Connect with us

Nossa Região

Unicamp sugere lockdown em SP se isolamento não aumentar

Portal Hortolândia

Publicado

em

Um modelo matemático desenvolvido na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) indica que, caso o isolamento social no estado de São Paulo não aumente nos próximos dias para conter a disseminação da covid-19, a adoção de lockdown (isolamento total obrigatório) será necessária para evitar que o sistema público de saúde atinja o limite da capacidade de atendimento. 

O estudo, divulgado na terça-feira (12), é baseado em um modelo matemático desenvolvido pelo professor do Instituto de Geociências da Unicamp e coordenador do Programa Especial Indicadores de Ciência, Tecnologia e Inovação da Fundação de Amparo à Pesquisa (Fapesp), o matemático Renato Pedrosa.

O modelo utiliza dados reais do crescimento do número de casos de covid-19 do mês de abril em São Paulo, que indicavam taxa de contágio da doença de 1,49 para o estado de São Paulo e de 1,44 para a capital. Essa taxa significa que, no final de abril, cada 100 paulistas infectados pelo novo coronavírus transmitiam covid-19 para 149 pessoas, em média, ao longo de um período de cerca de 7,5 dias após se contaminar. No caso dos paulistanos, habitantes da capital, 100 deles infectavam 144 pessoas no período de 7,5 dias. 

A taxa de contágio é afetada diretamente pelo nível de isolamento social da localidade analisada, ou seja, quanto maior o nível de isolamento, menor é a taxa de contágio, já que, com maior isolamento, o encontro entre as pessoas diminui e, consequentemente, de transmissão da doença.

O estudo ressalta que mantidos esses níveis de contágio, e as taxas de isolamento que, em média, estão abaixo dos 50%, os valores projetados indicam que, ainda em maio, o sistema público de saúde da Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) atingirá seu limite de atendimento, considerando que o nível de ocupação de leitos de unidades de terapia intensiva (UTIs) já está acima de 80%.

O modelo desenvolvido pode ser usado para projetar a dinâmica de transmissão da covid-19 em outras localidades, já que ele leva em consideração as variáveis climáticas, a densidade populacional e a linha do tempo da instalação da doença. O matemático usou dados de 50 estados norte-americanos e de 110 países, incluindo o Brasil.

Confira o estudo aqui

Nossa Região

Previsão de frio e chuvas isoladas para o fim de semana

Portal Hortolândia

Publicado

em

O fim de semana do Dia das Mães deve ter frio e possibilidade de chuvas isoladas na região de Campinas, o que inclui Hortolândia. Um alerta da Defesa Civil do Estado prevê queda de temperatura na faixa Leste de São Paulo entre a sexta-feira, 7 de maio, e o domingo, 9.


A frente fria avançará no Estado, provocando queda de temperatura e chuva isolada na Região Metropolitana de São Paulo, Baixada Santista e nas Regiões de Campinas, Sorocaba, Vales do Paraíba e Ribeira, além dos Litorais Norte e Sul.

 
Nos próximos três dias, a temperatura mínima na Região de Campinas pode cair para até 15°C. Na Região de Sorocaba, a previsão é de mínima de 14°C, o mesmo para a Região Metropolitana de São Paulo.
 

Segundo a Defesa Civil do Estado, há previsão de máximas caindo para valores entre 17°C e 20°C na maior parte da faixa Leste do Estado de SP. Por isso, é importante dar atenção especial às pessoas mais vulneráveis, como idosos e crianças, suscetíveis às baixas temperaturas e ao ar mais seco nesta época do ano.


A Defesa Civil também alerta para os riscos de acidentes e incêndios, recomendando não fazer fogueiras e manter a hidratação constante.

Continue Lendo

Nossa Região

Dia das Mães no Shopping Dom Pedro é inspirado na musica o “Amor Maior” do Jota Quest

Portal Hortolândia

Publicado

em

A Aliansce Sonae, maior administradora de shoppings do país, e que tem em sua gama de atuação o Parque D. Pedro Shopping, apresenta campanha de Dia das Mães que exalta o sentimento mais inspirador que envolve a maternidade: o amor. Com a canção “Amor Maior” da banda Jota Quest como pano de fundo, o filme retrata pequenos momentos do cotidiano que traduzem a essência da relação especial entre mães e filhos.

Os populares versos da música que falam sobre a intensidade do amor embalam momentos entre famílias de diferentes perfis, sempre tendo a mãe como figura central. Além do filme, a campanha traz também peças para as redes sociais do shopping com a hashtag #AMORMAIORDOMUNDO em alusão ao título da música tema, “Amor Maior”.

Nesse Dia das Mães, o Parque D. Pedro Shopping homenageia o sentimento mais inspirador que envolve a maternidade: o amor! São os pequenos momentos do cotidiano que traduzem a essência da relação especial entre mães e filhos.

Para essa data tão especial, queremos unir o mundo real e o virtual. Assim, você pode presentear de várias formas, do seu jeito: pessoalmente, na sua loja favorita; comprando online, com a possibilidade de entregas por delivery, ou por PickUp com retirada, através de lockers ou sistema drive-thru!

Estamos preparados para te receber, seguindo rígidos protocolos de segurança! Confira os horários do shopping aqui.

Continue Lendo

Nossa Região

RMC recebeu mais de R$ 4,5 milhões para obras de infraestrutura no 1º quadrimestre

Portal Hortolândia

Publicado

em

Repasses foram feitos para Sumaré, Hortolândia, Nova Odessa, Artur Nogueira, Engenheiro Coelho e Santo Antonio de Posse

O Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Regional, contabilizou no primeiro quadrimestre de 2021 o montante de R$ 4.598 milhões em repasses para prefeituras da RMC (Região Metropolitana de Campinas).  Foram 18 convênios para seis municípios em obras de infraestrutura urbana.

“Temos trabalhado para atender todas as regiões do estado. Repassamos só em abril R$ 30 milhões para obras de infraestrutura urbana, recursos importantes para atender as necessidades da população paulista. Vamos continuar repassando mais verbas ao longo de 2021, além de firmar novos convênios para atender todos os 645 municípios paulistas”, afirma o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi. “São obras importantes para o desenvolvimento e a melhoria de vida de toda a população paulista, além de movimentar a economia, no setor da construção civil e contribuir na geração de emprego e renda,” completou.

Os investimentos têm como destino obras de infraestrutura urbana, que agregam serviços como pavimentação asfáltica, construções, revitalização de praças públicas, recapeamento asfáltico, iluminação pública, entre outros. Todas as 16 regiões administrativas do estado tiveram pelo menos um município contemplado com verba de infraestrutura. Os serviços têm o objetivo de atender demandas municipais que são aguardadas pela população e prefeituras.

Na RMC, no primeiro quadrimestre deste ano, Sumaré foi a cidade que mais recebeu recursos da Secretaria de Desenvolvimento Regional: R$ 2.341 milhões referente a quatro convênios. Também foram contemplados os seguintes municípios: Hortolândia (R$ 1.615 milhão); Santo Antonio de Posse (R$ 150 mil); Engenheiro Coelho (R$ 84,7 mil); Artur Nogueira (R$ 91,8 mil) e Nova Odessa (R$ 375,7 mil). “Apesar do momento delicado que vivemos, estamos trabalhando para não deixar nenhuma obra paralisada. O objetivo é melhorar a qualidade de vida da população de São Paulo e da Região Metropolitana de Campinas,” explicou Vinholi.

Continue Lendo

Populares