Connect with us
Publicidade


Nossa Cidade

Ponte Estaiada otimizará transporte de passageiros

Prefeitura

Publicado

em

 

Neste domingo (26/05), a Prefeitura de Hortolândia inaugura a Ponte da Esperança (estaiada), construída para integrar as regiões Leste (Jd. Novo Ângulo) e Oeste (Jd. Amanda) da cidade. A estrutura faz parte do Corredor Metropolitano Noroeste, importante viário regional que, quando estiver concluído, agilizará o transporte coletivo de passageiros no sentido Rodovia Jornalista Francisco Aguirre de Proença (SP-101), em direção à Campinas. De acordo com a Secretaria de Mobilidade Urbana, a medida otimizará o transporte coletivo: a população terá mais vantagem e agilidade na utilização dos ônibus municipais, que seguirão sentido Terminal Metropolitano, local onde será possível acessar ônibus municipais e intermunicipais por meio da integração tarifária, pagando apenas a diferença do valor da passagem. A partir do Terminal, os ônibus partirão para Campinas, seguindo pelo corredor expresso e passando pela Ponte da Esperança, em um percurso de dois quilômetros mais curto em relação ao atual.

“A Ponte Estaiada encurtará o caminho de quem anda de ônibus, uma vez que a preferência será pelos veículos municipais. Como eles circulam somente dentro da cidade, os itinerários são menores. Quem segue para Campinas, também terá um trajeto mais curto”, afirma o secretário de Mobilidade Urbana, Atílio André Pereira. Quando o Corredor Metropolitano estiver pronto, o itinerário dos ônibus que partirem do Terminal Metropolitano, passando pela avenida Olívio Franceschini e seguindo Ponte da Esperança, até o km 5 da SP-101, será dois quilômetros mais curto em relação ao trajeto atual, cujo percurso passa pela avenida da Emancipação, alcançando a rodovia no km 9, na altura da EMS.

Para viabilizar o Corredor Metropolitano, a EMTU prossegue com as obras no Jd. Nova América, de onde o traçado seguirá pelo Parque Peron, Chácaras Nova Boa Vista, até o km 5 da rodovia, onde a Rodovias do Tietê, concessionária que administra a SP-101, constrói uma alça de acesso.

A obra do Corredor Metropolitano e a liberação da Ponte da Esperança para o tráfego de veículos são ações que fazem parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), iniciativa que prevê mais de 100 intervenções e serviços que promoverão o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos.

Ponte da Esperança

A Ponte Estaiada possui 700 metros de extensão e 16,5 metros de largura, com duas pistas de rolagem em ambos os sentidos, além de calçada e ciclovia nas laterais. A estrutura está localizada entre o Jd. Santa Rita de Cássia e o Jd. Novo Ângulo. Esta será a primeira ponte neste modelo inaugurada na RMC (Região Metropolitana e Campinas) e a maior do interior paulista, com 180 metros de vão sob a base, composta por 16 pares de cabos de aço, os estais, ligados a um mastro de 75 metros de altura. A obra da Ponte da Esperança teve início em 2012, na gestão anterior do prefeito Angelo Perugini. Quando Perugini assumiu a atual administração, em 2017, retomou a articulou junto ao Governo do Estado para a continuidade das obras do Corredor Metropolitano, cujas obras estavam paradas desde 2015.

Raio X

•180 metros de vão

•700 metros de extensão

•75 metros de altura

•16,9 metros de largura

•16 pares de estais

•90 luminárias LED

•Ciclovia e pista de caminhada

•Capacidade de fluxo de 2,4 mil veículos por hora

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Cidade

Coronavírus Hortolândia: 6735 casos confirmados, 6447 curados e 190 óbitos

Redação

Publicado

em

Por

O boletim sobre coronavírus divulgado pela Secretaria de Saúde de Hortolândia, nesta quinta-feira(15) mostra que o município teve 6735 casos confirmados, 6447 curados e 190óbitos.

Casos confirmados: 14 pacientes internados em UTI’s fora do município; 02 em enfermaria fora do município; 0 na UTI do Hospital Municipal Mário Covas e 01 na enfermaria; 11 em internação na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia; 70 em isolamento domiciliar.

Casos suspeitos – aguardando exame: 04 casos internados em UTI’s fora do município; 08 em enfermaria fora do município; 00 caso na enfermaria do Hospital Municipal Mário Covas; 07 em internação na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia; 1048 em isolamento domiciliar.

8702 casos já foram descartados mediante resultado do exame de Covid-19.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeitura inicia em breve desassoreamento da lagoa do Parque Remanso das Águas

Prefeitura

Publicado

em

A Prefeitura de Hortolândia inicia, em breve, o desassoreamento da lagoa de contenção de enchentes do Parque Remanso das Águas, na região do Jardim Carmem Cristina. O trabalho consiste na retirada da areia e de outros resíduos acumulados no fundo da lagoa que reduzem a capacidade de armazenamento do reservatório de água. A ação melhorará a condição ambiental do parque, garantindo mais qualidade de vida aos moradores do entorno.

No ano passado, a Prefeitura realizou a limpeza das margens da lagoa, com a remoção da camada vegetal das laterais. Esta tarefa incluiu a utilização de máquinas. O trabalho de limpeza das margens foi feito para preparar o espaço que passará por desassoreamento.

Para executar o desassoreamento, a Prefeitura buscou obter as licenças ambientais necessárias junto aos governos federal e estadual. De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, durante o processo de licenciamento, um munícipe fez uma denúncia ao Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, na qual afirmou possuir ter autorização da Agência Nacional de Minério (ANM), órgão do governo federal, para realizar o trabalho de desassoreamento. 

O Tribunal julgou a denúncia improcedente, uma vez que a autorização que o munícipe possui é para realização de pesquisa mineral. Além disso, o Tribunal ressaltou que a empresa contratada pela Prefeitura, por meio de licitação, para executar o desassoreamento já possuía licença prévia emitida pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB), órgão do governo estadual. 

A Prefeitura salienta que a denúncia dificultou a conclusão do processo de liberação das licenças, influindo diretamente no atraso para execução do desassoreamento. 

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, a ANM liberou a licença para a execução do serviço. No início deste mês, a empresa contratada deu entrada junto a Cetesb para obtenção da Licença de Operação. A previsão é de que esta licença seja emitida dentro de 15 dias, e com isso, o serviço de desassoreamento poderá ser executado.

CONTENÇÃO

De acordo com a Secretaria de Obras, a estimativa é de que sejam removidos do fundo da lagoa aproximadamente 95.979,00 metros cúbicos de detritos, material correspondente a uma área de 44.470,00 metros quadrados.

O reservatório de contenção de enchentes do Parque Remanso das Águas tem capacidade de armazenamento para até 840 milhões de litros de água. Quando chove muito e este volume excede, a água é direcionada ao Ribeirão Jacuba por meio de um extravasor, porém num volume menor do que o da enxurrada. Isso evita alagamentos na região central da cidade. O mesmo método é usado no Parque Lago da Fé, onde as duas lagoas de contenção de enchentes funcionam como reservatórios em dias de chuva forte.

A Prefeitura também prepara a licitação para a limpeza do lago que fica embaixo da Ponte da Esperança (Estaiada), na região entre o Jd. Santa Rita de Cássia e Jd. Novo Ângulo. Além da limpeza da camada vegetal e dos detritos depositados no fundo da água, este lago terá seu entorno urbanizado, com a implantação de equipamentos públicos de lazer, como pista de caminhada, ciclovia e academia ao ar livre. A obra de urbanização já está em licitação.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeitura de Hortolândia alerta população sobre golpe de falsos agentes comunitários de Saúde

Prefeitura

Publicado

em

A Prefeitura de Hortolândia alerta a população para tomar cuidado com criminosos que têm praticado golpe para furtar residências. De acordo com a Secretaria de Saúde, dois infratores se passaram por agentes comunitários de saúde para furtar casas nas regiões da Vila Real e do Jardim Brasil, nesta semana.

A Secretaria de Saúde informa que os agentes comunitários de saúde estão sempre identificados com crachá. Caso o morador seja abordado na porta de sua casa por supostos agentes comunitários de saúde, deve exigir que os mesmos apresentem os crachás.

A Secretaria de Saúde ainda salienta que, conforme os protocolos sanitários para conter a disseminação do Coronavírus, os agentes comunitários de saúde devem permanecer em áreas externas durante as visitas domiciliares.

Para mais informações ou dúvidas, a população deve entrar em contato com a UBS (Unidade Básica de Saúde) de referência ou com a Secretaria de Saúde, pelo telefone 3965-1400 ramal 8666. Denúncias sobre os criminosos podem ser feitas à Guarda Municipal, órgão da Secretaria de Segurança, pelos números 153 ou 0-800-111-580, ou à Polícia Militar, pelo número 190.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Noticias

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares