Connect with us

Nossa Cidade

Prefeitura conclui obra de três dos cinco PEVs em construção

Prefeitura

Publicado

em

Dos cinco novos PEVs (Pontos de Entrega Voluntária de Entulho e outros materiais recicláveis) em construção pela Prefeitura de Hortolândia, três estão prestes a ser entregues à população. A informação é da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável.  As unidades do Jd. Santa Emília, Jd. Nossa Senhora de Fátima e Jd. Santa Esmeralda  aguardam apenas vistoria final da Caixa Econômica Federal para a obra ser concluída, de acordo com a Secretaria. Os outros dois PEVs seguem em construção no Jd. São Sebastião e no Jd. Nova Alvorada. Os equipamentos são construídos a partir de recursos da Caixa Econômica Federal, destinados a oferta de um local apropriado para o descarte correto de materiais reaproveitáveis.

Os PEVs fazem parte da rede de equipamentos públicos da Prefeitura de Hortolândia para o descarte correto de materiais recicláveis. Eles são espaços públicos, onde os moradores podem descartar com segurança, gratuitamente, resíduos recicláveis e reaproveitáveis, como entulhos de construção, isopor, plástico PET, sofás, colchões velhos, o chamado “resíduo eletrônico”, dentre outros. Neles, não é permitido o descarte de lixo orgânico, resíduos industriais e provenientes dos serviços de saúde. No caso dos resíduos de construção, a quantidade de descarte é limitada a 1m³ por pessoa mensalmente (1.300kg, ou seja, cerca de 26 sacos de ráfia de 50kg ou o volume de uma caixa d’água de 1.000 litros). Os PEVs funcionam todos os dias da semana, de domingo a domingo, inclusive nos feriados, das 8h às 12h e das 13h às 18h (confira os endereços abaixo). A exceção são as unidades do Aterro de Inertes, no Pq. Orestes Ôngaro, e da Administração Regional do Jd. Santiago, que abrem somente em horário comercial, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 16h.

A da rede de equipamentos públicos da Prefeitura de Hortolândia para o descarte correto de materiais recicláveis conta, ainda, com os LEVs (Local de Entrega Voluntária de Recicláveis). Nestes locais, é possível descartar materiais como embalagens de vidro, garrafas pet, plásticos, papéis e papelões, isopor, copo descartável, entre outros materiais. Os LEVs recebem materiais 24h, todos os dias. Cada contêiner tem capacidade de armazenar 2,5 m³ de recicláveis. Ao serem recolhidos pelo caminhão coletor, estes produtos são destinados à Cooperativa de Reciclagem Águia de Ouro, parceira da Administração Municipal. Neste período de pandemia de Coronavírus, no entanto, os LEVs estão desativados temporariamente, assim como serviço de coleta seletiva porta a porta, que funciona em diversos bairros.

Incentivo ao crescimento, com sustentabilidade

A ampliação do número de PEVs e LEVs no município faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento). O PIC prevê mais de 100 obras e serviços, que serão realizados em todas as regiões da cidade. O Programa busca criar condições urbanas, ambientais, sociais e humanas para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. Para realizar o programa, a Prefeitura viabilizou recursos financeiros por meio de parcerias com os governos estadual, federal e a com a iniciativa privada. 

Confira o endereço dos PEVs:

EM FUNCIONAMENTO:

•PEV 1 – Auxiliadora, Rua Antônio João de Amorim, esquina com a Rua Sebastiana Oliveira da Silva

•PEV 2 – Adelaide, Rua Paulo Roberto Soares (Antiga 9), esquina com a Rua Benedito Macedo

•PEV 3 – Parque Gabriel, Avenida Joaquim Martarolli, 2005

•PEV 4 – Interlagos, Rua Rio Tapajós (Antiga Rua 5)

•PEV 5 – Vila Real, Rua Orlando Cavalcante, esquina com a Rua Joaquim Gregório de Moraes

•PEV 6 – Jardim Amanda, Rua Augusto dos Anjos, s/n

•PEV 7 – Orestes Ôngaro, Rua Rio Pardo (antiga Rua 13), 50, dentro do Aterro de Inertes 

•PEV 8 – Jd. Santiago, Rua João Joaquim Calixto, 230 

EM CONSTRUÇÃO:

•PEV 9 – Jd. Nossa Senhora de Fátima, Rua Manoel Antônio da Silva, nº 610 (em construção)

•PEV 10 – Jd. Santa Emília, Rua Luísa Febrônio Marini (em construção)

•PEV 11 – Jd. Santa Esmeralda, Rua Ágata  (em construção)

•PEV 12 – Jd. Nova Alvorada, Rua Alcebíades Marques (antiga Rua 5), próxima ao Parque Socioambiental Lago da Fé (em construção)

•PEV 13 – São Sebastião, Rua Prof. Lúcio Alves da Costa (praça 2), no Loteamento Adventista Campineiro, próximo à AMCRESS (em implantação)

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Cidade

IFSP lança edital para doação de equipamentos de informática para os alunos

Redação

Publicado

em

Por

Para garantir acesso a todos os estudantes, o IFSP promove chamada pública direcionada a pessoas físicas e jurídicas interessadas em doar computadores e tablets.

A epidemia do novo coronavírus tem imposto uma série de dificuldades à educação brasileira. O afastamento das salas de aula impôs a necessidade de uma nova dinâmica para manter os processos educativos que já estavam estabelecidos. O IFSP, como instituição pública, atende muitos estudantes de baixa renda, que não possuem equipamentos de informática em suas casas para acompanhar as atividades dos cursos técnicos e superiores, bastante focados em tecnologia da informação. Esses alunos e alunas, que normalmente usam a infraestrutura do câmpus para realizar suas atividades escolares estão, neste momento de isolamento social, excluídos do processo educacional.

Para sanar essa dificuldade e iniciar a retomada remota das funções de ensino regulares do câmpus, o Instituto lançou o Edital nº 198/2020, que trata de uma Chamada Púbica para doação de equipamentos de informática. Esse edital estabelece regras para doação direta de computadores e tablets para os estudantes do IFSP, sendo que os câmpus funcionarão apenas como intermediários, ou seja, as doações feitas não serão incorporadas ao patrimônio do Instituto. Com isso, os equipamentos doados chegarão de maneira mais rápida às pessoas que necessitam deles.

Apesar de toda doação ser bem-vinda, só serão aceitos nesse edital equipamentos superiores aos especificados a seguir:

  • Desktop ou notebook com processador 2 GHz (32 bits ou 64 bits); memória 4GB de RAM; disco rígido 500GB; não serão aceitos monitores de tubo (se desktop); sistema operacional Windows 8.1 ou superior, de 32 bits ou 64 bits ou distribuições Linux de uso geral como Debian, Ubuntu, Mint, Elementary OS, em qualquer de suas Long term support release – LTS de 32 bits ou 64 bits. Se desktop, incluir teclado, mouse, cabos e conectores. Permitir video chamada HD (1280×720) ou 720p; captura de video até 1280×720 pixels; possuir microfone embutido; USB 2.0;
  • Tablets com processador 4 núcleos (Quad-core) com velocidade minima de 1,2 GHz; memória 2GB de RAM; memória interna 16GB; tamanho da tela entre 9 e 12 polegadas; tela -touchscreen capacitiva; resolução 768 x 1024 pixels e 16 milhões de cores; câmera traseira 5 Mp e frontal 1,2 Mp; conectividade wi-fi, bluetooth e USB; sistema operacional Android ou i0S.

Caso você não saiba se seu computador ou tablet atende aos requisitos, entre em contato conosco pelo cdi.hto@ifsp.edu.br.

Tanto pessoas físicas quanto jurídicas podem fazer as doações, desde que atendam às exigências do edital. Para tanto, é necessário o preenchimento da ficha de doação (documento do Microsoft Word) e seu envio para cdi.hto@ifsp.edu.br.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Hortolândia amanhece com tempo fechado nesta terça-feira

Redação

Publicado

em

Por

Hortolândia amanheceu esta terça-feira(14) com alta nebulosidade e chuva em diversos pontos da cidade.

O sol pode aparecer durante a tarde entre as nuvens e por conta da nebulosidade, a temperatura não sobe tanto nessa região, mas ainda assim deve ficar em torno dos 26ºC.

A tendência para a quarta-feira é de céu parcialmente nublado a claro, com ventos de intensidade moderada. As temperaturas caem bastante, com mínima está estimada em 10ºC e máxima em 24ºC.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Fiscalização Ambiental intensifica ações contra crimes ambientais durante a pandemia do Coronavírus

Prefeitura

Publicado

em

A equipe de Fiscalização Ambiental da Prefeitura de Hortolândia intensifica as ações de orientação e fiscalização contra o descarte irregular de entulho e outros resíduos em espaços públicos. Além disso, a força tarefa monitora focos de queimadas, de restos de poda do mato e de galhos e outros tipos de crimes ambientais. De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, os fiscais percorrem as áreas com maior incidência, em todas as regiões da cidade, inclusive aos finais de semana, mesmo durante a pandemia do Coronavírus.

“A fiscalização segue em andamento, todos os dias, além do monitoramento e das denúncias recebidas via aplicativo do programa ‘Agenda Verde’. Prezamos sempre pelo serviço de orientar os munícipes a não praticar crimes ambientais e procurar os locais corretos para o descarte dos resíduos. Caso haja flagrante, o infrator é orientado a recolher o resíduo descartado, além de poder receber multas (veja valores abaixo)”, explica a secretária de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Eliane Nascimento Oliveira.

O descarte irregular de lixo, entulho e outros resíduos pode trazer doenças à população. Objetos que acumulam água podem servir de criadouro para o mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como a Dengue, Chikungunya e Zika. Garrafas, baldes e outros recipientes precisam ficar protegidos da água da chuva.

Época do ano é propícia a queimadas

Além da poluição, de acordo com a Defesa Civil de Hortolândia, é necessário a população redobrar os cuidados e evitar queimadas. A ação contribui com o surgimento de problemas respiratórios, que são mais comuns nesta época do ano, e há também o agravante da pandemia do Coronavírus.

“A umidade do ar é mais baixa, principalmente, no final do Inverno e início da Primavera. O pico da baixa umidade do ar acontece no período da tarde, entre 12h e 16h. A concentração da poluição ajuda a aumentar os casos de gripe, viroses, doenças respiratórias e alergias. Outros sintomas frequentes são dores de cabeça, tonturas, náuseas e irritação nos olhos, nariz e garganta e, neste ano, temos a pandemia do Coronavírus. É necessária a colaboração da população para que a saúde de todos seja preservada”, explica o gerente da Defesa Civil de Hortolândia, Iluíde Carbonero.

Denúncias pelo aplicativo da “Agenda Verde”

A Prefeitura pede a colaboração da população para não descartar irregularmente entulho e resíduos nem praticar queimadas. Estas ações são crime ambiental e estão sujeitas a multa. Atualmente, os valores variam de R$ 340 a R$ 34.000.

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas e veículos que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde. Para baixar o aplicativo, basta fazer o download gratuito nas plataformas Google Play ou App Store do smartphone. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Populares