Connect with us

Nossa Cidade

Vacinação contra Sarampo terá dia D, neste sábado (30/11)

Prefeitura

Publicado

em

Cinco UBSs (Unidades Básicas de Saúde) de Hortolândia abrirão, neste sábado (30/11), das 8h às 17h, para o Dia D da Campanha Nacional de Vacinação contra Sarampo, válida nesta segunda etapa para jovens e adultos, com idade entre 18 e 29 anos. As UBSs são: Jd. Santa Clara, Jd. Amanda, Jd. Nova Hortolândia, Jd. Novo Ângulo e Jd. Rosolen. As demais unidades de saúde também oferecem a proteção contra o Sarampo, de segunda a sexta-feira. Nas unidades de saúde, os profissionais da sala de vacina avaliam a necessidade da dose de reforço contra a doença.

De acordo com a Secretaria de Saúde, adultos precisam ter, pelo menos, duas doses da vacina anotadas na Carteira e Vacinação. Mesmo quem tem as duas doses anotadas, precisa comparecer à UBS para checagem.

Em outubro, a Prefeitura realizou a 1ª etapa da Campanha, com a vacinação de 686 crianças com idade entre seis meses até quatro anos completos (4 anos, 11 meses e 29 dias). Durante a campanha, 3.165 carteirinhas de vacinação foram avaliadas nas salas de vacina, sendo que as doses aplicadas representam 21,7% do público que compareceu às unidades de saúde. Conforme a Secretaria de Saúde, a cobertura vacinal atual para as crianças é de 90%, sendo que a maioria desse público foi vacinado em bloqueios e campanhas anteriores.

O Sarampo, que estava erradicado no Brasil, foi reintroduzido no território nacional. Desde agosto, as unidades de saúde de Hortolândia passaram a oferecer vacina contra Sarampo para crianças de seis a 11 meses de idade, por recomendação do Ministério da Saúde. A medida tem como objetivo ampliar a cobertura vacinal e oferecer proteção para as crianças menores de 12 meses,  contribuindo para o controle da doença. Na ação de reforço, a dose extra aplicada de seis a onze meses não terá validade como rotina: as crianças precisam ser vacinadas novamente aos 12 e 15 meses de idade. A Prefeitura também realiza ação de bloqueio após a notificação de suspeitas, mesmo antes da doença ser confirmada ou descartada, com vacinação das pessoas que tiveram contato com o paciente. Neste ano, Hortolândia registra 11 casos positivos da doença.

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Nossa Cidade

Em um ano, Hortolândia reduz, quase pela metade, acidentes com mortes no trânsito

Prefeitura

Publicado

em

As ações de segurança viária em realização pela Prefeitura de Hortolândia reduziram, quase pela metade, o número de mortes em acidentes de trânsito nas vias municipais e estradas que cortam Hortolândia. De janeiro a dezembro de 2019, foram contabilizados 19 óbitos em acidentes de trânsito, somando as ruas e avenidas do município com as rodovias que passam pela cidade. Já em 2018, no mesmo período, foram registradas 31 mortes. Os dados são do Sistema de Informações de Acidentes de Trânsito (Infosiga-SP), do Governo do Estado. Além disso, 2019 foi o ano mais seguros no trânsito de Hortolândia, desde 2015. 

SALVANDO VIDAS

Para salvar vidas no trânsito, a Prefeitura realiza uma série de ações, que vão de atividades educativas com motoristas e pedestres, reforço na sinalização, até a implantação dos radares controladores de velocidade, principal ação da Administração para diminuir os acidentes de trânsito com mortes na cidade. Os dispositivos começaram a funcionar em janeiro de 2019. 

“Os números mostram que o início do funcionamento dos radares ocasionou a queda no número de óbitos em acidentes de trânsito na cidade. Continuaremos o trabalho para tornarmos o trânsito da cidade cada vez mais seguro. Desde 2015 não alcançávamos uma marca tão expressiva para diminuir a volência no trânsito”, explica o secretário de Mobilidade Urbana, Atílio André Pereira.

PIC

As ações de segurança viária em Hortolândia integram o PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), conjunto de mais de 100 obras e serviços que a Administração Municipal realiza para reestruturar o sistema viário, modernizar a cidade, gerar emprego e renda, com sustentabilidade e planejamento.

 

Este artigo foi enviado pela Prefeitura de Hortolandia

Continue Lendo

Nossa Cidade

Falta de iluminação na praça “A Poderosa”, causa transtornos aos moradores e ciclistas

Portal Hortolândia

Publicado

em

Os moradores do Jardim Santa Isabel e um grupo de ciclistas que utilizam a Praça “A Poderosa” na região do Jardim Rosolem, sofrem com problemas de falta de iluminação e insegurança.

Recentemente a Prefeitura Municipal de Hortolândia retirou as grades que cercavam a praça, e não adequou a iluminação do local, aumentando a sensação de insegurança aos frequentadores.

De acordo com um dos integrantes do Grupo de Ciclismo KUDOS BIKE CLUB a escolha da praça foi uma estratégia de ocupar os espaços públicos, mas o grupo sente-se desprotegido. “Escolhemos a Praça Poderosa para ser o ponto de partida e chegada de nossas pedaladas noturnas, precisamos de uma resposta urgente da Prefeitura de Hortolândia sobre a iluminação e sobre a segurança da praça, a ideia do nosso grupo é povoar este espaço que um dia foi símbolo da nossa cidade e que hoje está abandonado as traças.” Comenta Walther Barros.

O grupo irá oficializar a entrega de ofícios para as autoridades pedindo a resolução do problema e ainda prometeu realizar um ato nesta quinta-feira (23/01) às 19h com a presença da imprensa.

Nota da Prefeitura


A Prefeitura de Hortolândia informa que desenvolve um projeto para reformar a área da Praça A Poderosa, no Jd. Rosolen, que incluirá a implantação de iluminação em LED, que tem maior potencial de luminosidade. A implantação das luminárias está programada para começar em abril.

O objetivo da reforma é transformar o local em um ponto de encontro para familiares, voltando a ser um espaço turístico para a cidade com programação de shows e apresentações. Para isso, as grades que cercam a praça já foram removidas. Uma das ações previstas na reformulação do espaço é o fortalecimento do comércio na região, com a instalação de foods-trucks e de estabelecimentos de todos os segmentos.

Continue Lendo

Nossa Cidade

A biomédica Madalena Santos é a pré candidatura a Prefeitura pelo PSOL

Portal Hortolândia

Publicado

em

Nesta quinta-feira (23), os militantes PSOL Hortolândia junto ao diretório municipal, indicaram o nome da Biomédica Madalena Santos para a pré candidatura a Prefeitura da cidade de Hortolândia.

Após diversos debates o nome da Biomédica foi indicado para defender as pautas do partido e disputar o cenário eleitoral do município.

Agora o PSOL Hortolândia se preparara para realizar a Convenção Municipal, com objetivo de oficializar o nome da pré candidata a prefeitura e dos candidatos a vereadores.

A convenção está prevista para o mês de Março, o dia será divulgado posteriormente.

Continue Lendo



Max Milhas