Connect with us
Publicidade


Nossa Cidade

Prefeitura distribui cestas de alimentos para auxiliar população vulnerável, durante a pandemia

Portal Hortolândia

Publicado

em

A fim de auxiliar pessoas em situação de vulnerabilidade social, a Prefeitura de Hortolândia manteve a distribuição de cestas básicas, iniciada no final do mês de março, em razão da pandemia do Coronavírus. Segundo a Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social, o benefício será mantido por tempo indeterminado. Todas as cestas em doação são do próprio município.

Os alimentos são distribuídos nos quatro CRASs (Centros de Referência de Assistência Social) da cidade. Máscaras de proteção individual também podem ser retiradas nas unidades. Porém, agora, o atendimento é presencial, já que Hortolândia na “Fase Verde” do Plano São Paulo de reabertura gradual e consciente das atividades, do Governo Estadual.

O protocolo de respeito ao Código Sanitário do Estado de São Paulo contra a disseminação da doença contínua, mantendo o uso de máscaras e distanciamento. Tanto o atendimento quanto a retirada das cestas e das máscaras acontecem das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira (em caso de dúvidas, consulte telefones abaixo). Os CRAS estão localizados na Região Central e nos bairros Jd. Amanda, Jd. Novo Ângulo e Jd. Primavera.

Publicidade

“A população que mais precisa continuará a ser assistida pela Administração Municipal. Equipes da Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social trabalham, diariamente, todos os dias da semana, na realização de serviços em prol da população”, afirma o secretário de Inclusão e Desenvolvimento Social, Régis Athanázio Bueno.

Veja abaixo os critérios estabelecidos para a retirada das cestas básicas:

O artigo 6º da resolução 04 do Conselho Municipal de Assistência Social de Hortolândia aponta que os Benefícios Eventuais serão concedidos para residentes em Hortolândia, de acordo com nível de prioridade, sendo:

I. Indivíduo e/ou família, desprovida de qualquer renda ou benefício (Federal, Estadual ou Municipal).
II. Indivíduo e/ou família, com renda mensal per capta de R$ 0, 00 a R$ 89,00 (extrema pobreza).
III. Indivíduo e/ou família, com renda mensal per capta de R$ 89,00 a R$178,00 (pobreza).
IV. Indivíduo e/ou família, com renda mensal per capta de até 1/4 de salário mínimo.
V. Famílias atingidas por situação de calamidade pública
VI. Demais complexidades a serem observadas pela equipe técnica.

Confira abaixo os canais de contato com os CRASs para esclarecimento de dúvidas:
Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social: 3965-1400 ramais 8204, 8210 e 8220; 3965-1438; 99976-4011 (WhatsApp)
CRAS Amanda: 3909-3642 / 3909-2140 /WhatsApp: 99976-1602
CRAS Central: 3865-1133 / 3897-2519 /WhatsApp: 99817-0620
CRAS Novo Ângulo: 3845-7629 / 3809-1945 / WhatsApp: 99910-9085
CRAS Primavera: 3909-2292 / 3909-0627 /WhatsApp: 99976-1874

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Cidade

Coronavírus Hortolândia: 4939 casos confirmados, 4763 curados e 160 óbitos

Redação

Publicado

em

Por

O boletim sobre coronavírus divulgado pela Secretaria de Saúde de Hortolândia, nesta segunda-feira(2319) mostra que o município teve 4939 casos confirmados, 4763 curados e 160 óbitos.

Publicidade

Casos confirmados: 03 pacientes internados em UTI’s fora do município; 07 em enfermaria fora do município; 0 no Hospital Municipal Mário Covas; 0 em internação na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia; 06 em isolamento domiciliar.

Casos suspeitos – aguardando exame: 04 casos internados em UTI’s fora do município; 09 em enfermaria fora do município; 00 caso na enfermaria do Hospital Municipal Mário Covas; 09 em internação na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia; 391 em isolamento domiciliar.

6293 casos já foram descartados mediante resultado do exame de Covid-19.

Desde o dia 17/05, os casos de síndrome gripal sem coleta de exames estão excluídos dos boletins diários. Somente constarão no relatório, os casos em que são colhidos exames para diagnosticar pacientes contaminados pelo Coronavírus.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeitura continua trabalho de recuperação em área com afundamento de solo no Amanda

Portal Hortolândia

Publicado

em

Após as fortes chuvas registradas na semana passada em Hortolândia, ultrapassando 55 milímetros na quarta-feira (18/11), volume registrado pela Defesa Civil municipal, a Prefeitura    realiza reparos em tubulações que cederam no trecho da rua Duque de Caxias, entre as duas lagoas, no Jardim Amanda.

Publicidade

Segundo a Secretaria de Serviços Urbanos, no local, tubulações de águas pluviais foram rompidas pela força da água durante as chuvas. Como a área está entre as duas lagoas, ela é naturalmente mais úmida. Isso causou o solapamento do solo, que é a infiltração seguida de afundamento causada pela grande quantidade de água.

Segundo a Secretaria de Serviços Urbanos, para o conserto das tubulações, o asfalto é retirado, a tubulação recebe manutenção e, depois, a área é aterrada com nova base. Em seguida, o trecho será pavimentado. Parte do trânsito na rua está interditado, desde sábado (21/11), para a realização das obras de reparo nas tubulações.

De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, o trabalho deve ser concluído em 10 dias. Enquanto isso, o acesso a via continua restrito. A Secretaria de Mobilidade Urbana já sinalizou o local, acompanha as obras de reparos, e os motoristas, se possível, devem evitar circulação pela região para prevenir acidentes.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Tarifas de pedágio terão reajuste em 1º de dezembro

Portal Hortolândia

Publicado

em

As tarifas dos pedágios do trecho sob concessão da Rodovias do Tietê serão reajustadas à zero hora da próxima terça-feira, (01/12), conforme valores que foram publicados no Diário Oficial do Estado da última sexta-feira (20). A atualização da tarifa segue os critérios contratuais, com a correção de inflação pelo indicador econômico IPCA acumulado entre julho/2019 e junho/2020.

Publicidade

O reajuste deveria ter entrado em vigor em 1º de julho, conforme estabelecido em contrato de concessão válido para as rodovias das três primeiras etapas do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo, mas foi postergado em razão da pandemia da Covid-19.

Segundo dados fornecidos pela Agência Reguladora dos Transportes do Estado de São Paulo (ARTESP), as tarifas contratuais da Rodovias do Tietê foram reajustadas em 1,87%, e corresponde apenas à reposição da inflação medida pelo IPCA entre julho de 2019 e junho de 2020.

O pedágio é a principal fonte de recurso para investimento em ampliação e modernização da malha rodoviária concedida no Estado de São Paulo, o que inclui obras de duplicação, manutenção, serviços de socorro médico, mecânico e inspeção de tráfego.

Confira abaixo tabela com as tarifas que serão reajustadas nas nove praças de pedágio da Rodovias do Tietê.

img ilustrativa

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Noticias

Publicidade

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares