Connect with us

Nossa Região

Black Friday: pela primeira vez, data deve igualar a intenção de compra do consumidor tanto pelo e-commerce como nas lojas físicas

Portal Hortolândia

Publicado

em

black-friday

Movimentação financeira na RMC deve chegar a R$ 450 milhões, cerca de 30% a mais que em 2018

No dia 29 de novembro, quinta sexta-feira de mês, acontece a Black Friday, data comercial criada nos Estados Unidos e adotada pelos brasileiros, que no ano passado chegou a movimentar na economia norte-americana mais de US$ 75 bilhões. No Brasil, é conhecida como uma promotora de vendas digitais, e, mais recentemente, essas transações passaram a incorporar também os espaços das lojas físicas, que agora se integram às vendas do e-commerce. Em 2018, a intenção de compras na Black Friday, em % de consumidores, foi de  44,5% em lojas físicas e 55,5% pela internet. Para este ano, a estimativa de intenção de compra na data é de 49,5% em lojas físicas e 50,5% pela internet, praticamente se igualando pela primeira vez. 

Com um ticket médio de R$ 650,00 este ano, a Black Friday deverá movimentar R$ 3,5 bilhões com as vendas do e-commerce e de lojas físicas. No ano passado, o ticket médio ficou em R$ 595,00, e o e-commerce movimentou R$ 2,35 bilhões, e as lojas físicas R$ 750 milhões, perfazendo os R$ 3,1 bilhões esperados na Black Friday em 2018.

De uma forma geral, as vendas desta data, em especial, destacam-se pelos elevados descontos oferecidos pelas empresas participantes, que chegam a variar de 30% a 80%, o que obriga os consumidores a pesquisarem preços. Aproveitando a oportunidade, muitos consumidores antecipam suas compras de Natal.

RMC 

Avaliação preparada pela Associação Comercial e Industrial de Campinas (ACIC) mostra que a movimentação em Campinas e Região deve chegar aos R$ 450 milhões, cerca de 30% a mais que em 2018, com 57% das vendas pelo digital, cerca de R$ 256 milhões, e R$ 194 milhões (43%) nas lojas físicas. Campinas responde por 45% da movimentação da RMC, o equivalente a R$ 207 milhões.

Para a presidente da ACIC, Adriana Flosi, a data representa mais uma excelente oportunidade de vendas para o comércio, que deve apostar em campanhas temáticas e promoções. “Os produtos mais procurados acompanharão os registrados no ano passado: smartphones, celulares, TVs, eletroeletrônicos, vestuário e calçados, passagens aéreas, e também livros e brinquedos”, complementa.

Entre os destaques nas reclamações dos consumidores deverão permanecer: “propaganda enganosa” e “maquiagem de preços”, que ainda lideram os principais motivos das queixas.

BRASIL

A intenção de compras dos internautas brasileiros para a data neste ano aumentou 58% com relação ao ano passado, segundo pesquisa da Google, publicada no dia 8 deste mês (outubro). Pelo menos 69% dos consumidores já definiram o que vão comprar e só estão esperando a melhor oferta. O gasto médio dos brasileiros deve ser de R$ 1.330. A pesquisa entrevistou em julho 1,5 mil consumidores on-line de todas as regiões do País. 

E-commerce nacional

Pesquisa feita pelo Google mostrou que o comércio eletrônico no Brasil deve dobrar sua participação no faturamento do varejo até 2021, crescendo em média 12,4% ao ano. Isso aponta que as vendas deverão dobrar em cinco anos, chegando a R$ 85 bilhões. Conforme informações levantadas de vários segmentos do setor “e-bit”, Ciashop do e-commerce: a Moda é o 1º segmento em volume de pedidos.

Faturamento nacional:

Em 2018, o comércio eletrônico faturou R$ 53,2 bi no País, uma alta de 12,0% em comparação com 2017. Foram 123 milhões em pedidos, cerca de 10% em relação ao ano anterior. O ticket médio de compras foi de R$ 434,00, 1% acima do ticket médio de 2017.

Tanto em pedidos como em Movimentação Financeira, o e-commerce se expande a taxa média de 18,5% ao ano.

Para 2019, a expectativa no e-commerce nacional é de uma expansão de 15% no faturamento, podendo chegar a R$ 61,2 bilhões, com os números de pedidos próximos dos 137 milhões, e o ticket médio, R$ 447,00, um acréscimo de 3% sobre 2017.

Participação do e-commerce na Região de Campinas

A participação da RMC e de Campinas no e-commerce é de 18,5% da movimentação financeira nacional, bem como da movimentação dos pedidos.

Assim, em 2018, o e-commerce na RMC movimentou R$ 9,8 bi, e de Campinas cerca de R$ 5,1 bi, uma expansão de 12% sobre os R$ 8,8 bi de 2017.

Para 2019, a expectativa é de um aumento de 15% sobre o faturamento de 2018 na RMC, podendo chegar aos R$ 11,3 bi, o que comprova a expansão do e-commerce na Região.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Nossa Região

Campinas passa para a Fase Vermelha; medida entra em vigor na segunda, 6

Portal Hortolândia

Publicado

em

Campinas passou para a Fase Vermelha, conforme determinação do Plano São Paulo, do governo do Estado de São Paulo. A medida, que entra em vigor na segunda-feira, 6 de julho, foi anunciada pelo prefeito Jonas Donizette, durante transmissão ao vivo pelas redes sociais na manhã desta sexta-feira, 3 de julho.

“Campinas foi reclassificada para a Fase Vermelha, pelas regras do Estado, e voltará a funcionar com os serviços essenciais. Embora estivéssemos na Fase Laranja, já havíamos restringido o funcionamento do comércio”, disse o prefeito.

De acordo com o secretário municipal de Assuntos Jurídicos, Petter Panutto, um decreto com o detalhamento das atividades essenciais que poderão funcionar será publicado em edição extraordinária neste sábado, 4 de julho. Como atividades essenciais, volta a valer o que foi estabelecido no dia 21 de março, pelo decreto 20.782. A cidade permanecerá nesta Fase até nova avaliação.

São consideradas atividades essenciais e que poderão funcionar na Fase Vermelha: assistência à saúde, incluindo serviços médicos, hospitalares e de óticas; serviços de segurança privada; transporte de passageiros por táxi ou aplicativo; serviços de alimentação, como restaurantes, bares e congêneres, por entrega (delivery) ou retirada (drive thru); padarias, supermercados, atacadistas e comércios que vendam gêneros alimentícios e produtos de limpeza; farmácias; serviços bancários, incluindo casas lotéricas; indústrias e fábricas, com a capacidade máxima de 30% nos refeitórios; hotéis, pousadas e outros meios de hospedagem; lavanderias e serviços de limpeza; entregas em geral; transportadoras, postos de combustíveis e derivados, armazéns, oficinas de veículos automotores, borracharias e serviços congêneres; construção civil com contratos para obras essenciais em vigor com a administração pública; veterinárias e pet; manutenção predial, elétrica ou hidráulica; lojas de materiais de construção; comércio de insumos para oficinas mecânicas; comércio de bens e serviços automotivos; abastecimento e logística de agropecuária e a agroindústria; serviços de entrega (delivery) ou retirada (drive thru) em geral; assistência técnica de eletroeletrônicos; atividades internas em comércios, escritórios e prestadores de serviço, sem atendimento a clientes e os hospitais privados continuam proibidos de realizar cirurgias eletivas, até nova decisão e os serviços da Administração pública.

Os templos religiosos poderão permanecer abertos, com 20% da capacidade. mas maiores de 60 anos e pessoas com doenças prévias, não devem ir. A recomendação é de que os cultos sejam virtuais.

Para quem descumprir as medidas, seja o de abrir ou não seguir as regras sanitárias, haverá multa de 400 UFICs, o que equivale a R$ 1.446,44. Em caso de reincidência, a multa dobra, e na terceira autuação o estabelecimento é fechado enquanto durar a quarentena.

Para a Fase Laranja

O prefeito Jonas Donizette avisou que foi permitido, pelo Estado que o comércio de rua e de shoppings poderão funcionar durante seis horas, em quatro dias da semana, de quarta-feira a sábado, para as cidades que estiverem na Fase Laranja.

Em Campinas, a secretária de Desenvolvimento Econômico, Social e de Turismo, Alexandra Caprioli, disse que tem conversado com os comerciantes que atuam em lojas de rua e de shopping, para definir os horários do comércio, quando for novamente permitido. Os lojistas do comércio de rua demonstraram interesse em abrir, das 10h às 16h, e os de shopping, das 14h às 20h.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Região

Ex-vereador de Campinas conhecido como o Politizador, é encontrado morto em casa

Redação

Publicado

em

Por

Um ex-vereador de Campinas (SP), conhecido como “o Politizador”, foi encontrado morto em sua residência na tarde desta terça-feira (30).

O corpo de Antonio Francisco dos Santos, que tinha 78 anos, foi encontrado por uma amiga que o auxiliava periodicamente e não havia sinais de crime na casa.

O Politizador ficou conhecido em Campinas por andar pelas ruas do centro com um megafone para fazer críticas aos governantes antes de eleito.

Eleito em 2008 com 2.037 votos, pelo PMN, Antonio Francisco dos Santos exerceu a vereança de 2009 a 2012. Neste período, apresentou mais de 500 propostas , contando entre elas inúmeras indicações para melhoria da região central. Também protocolou 41 projetos de lei, entre os quais um que veio a se tornar a Lei 13.831/2010, que instituiu em Campinas a Semana da Campanha Continuada Antipichação, realizada anualmente na primeira semana do ano letivo nas escolas do ensino municipal.

Em 2011, na eleição indireta para a prefeitura de Campinas, em decorrência da cassação do então prefeito Demétrio Vilagra, lançou a própria candidatura ao cargo. Na ocasião, o presidente da Câmara Pedro Serafim acabou eleito para o mandato tampão e O Politizador teve contabilizado o próprio voto.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Nossa Região

Temperatura pode chegar a 8 graus na quinta (02)

Portal Hortolândia

Publicado

em

A partir da tarde dessa terça-feira (30), os ventos ganham intensidade, ficando de moderados a fortes e com possibilidade de rajadas ocasionais.

A previsão para a quarta-feira (01/07) é de céu parcialmente nublado a nublado. Há uma pequena chance de chuva isolada e fraca, principalmente entre a madrugada e manhã. As temperaturas ficam entre 15 e 21℃.

A partir de quinta-feira (02/07), é esperada uma queda significativa nas temperaturas, culminando no sábado, devido ao ingresso da massa de ar de origem polar que vem na sequência da frente-fria, e que passará com seu centro (que é a região de influência mais intensa) pela região sul do estado na madrugada de sábado. A tendência para a quinta-feira é de predomínio de sol e temperaturas entre 8 e 20℃.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Noticias

Publicidade

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares