Connect with us
Publicidade

Nossa Cidade

Prefeitura orienta comunidade sobre uso racional da água

Prefeitura

Publicado

em

Utilizar a água de maneira racional, evitando desperdícios, é algo fundamental nos dias de hoje, sobretudo em época de estiagem, como agora. O que muitas pessoas ainda desconhecem é que a água é um recurso natural cada vez mais escasso. Afinal, nos tempos atuais, a população aumenta numericamente e vive por mais tempo que no passado recente. Além disso, nas indústrias, faz-se uso constante da água em processos produtivos de bens de consumo. A fim de sensibilizar  e educar a população quanto ao uso racional da água, a Prefeitura de Hortolândia divulga as ações realizadas no município em parceria com a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), dentre elas as medidas tomadas para evitar a perda de água tratada durante sua distribuição, um dos grandes problemas enfrentados pelo setor de saneamento básico em contexto urbano. 

A “Gestão das Águas” é uma das diretivas do PMVA (Programa “Município VerdeAzul”), da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado de São Paulo, com o qual a Prefeitura está alinhada. O programa estadual apoia e estimula, nos municípios paulistas, a realização de ações na área ambiental e de desenvolvimento sustentável. 

Publicidade

Segundo dados da Sabesp, em Hortolândia, todos os moradores contam com abastecimento de água.  A captação é realizada no rio Jaguari, de onde a água segue até a ETA (Estação de Tratamento de Água) Boa Esperança, que trata 950 litros por segundo. Atualmente, 17 reservatórios, em diversos bairros, recebem esta água e a redistribuem para 100% dos domicílios. Somadas, as reservas têm capacidade de armazenar mais de 36 milhões de litros ou 36.560 metros cúbicos. 

Considerando as projeções de desenvolvimento da cidade e crescimento populacional, a  Sabesp acredita que as reservas de água serão suficientes para abastecer a cidade até 2024. São 508,4 km de rede de abastecimento de água e 90,5 km de adutoras. Essa estrutura, que integra a rede de abastecimento, tem o objetivo de transportar a água que esteja no reservatório até o local onde vai ocorrer o tratamento. 

O abastecimento hídrico do município é integrado com o de Paulínia e parte do de Monte Mor. Em razão de tudo isso, a busca pela redução da perda de água tratada é ação prioritária e objeto de constante atenção por parte da Prefeitura e da Sabesp, concessionária que opera os sistemas de abastecimento hídrico, coleta e tratamento de esgotos em Hortolândia.

Dentre as ações constantes para evitar a perda de água (veja abaixo) está a pesquisa de vazamentos não visíveis com haste de escuta. Esse procedimento preventivo busca identificar ocorrências ainda em estágio inicial, que, muitas vezes, não são detectadas pelos sistemas eletrônicos de monitoramento de níveis de reservação. Em 2018, a Sabesp executou varredura em 146.676 ramais domiciliares de abastecimento, englobando todos os bairros do município. A ação contou com a participação direta de quatro funcionários da empresa para sua realização. 

“A ação preventiva trouxe resultados expressivos para o combate aos vazamentos de água tratada. Após a varredura, foram encontrados e consertados 598 vazamentos, contribuindo para que o abastecimento ocorra regularmente. Isso porque não são incomuns os casos em que, devido a vazamentos na rede, haja problemas de baixa pressão e reclamações de intermitência”, aponta o Relatório de Monitoramento Preventivo do Sistema de Abastecimento de Água do Município de Hortolândia, divulgado pela Sabesp em setembro de 2019,  assinado pelo gerente do Setor Técnico – RJDH2, Unidade de Negócios Capivari/Jundiaí, Cristiano Silveira.

Além das ações realizadas pela empresa, a diretora de Licenciamento Ambiental e Gestão de Resíduos da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Eliane Sousa, chama atenção para o papel da comunidade com relação ao uso racional de água.

“Vencemos recentemente uma crise hídrica. Se a Sabesp ou o município trabalham sozinhos, a gente não vai conseguir atingir nosso objetivo maior que é uma melhor utilização de nossos recursos naturais, que seria a água. A Sabesp faz a parte dela com relação a perdas da captação do recurso de dentro do manancial, das adutoras, da parte que compete a eles até chegar a casa de cada um. Nós, como cidadãos e como Prefeitura, precisamos trabalhar, porque às vezes a gente tem um vazamento em nossa casa de um cano ou de uma torneira que fica pingando e a gente pensa que aquele pingo não é nada. Mas vamos pensar nele um dia inteiro pingando, a gente mais de um copo, mais de um balde. Então, a gente precisa trabalhar com a conscientização neste sentido de preservar o nosso bem natural. Não podemos esquecer que vivemos numa região de crise hídrica”, afirma a ambientalista. 

PIC

As ações da Administração Municipal na área de saneamento fazem parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), que prevê mais de 100 intervenções e serviços que promoverão o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. As ações do PIC são realizadas por meio de parcerias da Prefeitura com a iniciativa privada, governos estadual e federal.

 

Confira abaixo as ações ininterruptas da Prefeitura e da Sabesp para evitar o desperdício de água tratada em Hortolândia:

 

Município VerdeAzul

Segundo o site do programa, o PMVA busca “estimular e auxiliar as prefeituras paulistas na elaboração e execução de suas políticas públicas estratégicas para o desenvolvimento sustentável do estado de São Paulo”. Deste modo, o ranking ambiental, além de nortear a formulação de políticas públicas, é utilizado na outorga de premiações regulares, tais como o “Certificado Município VerdeAzul”, concedido aos municípios que atingem a nota superior a 80 (oitenta) pontos e preenchem requisitos pré-definidos para cada Ciclo, e ao Interlocutor respectivo. Este Certificado reconhece a boa gestão ambiental municipal e garante à prefeitura premiada preferência na captação de recursos do Fundo Estadual de Prevenção e Controle da Poluição (FECOP)”.

 

Conheça as dez diretivas norteadoras da agenda ambiental do PMVA:

1. Município Sustentável

2. Estrutura e Educação Ambiental

3. Conselho Ambiental

4. Biodiversidade

5. Gestão das Águas

6. Qualidade do Ar

7. Uso do Solo

8. Arborização Urbana

9. Esgoto Tratado

10. Resíduos Sólidos

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Cidade

Prefeitura instala semáforos na Região Central, em frente à atacadista

Portal Hortolândia

Publicado

em

A Prefeitura de Hortolândia instalou semáforos entre as ruas Luiz Camilo de Camargo e Júlio Silva Batista, na Região Central, em frente ao recém-inaugurado atacadista Assaí. Os equipamentos já estão funcionando.

A ação é da Secretaria de Mobilidade Urbana. O objetivo do trabalho é garantir mais segurança viária a motoristas e pedestres que circulam pela região e acessam o estabelecimento comercial.

Publicidade

“Esta ação causará impacto positivo para pedestres, que poderão atravessar com mais segurança, e para os motoristas, que, além de respeitar os limites de velocidade, evitando acidentes, acessarão com facilidade o estabelecimento que funciona ali”, afirma o diretor de operações da Secretaria de Mobilidade Urbana, José Eduardo Vasconcellos.

Segurança viária

Para salvar vidas no trânsito, a Prefeitura realiza, desde 2017, uma série de ações, que vão de atividades educativas com motoristas e pedestres, reforço na sinalização, até a implantação de radares controladores de velocidade, principal medida adotada pela Administração Municipal para a redução de mortes no trânsito da cidade. Os dispositivos começaram a funcionar em janeiro do ano passado. Além disso, o mutirão de Tapa-Buraco acontece, periodicamente, em toda a cidade.

Outra medida importante é a instalação de dois painéis eletrônicos com informações sobre o trânsito, nas entradas da cidade. Eles já estão funcionando. O objetivo é informar ao motorista sobre o fluxo do trânsito no município, além de dar avisos necessários para a boa fluidez do tráfego, cuidados e bem-estar pessoal.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Em razão das obras no Hospital Municipal, Prefeitura orienta população a procurar UPAs-24h em casos de urgência

Portal Hortolândia

Publicado

em

Hospital Mario Covas

Em virtude das obras em andamento no Hospital Municipal “Mario Covas”, no Jd. Mirante, a Prefeitura de Hortolândia orienta a população que, em casos de urgência, busque atendimento nas UPAs-24h (Unidades de Pronto Atendimento) Amanda e Rosolen.

A UPA-24h Amanda está localizada na rua Washingotn Luiz, 1.066, Jardim Amanda II. Já a UPA-24h Rosolen fica na rua Orlando Pavan, 395, Jardim Rosolen. Em casos leves, a orientação é procurar atendimento nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do município.    

Publicidade

Por causa das obras, o pronto socorro do Hospital Municipal funciona temporariamente em um espaço adaptado com estrutura menor. Em razão disso, para evitar aglomeração no pronto socorro do hospital, a recomendação da Secretaria de Saúde é que a população procure atendimento nas UPAs-24h Amanda e Rosolen e nas UBSs. Ainda de acordo com a Secretaria, as obras do Hospital acontecem em duas frentes de trabalho: pronto socorro adulto e Centro de Diagnóstico por Imagens, onde será instalado um tomógrafo.

TRANSFORMAÇÃO NA SAÚDE

A Prefeitura de Hortolândia desenvolve uma série de obras e ações para a reestruturação do sistema de saúde na cidade, que incluem reforma e ampliação do Hospital Municipal, reforma de UBSs, abertura de farmácias em todas as unidades de saúde, entre outras melhorias que resultam em mais qualidade no atendimento prestado aos munícipes.

A reforma do Hospital Municipal já está em curso. São investidos R$ 12,5 milhões nesta ação, que inclui reforma desde a fachada até as instalações internas, garantindo a ampliação de 67 para 100 leitos, com 10 vagas de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) adulto. Entre os novos serviços que serão oferecidos no local está o exame de tomografia, medida que colaborará para agilizar o diagnóstico dos pacientes.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Cidade

Queimadas, altas temperaturas e baixa umidade relativa do ar oferecem risco à saúda da população

Portal Hortolândia

Publicado

em

queimadas

O calor e as altas temperaturas que atingem o Estado de São Paulo, nesta semana, são fatores de alerta para a população, por causa da baixa umidade relativa do ar, trazida pelo tempo seco e pela falta de chuvas na cidade. Em razão disso, a Prefeitura de Hortolândia mantém, até o final desta semana, a “Operação Estiagem”. A ação acontece em parceria com a Defesa Civil do Estado e visa monitorar focos de queimadas, bem como alertar a população sobre os cuidados que devem ser tomados neste período.

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, é necessária a colaboração da população para não descartar, irregularmente, entulho, recicláveis ou material orgânico em áreas verdes e espaços públicos. Este crime ambiental contribui para o surgimento de focos de queimada.

Publicidade

Segundo a Defesa Civil municipal, o trabalho está em vigor desde o início de maio, início da temporada mais seca do ano. É necessário redobrar os cuidados com a saúde neste período.

Monitoramento contra focos de queimadas continua

O monitoramento dos focos de queimadas acontece em espaços públicos, particulares, áreas verdes e APPs (Áreas de Proteção Permanente). O trabalho de orientação e fiscalização é feito diariamente, inclusive aos finais de semana, por equipes de Fiscalização Ambiental da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, mesmo com a pandemia do Coronavírus. O objetivo é evitar este tipo de crime, que prejudica o meio ambiente e a saúde das pessoas, afetando principalmente o sistema respiratório.

O pico da baixa umidade do ar acontece no período da tarde, entre 12h e 16h. A concentração da poluição ajuda a aumentar os casos de gripe, viroses, doenças respiratórias e alergias. Outros sintomas frequentes são dores de cabeça, tonturas, náuseas e irritação nos olhos, nariz e garganta.

Descarte irregular de entulho e resíduos contribui com queimadas

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, caso haja flagrante de descarte irregular de lixo, entulho, restos de construção civil e outros materiais que facilitam o surgimento dos focos de queimadas, o infrator é orientado a recolher o resíduo descartado, além de poder receber multas (veja valores abaixo).

O descarte irregular de entulho e resíduos e a prática de queimadas são crime ambiental e estão sujeitos a multa. Atualmente, os valores variam de R$ 340 a R$ 34.000.

Quem quiser ajudar na identificação de pessoas e veículos que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde. Para baixar o aplicativo, basta fazer o download gratuito nas plataformas Google Play ou App Store do smartphone. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

Confira algumas dicas para evitar problemas de saúde durante a estiagem:

  • Beba muita água
  • Aumente o consumo frutas e vegetais na alimentação
  • Mantenha o ambiente umidificado com equipamentos, toalhas úmidas ou bacias com água distribuídas pelos cômodos. Não deixe água parada por muito tempo em casa, para evitar que o local se torne um criadouro de insetos transmissores de doenças, como o mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue. O ideal é trocar a água de baldes e bacias, diariamente.
  • Limpe a casa com pano úmido
  • Mantenha portas e janelas abertas, para melhorar a circulação do ar no ambiente
  • Higienize os olhos com algodão úmido para evitar irritações, conjuntivites e outros problemas oculares
  • Evite fazer exercícios físicos ao ar livre, entre 11h e 17h
  • Evite objetos que acumulam poeira, como tapetes, cortinas e bichos de pelúcia
  • Evite o ar condicionado, pois o equipamento resseca ainda mais o ar
  • Nunca fume em ambientes fechados
Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Noticias

Nossa Cidade15 minutos atras

Prefeitura instala semáforos na Região Central, em frente à atacadista

A Prefeitura de Hortolândia instalou semáforos entre as ruas Luiz Camilo de Camargo e Júlio Silva Batista, na Região Central,...

Hospital Mario Covas Hospital Mario Covas
Nossa Cidade1 hora atras

Em razão das obras no Hospital Municipal, Prefeitura orienta população a procurar UPAs-24h em casos de urgência

Em virtude das obras em andamento no Hospital Municipal “Mario Covas”, no Jd. Mirante, a Prefeitura de Hortolândia orienta a...

queimadas queimadas
Nossa Cidade1 hora atras

Queimadas, altas temperaturas e baixa umidade relativa do ar oferecem risco à saúda da população

O calor e as altas temperaturas que atingem o Estado de São Paulo, nesta semana, são fatores de alerta para...

Nossa Cidade2 horas atras

Hortolândia promove programação de palestras pelo Outubro Rosa

A população feminina já sabe que outubro é o mês da campanha Outubro Rosa de conscientização, prevenção e diagnóstico precoce...

Nossa Cidade2 horas atras

Hortolândia realiza chamada pública para hotéis poderem abrigar pessoas em vulnerabilidade

O valor será de R$ 2.093,00 por cada hóspede A Prefeitura de Hortolândia realiza uma chamada pública destinada à hoteis...

Nossa Cidade3 horas atras

Abertas inscrições para curso sobre combate à violência sexual infanto-juvenil voltado a profissionais do Bolsa Creche

Estão abertas, até esta quinta-feira (01/10), as inscrições para o curso “Prevenção à Violência Sexual Contra a Criança/Adolescente”, promovido pela...

Publicidade

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares