Connect with us
Publicidade

São Paulo

Fiscalização Geral lacra loja da Havan em Ribeirão

Portal Hortolândia

Publicado

em

imagem ilustrativa da Havan em Hortolândia

Na manhã de terça-feira (14), a unidade da loja de departamentos Havan de Ribeirão Preto foi lacrada pela Prefeitura. De acordo com a administração, o estabelecimento não cumpriu a regra de ter no mínimo 70% das gôndolas destinadas a produtos essenciais e, por isso, acabou lacrada.

A prefeitura informou, em nota, que já havia intimado a Havan a realizar a adequação no atendimento, mas que a determinação não foi cumprida. “Para atendimento presencial, é necessário que o estabelecimento apresente 70% de produtos essenciais em suas atividades. Por não atender a esta determinação, o estabelecimento só poderia funcionar pelos sistema delivery e drive-thru, fato que não ocorreu e que gerou a lacração na data de hoje”, disse a administração.

Havan Hortolândia

No site da loja, referente a unidade que fica na Av. Da Emancipação em Hortolândia, apresenta a seguinte informação: “Atendendo as recomendações das autoridades, esta loja encontra-se fechada para compras (Poderá sofrer alterações sem prévia divulgação).”

Serviço:
Hortolândia – Fone: 19 4042-1740 Segunda à Domingo e Feriado, das 9h às 22h.
Av. Da Emancipação, 2130 – Parque Dos Pinheiros
Hortolândia-SP
CEP: 13184-654
Atendendo as recomendações das autoridades, esta loja encontra-se fechada para compras (Poderá sofrer alterações sem prévia divulgação).

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

São Paulo

Eleições 2020: propaganda eleitoral, o que pode e não pode?

Portal Hortolândia

Publicado

em

A propaganda eleitoral é permitida neste ano desde 27 de setembro. A 19 dias da eleição, vamos tratar da campanha nas ruas, que, apesar de não ser proibida, deve observar recomendações dos órgãos de saúde, para evitar a disseminação do novo coronavírus.

É permitida a distribuição de material gráfico (folhetos, adesivos, volantes e outros impressos), realização de caminhadas, carreatas e passeatas, até as 22 horas do dia que antecede a eleição, lembrando que todo o material impresso de campanha deve conter a identificação do responsável pela confecção e de quem contratou o material, com CNPJ ou CPF, bem como a tiragem.

Também é lícita a realização de comícios e reuniões, em local aberto ou fechado, independentemente de autorização ou licença, mas com aviso às autoridades policiais com antecedência de 24 horas. Mais uma vez, é preciso destacar que, por causa da pandemia de Covid-19, candidatos, partidos e coligações devem estar atentos às recomendações sanitárias, a fim de prevenir o contágio do vírus e garantir a segurança dos cidadãos.

Até a véspera da eleição, é legítima a divulgação de propaganda eleitoral por meio de alto-falantes, entre as 8 e 22 horas, desde que distantes a pelo menos 200 metros das sedes dos Poderes Públicos, quartéis, hospitais, escolas, bibliotecas, igrejas e teatros. A lei também admite o uso de aparelhagem de som fixa em comícios, das 8 às 24 horas, prorrogável até as 2 horas da manhã no comício de encerramento de campanha.

Podem ainda os candidatos colocar mesas para distribuição de material e utilização de bandeiras em vias públicas, das 6 às 22 horas, desde que sejam móveis e não embaracem o trânsito de veículos e pedestres.

São proibidas: 1) a fixação de qualquer propaganda em bens públicos, bens de uso comum, bens particulares a que a população em geral tenha acesso (cinemas, clubes, comércios, igrejas, estádios, ginásios), árvores, jardins, muros, cercas e tapumes; 2) a utilização de trios elétricos; 3) a realização de showmícios ou eventos assemelhados; 4) a distribuição de camisetas, chaveiros, bonés, canetas, cestas básicas ou qualquer outro brinde que possa proporcionar vantagem ao eleitor; 5) a veiculação de propaganda eleitoral por meio de outdoors; entre outras vedações constantes da Lei das Eleições.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

São Paulo

Consumidores tem última semana para utilizar créditos da Nota Fiscal Paulista para abatimento do IPVA 2021

Portal Hortolândia

Publicado

em

Outubro é o único período no ano em que os consumidores podem aproveitar os valores para abater o imposto do ano seguinte

Esta é a última semana em que os usuários cadastrados no programa Nota Fiscal Paulista podem utilizar seus créditos para abatimento no IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) de 2021.

Outubro é o único período do ano em que os consumidores podem utilizar seus créditos com essa finalidade. Neste caso, é preciso fazer essa opção no site da Nota Fiscal Paulista (http://portal.fazenda.sp.gov.br/servicos/nfp) até a data limite de 31 de outubro.

Para isso, é preciso fazer o cadastro no sistema da Nota Fiscal Paulista e solicitar essa opção. O veículo deve estar no nome do usuário cadastrado no programa para que a opção seja válida.

O consumidor poderá escolher qual o valor (integral ou parcial) deseja enviar para o abatimento. Caso envie mais do que é necessário para a quitação, o dinheiro será restituído na conta corrente da Nota Fiscal Paulista.

Em outubro de 2019, 46.645 consumidores realizaram a solicitação para o abatimento do IPVA deste ano, totalizando R$ 4,48 milhões.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Celebridades

Datena é operado em São Paulo após infarto

Redação

Publicado

em

Por

O apresentador e jornalista José Luiz Datena, de 63 anos, sofreu um infarto neste domingo (25) e precisou passar por um procedimento cirúrgico.

Em sua rede social Datena postou a seguinte mensagem: “Meus queridos e queridas de todo o Brasil, saí há pouco do centro cirúrgico após dar entrada no Hospital Sírio-Libanês com algumas dores no peito”.

“Estou em plena recuperação e, em breve, espero estar com vocês novamente. Meu respeito, meu carinho e meu agradecimento. Até já!”, finalizou Datena.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Populares