Connect with us
Publicidade


Nossa Cidade

Prefeitura oferece oficina sobre Cadastro Único e Bolsa Família

Prefeitura

Publicado

em

Atividade é voltada para profissionais das áreas da Saúde, Educação e Assistência Social 

A Prefeitura de Hortolândia oferecerá, na próxima segunda-feira (13/05), uma capacitação sobre os programas assistenciais Cadastro Único e Bolsa Família. A atividade é voltada para os profissionais atuantes nas áreas de Saúde, Educação e Assistência Social. A oficina será ministrada pela profissional  Virgínia Maria Rigo Soares, das 8h às 17h, no auditório Profª Andreia Marise Borelli, localizado na rua Francisco Guimarães de Oliveira, 130, Remanso Campineiro. Interessados em participar podem se inscrever pelo link https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdI7amKhZl3dvltAjKJNRdi21zQ74-hX-bH2GFIJohI1ewcmQ/viewform?usp=sf_link. As vagas são limitadas.

De acordo com a Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social, o Cadastro Único é o principal instrumento para a seleção e a inclusão de famílias de baixa renda em programas sociais do Governo Federal. Em Hortolândia, cerca de 20.951 famílias são cadastradas no CadÚnico e participam de algum projeto social. Já o Bolsa Família, atende em torno de 10.464 famílias. “A Prefeitura trabalha para oferecer serviços eficientes e de qualidade para toda população, por isso, é importante que os profissionais que atuam nesse setor estejam preparados e alinhados com os programas assistenciais do governo”, salientou o secretário de Inclusão e Desenvolvimento Social, Régis Athanázio Bueno.

O secretário explica que o CadÚnico  funciona como uma porta de entrada para as famílias acessarem diversas políticas públicas. Ele é uma ferramenta que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda. Nele constam informações como características da   residência, identificação de cada pessoa, escolaridade, situação de trabalho e renda, entre outras informações que permitem que o governo tenha conhecimento sobre a realidade socioeconômica dessa população. A partir dessas informações são concedidos os benefícios previstos nos programas Bolsa Família, Tarifa Social de Energia Elétrica, Minha Casa Minha Vida, Carteirinha do Idoso, dentre outros. 

“É importante ressaltar que a execução do Cadastro Único é de responsabilidade compartilhada entre o governo federal, estados, municípios e Distrito Federal, o que permite que ele também seja utilizado para a seleção de beneficiários de programas oferecidos pelos governos estaduais e municipais”, esclareceu Bueno.

“O Bolsa Família é um importante projeto social de transferência direta de renda à população brasileira. Ele atua no combate à pobreza e à extrema pobreza, garantindo por meio das exigências previstas no programa,  o acesso à educação, saúde e a assistência social aos seus beneficiários”, observou o secretário de Inclusão.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Cidade

Coronavírus Hortolândia: 6735 casos confirmados, 6447 curados e 190 óbitos

Redação

Publicado

em

Por

O boletim sobre coronavírus divulgado pela Secretaria de Saúde de Hortolândia, nesta quinta-feira(15) mostra que o município teve 6735 casos confirmados, 6447 curados e 190óbitos.

Casos confirmados: 14 pacientes internados em UTI’s fora do município; 02 em enfermaria fora do município; 0 na UTI do Hospital Municipal Mário Covas e 01 na enfermaria; 11 em internação na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia; 70 em isolamento domiciliar.

Casos suspeitos – aguardando exame: 04 casos internados em UTI’s fora do município; 08 em enfermaria fora do município; 00 caso na enfermaria do Hospital Municipal Mário Covas; 07 em internação na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia; 1048 em isolamento domiciliar.

8702 casos já foram descartados mediante resultado do exame de Covid-19.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeitura inicia em breve desassoreamento da lagoa do Parque Remanso das Águas

Prefeitura

Publicado

em

A Prefeitura de Hortolândia inicia, em breve, o desassoreamento da lagoa de contenção de enchentes do Parque Remanso das Águas, na região do Jardim Carmem Cristina. O trabalho consiste na retirada da areia e de outros resíduos acumulados no fundo da lagoa que reduzem a capacidade de armazenamento do reservatório de água. A ação melhorará a condição ambiental do parque, garantindo mais qualidade de vida aos moradores do entorno.

No ano passado, a Prefeitura realizou a limpeza das margens da lagoa, com a remoção da camada vegetal das laterais. Esta tarefa incluiu a utilização de máquinas. O trabalho de limpeza das margens foi feito para preparar o espaço que passará por desassoreamento.

Para executar o desassoreamento, a Prefeitura buscou obter as licenças ambientais necessárias junto aos governos federal e estadual. De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, durante o processo de licenciamento, um munícipe fez uma denúncia ao Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, na qual afirmou possuir ter autorização da Agência Nacional de Minério (ANM), órgão do governo federal, para realizar o trabalho de desassoreamento. 

O Tribunal julgou a denúncia improcedente, uma vez que a autorização que o munícipe possui é para realização de pesquisa mineral. Além disso, o Tribunal ressaltou que a empresa contratada pela Prefeitura, por meio de licitação, para executar o desassoreamento já possuía licença prévia emitida pela Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB), órgão do governo estadual. 

A Prefeitura salienta que a denúncia dificultou a conclusão do processo de liberação das licenças, influindo diretamente no atraso para execução do desassoreamento. 

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, a ANM liberou a licença para a execução do serviço. No início deste mês, a empresa contratada deu entrada junto a Cetesb para obtenção da Licença de Operação. A previsão é de que esta licença seja emitida dentro de 15 dias, e com isso, o serviço de desassoreamento poderá ser executado.

CONTENÇÃO

De acordo com a Secretaria de Obras, a estimativa é de que sejam removidos do fundo da lagoa aproximadamente 95.979,00 metros cúbicos de detritos, material correspondente a uma área de 44.470,00 metros quadrados.

O reservatório de contenção de enchentes do Parque Remanso das Águas tem capacidade de armazenamento para até 840 milhões de litros de água. Quando chove muito e este volume excede, a água é direcionada ao Ribeirão Jacuba por meio de um extravasor, porém num volume menor do que o da enxurrada. Isso evita alagamentos na região central da cidade. O mesmo método é usado no Parque Lago da Fé, onde as duas lagoas de contenção de enchentes funcionam como reservatórios em dias de chuva forte.

A Prefeitura também prepara a licitação para a limpeza do lago que fica embaixo da Ponte da Esperança (Estaiada), na região entre o Jd. Santa Rita de Cássia e Jd. Novo Ângulo. Além da limpeza da camada vegetal e dos detritos depositados no fundo da água, este lago terá seu entorno urbanizado, com a implantação de equipamentos públicos de lazer, como pista de caminhada, ciclovia e academia ao ar livre. A obra de urbanização já está em licitação.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Prefeitura de Hortolândia alerta população sobre golpe de falsos agentes comunitários de Saúde

Prefeitura

Publicado

em

A Prefeitura de Hortolândia alerta a população para tomar cuidado com criminosos que têm praticado golpe para furtar residências. De acordo com a Secretaria de Saúde, dois infratores se passaram por agentes comunitários de saúde para furtar casas nas regiões da Vila Real e do Jardim Brasil, nesta semana.

A Secretaria de Saúde informa que os agentes comunitários de saúde estão sempre identificados com crachá. Caso o morador seja abordado na porta de sua casa por supostos agentes comunitários de saúde, deve exigir que os mesmos apresentem os crachás.

A Secretaria de Saúde ainda salienta que, conforme os protocolos sanitários para conter a disseminação do Coronavírus, os agentes comunitários de saúde devem permanecer em áreas externas durante as visitas domiciliares.

Para mais informações ou dúvidas, a população deve entrar em contato com a UBS (Unidade Básica de Saúde) de referência ou com a Secretaria de Saúde, pelo telefone 3965-1400 ramal 8666. Denúncias sobre os criminosos podem ser feitas à Guarda Municipal, órgão da Secretaria de Segurança, pelos números 153 ou 0-800-111-580, ou à Polícia Militar, pelo número 190.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Noticias

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares