mil pessoas.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia



OfertaMelhores No. 1
Mop Spray com Cabo e Tecido Noviça Anis
  • Capacidade de limpar até 110 m2
  • Indicado para limpeza rápida e limpeza molhada
  • Pode ser usado em pisos madeirados, frios e sintéticos
  • Seu refil de microfibra é resistente, lavável em máquina e de fácil troca
Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeitura testa iluminação de novo sistema instalado no Pq. Socioambiental Chico Mendes

Prefeitura

Publicado

em

O novo sistema modernizado de iluminação, implantado, pela Prefeitura de Hortolândia, no Parque Socioambiental Chico Mendes, localizado na região Central foi testado na noite desta segunda-feira (19/04). A iluminação de LED, que ilumina mais com economia, está acoplada em postes ornamentais. O objetivo do trabalho, além de melhorar a iluminação do espaço e levar mais economia à cidade, também é trazer mais segurança e beleza com os novos postes ornamentais. De acordo com a Secretaria de Obras, no Parque Chico Mendes foram instalados aproximadamente 140 postes de tamanhos variados, tendo os menores, com 4 metros de altura, e os maiores, com aproximadamente 12 metros de altura.

VARIEDADE DE POSTES E MAIOR POTENCIAL DE ILUMINAÇÃO

A variedade na altura de cada poste possibilita maior abrangência do potencial de luminosidade, inclusive na área abaixo da copa das árvores. A obra de modernização do sistema de iluminação do Parque Socioambiental Chico Mendes aproveitará, ainda, os postes já existentes no local: são três estruturas próximas da academia da melhor idade, que receberão luminárias LED, favorecendo o uso do espaço, mesmo à noite, para a prática de atividades físicas.

PPP DA ILUMINAÇÃO

O serviço é uma ação realizada por meio de uma PPP (Parceria Público Privada), que prevê diversas obras de modernização da iluminação pública na cidade. A ação no Parque Chico mendes é a primeira desta série de obras que irão trazer mais segurança e luminosidade para os espaços públicos. Com a PPP, a Administração Municipal já realiza a troca das luzes de todos os postes da cidade, substituindo as antigas lâmpadas de vapor de sódio por luminárias LED, que garantem maior potencial de luminosidade com economia para o município.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia



OfertaMelhores No. 1
Mop Spray com Cabo e Tecido Noviça Anis
  • Capacidade de limpar até 110 m2
  • Indicado para limpeza rápida e limpeza molhada
  • Pode ser usado em pisos madeirados, frios e sintéticos
  • Seu refil de microfibra é resistente, lavável em máquina e de fácil troca
Continue Lendo

Nossa Cidade

“1ª Corrida e Caminhada on-line da Melhor Idade” mobiliza idosos de Hortolândia durante a pandemia

Prefeitura

Publicado

em

Pelo menos 30 idosos – 24 mulheres e seis homens — inscreveram-se na “1ª Corrida e Caminhada on-line da Melhor Idade”, idealizada pela Prefeitura de Hortolândia. A Comissão Organizadora já avalia o material enviado e, ainda nesta semana, anuncia os detalhes da premiação dos participantes do evento. Eles receberão medalhas e camisetas. Haverá também sorteio de brindes.

O evento é uma iniciativa do CCMI (Centro de Convivência da Melhor Idade), órgão da Secretaria de Governo, vinculado ao Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para Mulheres. De acordo com a psicóloga Fernanda Fadiga, coordenadora do CCMI Remanso Campineiro, a ideia do evento foi sugerida por um dos integrantes do grupo de vôlei do CCMI Remanso Campineiro, Douglas Figueiredo, e prontamente acolhida pelos organizadores.

“A adesão ao evento foi surpreendente. Eles enviam fotos e vídeos todos os dias. Temos percebido a animação em praticar a atividade e informar ao grupo com orgulho o cumprimento da tarefa. Todas as manhãs enviamos, no grupo criado especificamente para os inscritos no evento, uma sequência de alongamentos que sugerimos que sejam feitos antes da Corrida ou da Caminhada, para evitar lesões e preparar o corpo para o exercício”, afirma a psicóloga.

“Desde o início da pandemia, quando as atividades da Melhor Idade foram suspensas, temos procurado pensar e criar aulas novas, atividades diferenciadas para nossos idosos. Queremos motivá-los a fazer uma atividade diversa das aulas que enviamos todos os dias, respeitando os limites de cada um deles, as orientações de saúde devido à pandemia e mostrar que, apesar de diferente, é possível fazer exercício em casa. Nosso intuito com esta atividade não é competição e, sim, incentivar a prática de atividade física em qualquer situação”, orienta Fernanda.

De acordo com o regulamento do evento, a “1ª Corrida e Caminhada on-line da Melhor Idade” tem duração de 20 minutos para corrida e 45 minutos para caminhada. Para participar, o candidato precisa ter no mínimo 60 anos completos; ser participante dos CCMI, seja na unidade Remanso Campineiro, seja na do Jardim Amanda; estar apto a praticar corridas ou caminhadas, o que significa não ter nenhuma contraindicação médica para realizar esta atividade; respeitar os próprios limites; ter um aparelho celular capaz de tirar fotos e com acesso à internet para encaminhar fotos e vídeos; usar vestimenta adequada: camiseta, bermudas ou shorts e tênis para exercícios.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia



OfertaMelhores No. 1
Mop Spray com Cabo e Tecido Noviça Anis
  • Capacidade de limpar até 110 m2
  • Indicado para limpeza rápida e limpeza molhada
  • Pode ser usado em pisos madeirados, frios e sintéticos
  • Seu refil de microfibra é resistente, lavável em máquina e de fácil troca
Continue Lendo

Noticias

Publicidade

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares