Connect with us
Publicidade


Nossa Cidade

Prefeitura de Hortolândia oferece acompanhamento social e psicológico para pacientes com HIV

Prefeitura

Publicado

em

Os pacientes com HIV, vírus causador da Aids, enfrentam dificuldades e preconceito em virtude da doença. Para ajudá-los a superar esta situação, a Prefeitura de Hortolândia oferece acompanhamento social e psicológico durante o tratamento. Este trabalho é realizado pelo CEI (Centro Especializado em Infectologia), antigo Amdah (Ambulatório Municipal de DST/Aids de Hortolândia), órgão da Secretaria de Saúde, localizado na avenida Thereza Ana Cecon Breda, 1.115, Vila São Pedro. O órgão é a unidade de referência no município para ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis) e atendimento de pacientes com hepatites virais. Atualmente, o CEI acompanha 438 pacientes diagnosticados com HIV, dos quais 15 têm Aids. O órgão conta com uma equipe multidisciplinar, formada por profissionais de infectologia, assistência social, psicologia e enfermagem.  

De acordo com a coordenadora do órgão, Sandra Duarte, o atendimento começa com o exame de coleta da carga viral. É a partir da informação sobre a carga viral que o médico-infectologista definirá qual é a medicação que deverá ser ministrada ao paciente. A medicação é fornecida pelo Ministério da Saúde, por meio do programa PAM (Plano de Ações e Metas), e distribuída pelo CEI aos pacientes. A entrega é feita no próprio órgão.

O CEI oferece acompanhamento social para pacientes em situação de vulnerabilidade. Por meio de entrevista, a assistente social do órgão avalia a situação socioeconômica do paciente. Caso ele se encaixe no perfil, recebe benefícios, como auxílio-transporte para vir nas consultas e cesta básica mensal, que é entregue no próprio órgão. “Caso o paciente pare de vir às consultas, fazemos busca ativa e visitas domiciliares para conversar com ele e saber por que não está indo mais”, explica Sandra. 

A coordenadora ainda salienta que as pacientes gestantes recebem fórmula láctea para alimentar seus bebês até completarem dois anos. Mulheres com HIV não podem amamentar porque podem transmitir o vírus para a criança pelo aleitamento materno. Cada paciente gestante recebe mensalmente cerca de 10 latas de fórmula láctea, fornecidas pelo Ministério da Saúde, por meio do programa PAM, e distribuída pelo CEI.

O preconceito é o maior problema que os pacientes com HIV enfrentam, enfatiza a coordenadora Sandra Duarte, que explica que muitos pacientes têm dificuldade em aceitar a doença, assim como seus familiares. É por este motivo que o CEI oferece acompanhamento psicológico. Os pacientes têm consulta uma vez por semana com a psicóloga do órgão.

PREVENÇÃO  

O CEI também realiza ações de prevenção contra o HIV. Uma delas é o fornecimento da PEP (Profilaxia Pós-Exposição ao HIV) e da PrEP (Profilaxia Pré-Exposição ao HIV).

A coordenadora Sandra Duarte explica que a PEP é a medicação para reduzir o risco de infecção em situação de exposição ao HIV, sendo que o medicamento deve ser usado até 72 horas após o contato com o vírus. O CEI faz o acompanhamento de pacientes que estejam utilizando a PEP durante seis meses. Já as pessoas que queiram utilizar a PrEP, é necessário agendar consulta no CEI. O atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 7h às 16h.

“FIQUE SABENDO”

Vale lembrar que durante este mês, a Prefeitura de Hortolândia está com a campanha “Fique Sabendo”, que oferece testes rápidos gratuitos para a detecção do vírus HIV, causador da Aids. A campanha marca o mês “Dezembro Vermelho” de prevenção e conscientização das ISTs e o Dia Internacional de Combate à Aids. De acordo com a Secretaria de Saúde, a campanha também oferecerá testes para Sífilis e Hepatites B e C.

Os testes estão disponíveis nas UBSs (Unidades Básicas do Município) do município e no CEI. De acordo com a Secretaria de Saúde, cada UBS irá realizar o Dia D da campanha. No caso da UBS Dom Bruno, em virtude da unidade estar ocupada com a estrutura da Unidade Respiratória, a aplicação dos  testes rápidos para os pacientes atendidos será feita no HORTOFÁCIL, localizado na rua Argolino de Moraes, 405, Vila São Francisco. 

Confira abaixo as datas nas quais cada UBS fará o Dia D da campanha “Fique Sabendo”:

UBS

Horário

 Dia D da Campanha

 Adelaide

 7h às 16h

 01 e 02/12

 Campos Verdes

 7h às 16h

 01/12

 Nova Europa

 7h às 16h

 07/12

 Orestes Ôngaro

 7h às 16h

 07/12

 Santa Esmeralda

 7h às 16h

 09/12

 Santiago

 7h às 16h

 11/12

 São Bento

 7h às 16h

 10/12

 São Jorge

 7h às 16h

 01 a 04/12

 Taquara Branca

 7h às 16h

 02/12

 Amanda I

 7h às 16h

 10 e 11/12

 Amanda II

 7h às 16h

 09/12

 Figueiras

 7h às 16h

 02 e 03/12

 Parque do Horto

 7h às 16h

 07/12

 UBS Dom Bruno

 *OBS.: Em virtude da unidade estar  ocupada com a estrutura da Unidade Respiratória, os testes rápidos serão aplicados no HORTOFÁCIL 

 8h às 12h

 

 

     03/12

 Novo Ângulo

 7h às 17h

 09/12

 Rosolen

 9h às 12h

 (01/12)

 7h às 11h30

 (03/12)

 01 e 03/12

 Santa Clara

 7h às 18h

 09, 10 e 11/12

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Cidade

Coronavírus Hortolândia: 7050 casos confirmados, 6709 curados e 195 óbitos

Redação

Publicado

em

Por

O boletim sobre coronavírus divulgado pela Secretaria de Saúde de Hortolândia, nesta quinta-feira(21) mostra que o município teve 7050 casos confirmados, 6709 curados e 195 óbitos.

Casos confirmados: 09 pacientes internados em UTI’s fora do município; 01 em enfermaria fora do município; 01 na UTI do Hospital Municipal Mário Covas e 00 na enfermaria; 14 em internação na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia; 121 em isolamento domiciliar.

Casos suspeitos – aguardando exame: 04 casos internados em UTI’s fora do município; 09 em enfermaria fora do município; 01 caso na UTI do Hospital Municipal Mário Covas; 05 em internação na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia; 1113 em isolamento domiciliar.

9020 casos já foram descartados mediante resultado do exame de Covid-19.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeito de Hortolândia é eleito presidente do Conselho de Desenvolvimento da RMC

Prefeitura

Publicado

em

O prefeito de Hortolândia, Angelo Perugini, acaba de se tornar presidente do Conselho de Desenvolvimento da RMC (Região Metropolitana de Campinas). Ele e o prefeito de Jaguariúna, Gustavo Reis, eleito vice-presidente, estarão à frente do colegiado durante um ano, podendo o mandato ser renovado por igual período.

Perugini e Reis foram escolhidos, nesta terça-feira (19/01), durante a primeira reunião do Conselho neste ano, realizada no Hotel Fazenda Duas Marias, em Jaguariúna. Prefeitos e representantes do Estado, que compõem o Conselho da RMC, participaram da eleição. O encontro reuniu 17 dos 20 chefes do Executivo Municipal que compõem o colegiado.

“O papel do presidente é o papel de articulador, de motivador. Eu me disponho a ser o motivador de vocês para que tenha uma região metropolitana bem articulada, com presença forte para negociação com o Governo do Estado e com o Governo Federal”, afirmou Perugini. “Temos que conquistar recursos efetivos e ter uma relação mais proativa com o Governo do Estado. É isso que eu e o Gustavo Reis estamos nos propondo”, completou o prefeito de Hortolândia.

Sobre o Conselho de Desenvolvimento da RMC

O Conselho de Desenvolvimento da RMC é um órgão deliberativo, que trata de reivindicações e projetos conjuntos dos municípios, além de convênios e da utilização de recursos do Fundocamp (Fundo de Desenvolvimento da RMC). O fundo é formado pelas anualidades pagas pelas próprias prefeituras e tem na Agemcamp (Agência Metropolitana) o braço executivo para implementar políticas e ações. Os seis membros do Conselho do Fundocamp também foram eleitos na reunião.

 

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Prática esportiva com acompanhamento profissional pode ser realizada mesmo em casa

Prefeitura

Publicado

em

Mesmo com a suspensão temporária dos treinos habituais e de alto rendimento do Projeto Escolinhas Esportivas da Prefeitura de Hortolândia e das práticas esportivas nos espaços públicos, por tempo indeterminado, para evitar a disseminação do Coronavírus, é importante a realização de atividades que mantenham o movimento corporal e contribuam com a saúde da população. 

De acordo com a Secretaria de Esporte e Lazer de Hortolândia, atividades básicas como caminhar ao ar livre e subir escadas em vez de utilizar o elevador, por exemplo, ajudam a deixar o corpo ativo e a saúde em dia. Outras atividades físicas também podem ser realizadas em casa, mas sempre com atenção, auxílio profissional e respeito aos limites de cada um.

“Há uma forma de praticar exercícios em casa utilizando o peso do corpo, por exemplo. Abdominal, flexão e alongamento são algumas das atividades que, se realizadas de maneira correta, 30 minutos por dia, três vezes por semana, contribuem com a saúde do praticante. Antes de começar, o conselho é bom se consultar, mesmo que de maneira online, com um profissional da área de educação física. O limite do corpo deve ser respeitado também. Cada organismo reage à atividade física de uma forma e ao respeitar os limites, as lesões são evitadas”, explica Felipe Belozo, mestre em treinamento esportivo pela Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) e gerente de esportes da Prefeitura de Hortolândia.

“Caminhadas e andar de bicicleta são algumas práticas que se realizadas, todos os dias, em um período entre meia hora e uma hora também contribuem muito com a saúde. A internet pode ser perigosa, pois há pessoas que não são capacitadas para realizar treinamentos esportivos. Portanto, pesquisar e se informar antes de seguir treinos de pessoas que não são habilitadas é a principal forma de preservar a saúde”, analisa Belozo.

No início da pandemia, a Prefeitura disponibilizou uma série de vídeos para contribuir com a prática esportiva em casa. Clique nos links abaixo para acompanhar:

https://www.facebook.com/watch/?v=221441512299611

https://www.facebook.com/watch/?v=2320516728242299

https://www.facebook.com/watch/?v=239252604192142

https://www.facebook.com/watch/?v=814279215734290

https://www.facebook.com/watch/?v=2916616978374405

https://www.facebook.com/watch/?v=220930642572331

https://www.facebook.com/watch/?v=917736948660407

De acordo com a Secretaria de Esporte e Lazer, os alunos matriculados nas modalidades esportivas de todos os espaços do Projeto Escolinhas Esportivas podem ficar tranquilos: ninguém perderá a matrícula e eles poderão retornar aos treinos normalmente, após a volta das atividades. Quem está na lista de espera também não perderá a vez de realizar a matrícula, quando o serviço voltar.

Confira abaixo os espaços esportivos fechados:

– Campo do Remanso Campineiro (Em reforma)

– Campo do Adelaide

– Campo do Poliesportivo

– Campo do Rosolen

– Campo do Caic (Jd. Amanda)

– Campo da Confibra (Construção de arquibancada em andamento)

– Campo Society do Jd. Adelaide

– Ginásio Poliesportivo Victor Savala

– Academia Municipal “Jaime Pereira”

– Poliesportivo “Nelson Cancian”

– Centro de Especialidades em Artes Marciais “Eliel Gomes”

– Centro de Treinamento em Ginástica Artística “Yasmin Geovana Santos Bonfin”

– Espaço Cantuário 

– CIF Santa Clara

– “Estação Cidadania de Esportes – Deputado Luiz Lauro Filho” 

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Noticias

Publicidade

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares