Connect with us

Nossa Cidade

Prefeitura entrega iluminação do Corredor Metropolitano, no N. Ângulo e N. América, neste sábado (09/11)

Prefeitura

Publicado

em

O sistema de iluminação pública implantado pela Prefeitura de Hortolândia no traçado do Corredor Metropolitano, na altura dos bairros Jd. Novo Ângulo e Jd. Nova América, será entregue à população, neste sábado (09/11). Toda a comunidade está convidada a participar do ato, marcado para às 17h30, na avenida Antônio da Costa Santos, entre a igreja católica e o Posto Ipiranga. Para marcar de forma festiva a entrega da nova iluminação de LED, haverá apresentação musical com o Quarteto Cultura Instrumental.

De acordo com informações da Secretaria de Obras, foram colocados 99 postes desde a avenida Osvaldo de Sousa, no Jardim Novo Ângulo, até a rua Coimbra, no Jardim Nova América. A instalação de postes com luminárias LED no Corredor Metropolitano tem como objetivo garantir segurança e visibilidade noturna para os motoristas que trafegam pela via expressa de ônibus. No percurso que fica entre a Secretaria de Serviços Urbanos, na Av. Olívio Franceschini, até a avenida Osvaldo de Souza, no Jd. Novo Ângulo, incluindo a Ponte da Esperança (estaiada), as luminárias já foram instaladas e estão em funcionamento desde abril. Agora, o trabalho prossegue com a colocação de postes no parque Peron, Chácaras Nova Boa Vista, até a Rodovia Jornalista Francisco Aguirre de Proença (SP-101). Em todo o trecho do Corredor, desde a Av. Olívio Franceschini, perto da Secretaria de Serviços Urbanos, até o bairro Chácaras Nova Boa Vista, na altura da rodovia, serão 447 postes com luminárias LED.

A avenida Olívio Franceschini também terá novos sistema de iluminação no traçado do Corredor Metropolitano, sentido Terminal Metropolitano de Hortolândia. Para isso, está em andamento uma licitação para contratar o serviço de implantação de novos postes no trecho entre a Secretaria de Serviços Urbanos e o Condomínio Jardim de Mônaco.

Os investimentos em iluminação pública fazem parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento) implantado pelo prefeito para incentivar o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. O programa prevê mais de 100 obras e serviços, em diversas áreas. Para estas intervenções, o município conta com apoio de recursos da iniciativa privada e dos governos estadual e federal, sendo que a principal fonte de recursos é um financiamento junto ao banco internacional CAF.

Cidade iluminada

No mesmo contrato de iluminação que possibilita a implantação de postes no Corredor Metropolitano, desde a avenida Olívio Franceschini até a SP-101, a Prefeitura já colocou luminárias LED no Parque Socioambiental Lago da Fé (Jd. Nova Alvorada), além do entorno das lagoas do Jardim Amanda, local onde o serviço segue em execução, nas proximidades da rua Casemiro de Abreu. O trabalho nas lagoas será concluído até o final deste mês, garantindo uma área melhor iluminada, com mais segurança para a população aproveitar o espaço para prática de atividades físicas ou lazer.

Também está em andamento uma licitação para contratar empresa responsável pelo projeto de iluminação nas novas avenidas que surgirão com as obras do PIC, ação que colaborará para tornar a cidade mais segura. Conforme as obras viárias forem concluídas, a Administração Municipal inicia o projeto de iluminação. Os locais contemplados com a nova iluminação são: a Avenida São Francisco de Assis; a ponte de ligação do Jd. Novo Cambuí com o Parque Gabriel; a avenida José Augusto de Araújo (Novo Estrela); a ponte do Jd. São Sebastião; o trecho viário de ligação do Jd. Nova Alvorada até o Jd. Santa Clara do Lago II; a avenida Olívio Franceschini (trecho próximo ao Condomínio Residencial Jd. de Mônaco); a rotatória do Hospital Mário Covas; a avenida Panaíno; e a avenida da Emancipação (trecho próximo ao Good Bom).

PPP

Outra importante ação em andamento, que garantirá uma cidade mais iluminada, é o processo de modernização da rede de iluminação pública por meio de PPP (Parceria Público-Privada), promovida pela Prefeitura de Hortolândia. Em setembro, dois consórcios foram considerados aptos a prosseguir na concorrência para assumir os serviços de monitoramento inteligente, expansão, operação e manutenção dos cerca de 22 mil pontos de iluminação pública da cidade. As ações de modernização da rede de iluminação pública garantirão eficiência energética e economia aos cofres públicos.

Com a medida, a Secretaria de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica estima que a Prefeitura reduza em até 50% os custos com iluminação pública. Isso porque uma das ações deste consórcio será a troca de todas as lâmpadas de vapor de sódio por luminárias de LED, que iluminam mais e consomem menos energia elétrica. A meta do prefeito Angelo Perugini é que, até o final de 2020, todos os 22 mil pontos de iluminação sejam de LED. “As lâmpadas de vapor de sódio da cidade são antigas, não correspondem à atual demanda de iluminação. As lâmpadas de LED representam maior luminosidade com economia para o município e, consequentemente, mais segurança para as pessoas já que no período da noite as ruas estarão melhor iluminadas”, informou o secretário de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica, Carlos Roberto Prataviera Júnior.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Cidade

Homem cai de laje e sofre ferimentos graves no Jd Santiago

Redação

Publicado

em

Por

Um ficou gravemente ferido após cair de uma laje na tarde deste sábado (4), no bairro Jardim Santiago, próximo a Unidade Básica de Saúde.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) foi acionado e prestou os primeiros socorros a vítima.

Devido a gravidade dos ferimentos, o helicóptero águia da Policia Militar foi acionado e levou a vítima para o Hospital de Clinicas da Unicamp.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Hortolândia publica decreto para fechamento do comércio não essencial

Redação

Publicado

em

Por

A Prefeitura de Hortolândia publicou neste domingo o decreto que regulamenta as regras de funcionamento das atividades previstas na “Fase de Modulação 1”, do “Plano São Paulo”, estabelecido pelo Governo do Estado de São Paulo.

Os estabelecimentos comerciais e de serviços considerados não essenciais não poderão mais realizar atendimento presencial ao público, devendo manter fechados os acessos ao interior do estabelecimento.

O sistema de entrega (delivery) podrá continuar normalmente para qualquer tipo de comécio.

O motivo da decisão é que o Governo do Estado de São Paulo reclassificou a região de Campinas como Fase 1 – Vermelha do Plano SP de retomada à economia. O motivo foi o almento de casos do novo coronavírus na região, a grande taxa de ocupacao dos leitos de UTI e também o aumento no números de óbitos por Covid-19.

Estabelecimentos considerados essenciais de acordo com o decreto:

  • I- farmácias, drogarias e congêneres;
  • II- hipermercados, supermercados, mercados, açougues, hortifrutigranjeiros, quitandas e centros de abastecimento de alimentos e bebidas; peixarias,
  • III- lojas de conveniência;
  • IV- lojas de venda de alimentação para animais;
  • V- distribuidores de gás;
  • VI- lojas de venda de água mineral;
  • VII- padarias;
  • VIII- postos de combustível;
  • IX- hospitais, clínicas, laboratórios, sanatórios, manicômios, casas de saúde, prontos- socorros, ambulatórios e congêneres;
  • X- lavanderias, serviços de limpeza e congêneres;
  • XI- hotéis e congêneres;
  • XII- bancas de jornal e congêneres;
  • XIII- transportadoras e armazéns;
  • XIV- oficinas para veículos automotores e de propulsão humana, inclusive borracharias;
  • XV- serviços de segurança privada;
  • XVI- serviços funerários;
  • XVII- concessionárias e prestadores de serviços de energia elétrica, água, esgoto, telefonia e internet;
  • XVIII- óticas;
  • XIX- cartórios extrajudiciais;
  • XX- instituições bancárias;
  • XXI- estabelecimentos de comercialização de insumos para construção civil;
  • XXII- restaurantes, lanchonetes e congêneres, que funcionarão, exclusivamente, nos sistemas delivery e drive-thru;
  • XXIII- estabelecimentos de comercialização de embalagens e produtos de limpeza que funcionarão, exclusivamente, nos sistemas delivery e drive-thru;
  • XXIV- serviços de chaveiros;
  • XXV- comércio de autopeças, exclusivamente nos sistemas delivery e drive-thru;
  • XXVI- estabelecimentos comerciais de assistência técnica de produtos eletroeletrônicos, nos termos da Deliberação 6, de 30/03/2020, do Comitê Administrativo Extraordinário Covid-19, de que trata o art. 3o do Decreto Estadual no 64.864, de 16 de março de 2020.
Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeitura alerta: 39 moradores estão em UTIs. Veja a estatística:

Portal Hortolândia

Publicado

em

Segundo a Prefeitura de Hortolândia, relatório de hoje (03) requer muita atenção, onde consta 33 pacientes em UTIs fora do Município e 06 pacientes em Hortolândia no HMC.

Total de 39 pacientes da cidade internados em UTIs. Ontem eram 31 são 09 novos casos de ontem para hoje.

Ontem (02), a prefeitura de Hortolândia (SP) havia confirmado mais duas mortes por Covid-19, totalizando 35 óbitos de moradores pela doença. Além disso, chegou a 638 casos confirmados, 52 a mais do que o boletim do dia anterior.

Segue o relatório dessa sexta (03/07):

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Populares