Connect with us
Publicidade

São Paulo

Programa Nossa Casa abre inscrições para sorteio de moradias; veja as cidades

Portal Hortolândia

Publicado

em

A Secretaria de Estado da Habitação, por meio da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), abre nesta quarta-feira (11) inscrições para participação de sorteios do Programa Nossa Casa em diversas cidades do Estado. O prazo vai até segunda-feira (16).

As moradias serão sorteadas em Borebi em cidades das regiões de Campinas, Presidente Prudente e Rio Preto. Para concorrer a uma das unidades habitacionais, o candidato deve fazer sua inscrição pelo site www.cdhu.sp.gov.br ou pelo aplicativo Kaizala, disponível gratuitamente nas lojas App Store e Play Store.

Ao acessar o site dentro do período indicado, procure o empreendimento de acordo com a sua cidade, na área de inscrições. O candidato precisa prestar bem atenção, pois só poderá se inscrever no empreendimento do município em que mora ou trabalha. Mais informações também pelo Alô CDHU: 0800 000 2348.

Região de Bauru (58 moradias)
– Borebi: inscrição entre 11/03 às 8h e 16/03 às 16h

Região de Campinas (176 moradias)
Período de inscrição:
– Itapira: entre 11/03 às 9h45 e 16/03 às 17h45
– Joanópolis: entre 11/03 às 9h30 e 16/03 às 17h30

Região de Itapeva (48 moradias)
– Barra do Chapéu: inscrição entre 11/03 às 9h45 e 16/03 às 17h45

Região de Presidente Prudente (282 moradias)
Período de inscrição:
– Presidente Prudente: entre 11/03 às 8h45 e 16/03 às 16h45
– Presidente Venceslau: entre 11/03 às 9h e 16/03 às 17h
– Alfredo Marcondes: entre 11/03 às 9h15 e 16/03 às 17h15

Região de Rio Preto (193 moradias)
Período de inscrição:
– Estrela d’Oeste: entre 11/03 às 8h15 e 16/03 às 16h15
– Icem: entre 11/03 às 8h30 e 16/03 às 16h30

Seleção

A seleção dos beneficiados será feita por sorteios públicos classificatórios. Só poderá se candidatar a um imóvel quem estiver morando ou trabalhando há pelo menos 5 anos na cidade que receberá o empreendimento e não pode ter sido beneficiado por nenhum programa habitacional. Outra exigência do programa é que o candidato esteja com o nome limpo, ou seja, sem nenhuma restrição de crédito para obter o financiamento ofertado pelas regras da Caixa Econômica Federal. Também não poderá possuir pendência com a Receita Federal.

Os imóveis vão atender famílias com renda entre 1,5 e 5 salários mínimos. A Secretaria de Habitação concederá subsídios de até R$ 40 mil, conforme a renda das famílias. Será possível contar ainda com subsídios federais e utilizar o FGTS no financiamento habitacional. Desta forma, o valor das prestações ficará compatível com a capacidade de pagamento das famílias.

Os empreendimentos serão viabilizados pela modalidade Nossa Casa-CDHU, que prevê na primeira etapa a construção de 11 mil moradias em 113 cidades em parceria com a Caixa Econômica Federal. Nesta modalidade, os terrenos são ofertados pelos municípios e a construção das moradias é realizada com recursos da Caixa e da Secretaria da Habitação, por intermédio da Agência Paulista. A CDHU já fez o credenciamento de empresas para a execução de 7.278 unidades da primeira etapa.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Celebridades

Datena é operado em São Paulo após infarto

Redação

Publicado

em

Por

O apresentador e jornalista José Luiz Datena, de 63 anos, sofreu um infarto neste domingo (25) e precisou passar por um procedimento cirúrgico.

Em sua rede social Datena postou a seguinte mensagem: “Meus queridos e queridas de todo o Brasil, saí há pouco do centro cirúrgico após dar entrada no Hospital Sírio-Libanês com algumas dores no peito”.

“Estou em plena recuperação e, em breve, espero estar com vocês novamente. Meu respeito, meu carinho e meu agradecimento. Até já!”, finalizou Datena.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

São Paulo

Comgás lança opção de pagamento com PicPay com promoção de cashback

Redação

Publicado

em

Por

Clientes com aplicativo poderão parcelar contas em até 12 vezes e ganhar R$ 10,00 de volta no primeiro pagamento

A Companhia de Gás de São Paulo (Comgás) – maior distribuidora de gás natural do Brasil – oferece, a partir de outubro, mais uma opção para pagamento de contas: o PicPay. A parceria inédita da Comgás com a carteira digital possibilita que os clientes que não abrem mão de novidades tecnológicas e soluções eficientes possam realizar o pagamento de suas contas de maneira rápida e descomplicada, com apenas alguns toques na tela do seu dispositivo móvel.

“Aproveitamos o momento de o consumidor estar mais receptivo a novas tecnologias e soluções digitais e embarcamos nesta novidade. É mais uma opção de pagamento pelo celular para o cliente Comgás, com toda a facilidade e conveniência que o cliente busca, especialmente neste momento de distanciamento social”, explica Maria Fernanda De Paoli, Head de Mercado da Comgás.

Pelo app do PicPay o cliente consegue efetuar o pagamento de qualquer conta ou boleto utilizando o saldo da carteira ou o cartão de crédito – e neste último caso, pode parcelar o valor em até 12 vezes.

Outra vantagem que a Comgás está oferecendo é uma promoção exclusiva para todos os clientes: quem pagar a conta de gás utilizando o PicPay pela primeira vez, terá R$ 10,00 em cashback (dinheiro de volta). A opção é válida até o dia 15/12/2020.

“Essa parceria reforça o compromisso da Comgás em trazer novas soluções que garantam conforto, comodidade e segurança, inclusive na hora de efetuar o pagamento das contas. Queremos cada vez mais que nossos clientes contem com a gente”, complementa Paoli.

Veja como é fácil pagar com o PicPay

1. Baixe o aplicativo – pelo Google Play Store e App Store.

2. Faça o cadastro e efetue o login.

3. Selecione a opção pagar conta, escaneie ou digite o código de barras e conclua o pagamento.

4. Confira o valor, confirme os dados e a forma de pagamento – a quantidade de parcelas – e toque em “Pagar”.

O comprovante fica disponível no app quando o pagamento é aprovado imediatamente. Caso seja necessária a análise de segurança do cartão de crédito, o cliente precisa aguardar o e-mail e/ou notificação do PicPay.

Além do pagamento via PicPay, os clientes da Comgás podem optar também pelo serviço de internet banking ou débito automático. Já os clientes com contas em atraso devem negociar as dívidas diretamente com a companhia, por meio do Comgás Virtual (virtual.comgas.com.br). Confira mais detalhes da campanha no site: https://www.comgas.com.br/picpay.

Sobre a Comgás
A Comgás possui mais de 17 mil quilômetros de rede de distribuição de gás natural encanado em 90 municípios, abastecendo os segmentos industrial, comercial, residencial e automotivo, além de viabilizar projetos de cogeração e disponibilizar gás para usinas de termogeração.

Com fornecimento ininterrupto e atendimento 24h, a companhia atende mais de 2 milhões de clientes em sua área de concessão no Estado de São Paulo: a Região Metropolitana de São Paulo, a Região Administrativa de Campinas, a Baixada Santista e o Vale do Paraíba. 


Informações para imprensa:
Alfapress Comunicações
Isabella Lima – Consultora de Comunicação
[email protected]
(19) 99565-3247  

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

São Paulo

Localização de todos os radares em estradas estaduais em breve

Portal Hortolândia

Publicado

em

O Governador João Doria sancionou a Lei 17.294/2020 para que o Governo de São Paulo publique a localização de todos os radares instalados nas rodovias estaduais paulistas, sejam fixos, móveis, estáticos ou portáteis.

A publicação será diária, com localização, horário de funcionamento dos dispositivos e seus respectivos limites de velocidade. A iniciativa foi proposta pelo deputado Ricardo Madalena, com o projeto de lei 679/206. Atualmente, já está disponível a localização de radares fixos.

A medida será implantada em 90 dias, conforme prevê a Lei 17.294, sancionada pelo Governador João Doria e publicada no Diário Oficial do Estado de 23 de outubro de 2020: http://diariooficial.imprensaoficial.com.br/nav_v6/index.asp?c=29713&e=20201023&p=1.

Os radares estáticos (em tripés) são operados em pontos pré-determinados no período diuturno, ou seja, enquanto há luz solar. Já os radares portáteis são operados pela Polícia Militar Rodoviária em cronograma estabelecido pelo comando rodoviário.

Veja abaixo o texto da lei:

LEI Nº 17.294, DE 22 DE OUTUBRO DE 2020
Dispõe sobre a obrigatoriedade de a Administração Pública Estadual divulgar em seu site institucional a localização de todos os radares de fiscalização e os respectivos limites de velocidade
O GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Faço saber que a Assembleia Legislativa decreta e eu promulgo a seguinte lei:
Artigo 1º – A Administração Pública Estadual fica obrigada a manter disponível em seu site institucional a localização e o horário de funcionamento de todos radares, fixos, móveis, estáticos ou portáteis, de fiscalização de velocidade em todo o Estado, além da velocidade limite de cada um.
Artigo 2º – Vetado
I vetado
II – vetado
III – vetado
IV – vetado
Artigo 3º – O disposto nesta lei aplicar-se-á a quaisquer radares que vierem a ser utilizados pelo Estado, mesmo que não indicados no artigo 2º desta lei. Artigo 4º – Vetado.
Artigo 5º – A Administração Pública Estadual deverá assegurar a implantação e execução desta lei no prazo máximo de 90 (noventa) dias após sua publicação.
Artigo 6º – As despesas decorrentes da execução da presente lei correrão à conta de dotações orçamentárias próprias.
Artigo 7º – Esta lei entra em vigor na data de sua publicação.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Populares