Connect with us
Publicidade

Empregos

Jovem Aprendiz Caixa Econômica Federal 2014 – 3 mil vagas* – Inscrições Abertas

Portal Hortolândia

Publicado

em

Caixa Econômica divulga abertura de 3 mil vagas para o Jovem Aprendiz 2014

A Caixa Econômica Federal divulgou em seu site oficial a abertura de cerca de 3 Mil vagas* para o Programa Jovem Aprendiz 2014. A Caixa divide seu programa de Aprendizagem em dois grupos: Adolescente Aprendiz e Jovem Aprendiz:

Publicidade

Adolescente Aprendiz:

É necessário ter de 14 anos e meio a 16 anos incompletos, estar cursando, no mínimo, o 9º ano do Ensino Fundamental.

Jovem Aprendiz

O Programa de Aprendizagem da CAIXA atende a jovens entre 18 e 24 anos em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Os jovens têm que estar regularmente matriculados na rede de ensino, cursando no mínimo o 1º ano do Ensino Médio. Os Jovens recebem capacitação teórica na Entidade Convenente e capacitação prática no desenvolvimento de suas atividades nas unidades da CAIXA.

Como se inscrever no Programa Jovem Aprendiz da Caixa?

A Caixa Econômica não disponibiliza um Link único para cadastro em seu programa Jovem Aprendiz, 

Passo a passo para cadastro:

1. Entre no site da Caixa http://www14.caixa.gov.br/portal/acaixa/home/trabalhe_caixa/aprendizagem/ e verifique a entidade parceira caixa mais próxima de sua cidade ou estado;

2. Entre em contato com a entidade parceira Caixa por telefone ou E-mails (Disponíveis no site Caixa);

3. Solicite seu cadastro no programa Jovem Aprendiz Caixa 2014;

4. Aguarde até que as vagas de Jovem Aprendiz Caixa 2014 sejam disponibilizadas e a entidade entre em contato.

Caso ocorra qualquer problema no processo, entre em contato diretamente com a Caixa nos telefones: CAIXA CIDADÃO: 0800 726 0207 ou SAC CAIXA: 0800 726 0101

Quando serei chamado para ser Jovem Aprendiz da Caixa?

A contratação do Adolescente ou Jovem Aprendiz será realizada, gradualmente, nas localidades onde houver vaga disponível e de acordo com as necessidades estratégicas da CAIXA. O contrato tem a duração de 24 meses e os adolescentes serão capacitados nas ocupações de contínuo (office-boy), auxiliar de escritório e escriturário. Os benefícios oferecidos são: remuneração de um salário mínimo nacional, vale-alimentação (R$ 5,00 por dia útil), vale-transporte (de acordo com a necessidade de deslocamento do Jovem Aprendiz), férias e 13º salário.



Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Empregos

Veja como a redução da jornada de trabalho impacta no seu salário

Portal Hortolândia

Publicado

em

carteira-trabalho

Medida provisória que permite o corte no salário e redução no horário de trabalho foi editada para ajudar as empresas a enfrentarem os efeitos da Covid-19 na economia.

Quando investimos o nosso dinheiro, o que esperamos é que ele renda bastante, ainda mais nessa época de crise econômica e na saúde por conta do novo coronavírus. O problema é que na maioria dos casos, quando isso acontece, esse ganho é tributável. Ou seja, é pago uma quantia ao Governo Federal na forma de Imposto de Renda como forma de contribuição.

Publicidade

Para facilitar esse pagamento, o Darf online é um documento utilizado para a dedução e pagamento dos impostos em operações realizadas na Bolsa de Valores (ações, opções, fundos imobiliários, contratos futuros, entre outros).

Além de realizar a correta quitação de impostos, também é importante se atentar em algumas modificações nas leis realizadas pelo Governo Federal em meio a esse cenário delicado de crise. 

Assim, foi criado o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda, que possibilita que as empresas façam uma adaptação da carga horária e os salários dos contratos de forma temporária. 

O governo informou que mais de 1 milhão de trabalhadores já tiveram a jornada e o salários reduzidos ou contratos de trabalho suspensos. Isso revela que muitos profissionais já tiveram os seus contratos de trabalho reorganizados de forma coletiva ou individual, a fim de garantir à empresa um alívio econômico durante o período da crise para que elas consigam se manter.

Como funciona a redução do salário

Em momentos de instabilidade econômica como o que enfrentamos atualmente devido ao surto de Covid-19 é imprescindível conhecer seus direitos. Em relação à redução de salário ou da jornada de trabalho, o período pode se estender por no máximo 90 dias. 

Já o cancelamento de contratos trabalhistas pode ocorrer por até 60 dias. Nesse caso, os colaboradores afetados terão a renda restituída, como se recebessem uma parcela do seguro-desemprego, diminuindo os prejuízos. 

O pagamento dessa parcela deverá ser realizado dentro de um prazo de até 30 dias, iniciados a partir da data do acordo individual ou coletivo. O resto do pagamento deverá ocorrer normalmente, de acordo com o que foi afirmado previamente, com o dinheiro sendo depositado diretamente na conta do trabalhador. 

Caso não haja nenhuma conta em nome do colaborador, o pagamento deverá ser feito através de uma conta digital aberta pelo Ministério da Economia, junto à Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil. 

Regras para a redução do salário

A redução do salário deverá acompanhar proporcionalmente a redução da jornada de trabalho durante a pandemia. Dessa forma, aqueles tiverem, por exemplo, 50% de redução na jornada de trabalho, receberão apenas 50% do valor do seguro desemprego. 

Em outros casos, como a suspensão do contrato, o governo se compromete a pagar 100% do valor só seguro desemprego ao qual o trabalhador teria direito. Esse cenário só é válido para empresas com o faturamento anual máximo de R$ 4,8 milhões 

Percentual do seguro desemprego

A empresa ao reduzir o salário do trabalhador em 50% passa para o governo a responsabilidade de realizar o pagamento dos outros 50%, levando em consideração os valores a serem recebidos pelo seguro-desemprego.

Assim, vale prestar atenção: o percentual a ser reduzido é definido de acordo com um limite considerado pelo governo federal junto ao quanto o trabalhador recebe mensalmente:

  • Todos os trabalhadores – até 25%
  • Trabalhadores que recebem valor inferior ou igual a R$ 3.135 – de 50% a 70%

Sendo que os trabalhadores que recebem renda entre 3 salários mínimos e a soma de dois tetos da Previdência Social (R$ 3.135 a R$ 12.202,12), o percentual será definido mediante acordo coletivo com a categoria. As reduções poderão variar de 50% a 70%.

Mas, para quem recebe acima de R$ 12.202,12 e que possui curso superior, determinada pela legislação, o acordo será realizado individualmente e os percentuais de redução serão pactuados entre empregador e empregado, sempre com direito a receber o benefício emergencial.

Atenção: no que diz o secretário especial de Previdência do Ministério da Economia, Bruno Bianco: apesar de o Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda ser pago como se paga o seguro-desemprego, não haverá desconto caso o trabalhador seja demitido no futuro.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Empregos

Faculdade Anhanguera promove Feira de Empregabilidade online em Sumaré

Portal Hortolândia

Publicado

em

A unidade da Faculdade Anhanguera em Sumaré promove na próxima quarta-feira (29/04) uma Feira de Empregos 100% online. Seguindo as determinações do Ministério da Saúde, que recomenda evitar aglomerações para conter o avanço da Covid-19, a instituição de Ensino Superior decidiu mudar a estratégia para apoiar o cidadão que está em busca de uma oportunidade no mercado de trabalho.

Assim, a faculdade vai receber os currículos pela internet e repassar às empresas que participarão da iniciativa. As vagas são para as áreas administrativas, comerciais e de produção, além de estágios.
Para participar da feira é preciso preencher o formulário no dia, por meio do link https://bit.ly/2wWGkHM, das 9h às 15h, e enviar o currículo conforme as orientações que constam na página.

Publicidade

Marco Antônio Torres, diretor da Anhanguera de Sumaré, avalia a importância de uma ação como essa em um período de recessão e cortes de empregos nas empresas. “Neste cenário de isolamento social, é necessário unir esforços e promover iniciativas benéficas e gratuitas. O foco está em carreira e mercado de trabalho para ajudar a reduzir os índices de desemprego. A instituição, que sempre realizou o evento presencialmente, fará dessa vez online, seguindo as recomendações do Ministério da Saúde, para garantir a integridade de todos”, explica.


Fundada em 1994, a Anhanguera já transformou a vida de mais de um milhão de alunos, oferecendo Educação Superior de qualidade e conteúdo compatível com o mercado de trabalho em seus cursos de graduação, pós-graduação e extensão, presenciais ou a distância (EaD). Presente em todos os estados brasileiros, a Anhanguera presta inúmeros serviços gratuitos à população por meio das Clínicas-Escola na área de Saúde e Núcleos de Práticas Jurídicas, locais em que os acadêmicos desenvolvem os estudos práticos.

Focada na excelência da integração entre ensino, pesquisa e extensão, a Anhanguera oferece formação de qualidade e tem em seu DNA a preocupação em compartilhar o conhecimento com a sociedade também por meio de projetos e ações sociais. Em 2014, a instituição passou a integrar a Kroton.

O campus da Anhanguera em Sumaré fica na Avenida Eugenia Biancalana Duarte, no Jardim Primavera – ao lado do viaduto de acesso à região central. Dentre os cursos superiores oferecidos em Sumaré estão os de Arquitetura e Urbanismo, Administração, Ciências Contábeis, Direito, Educação Física, Enfermagem, Engenharias (Civil, Elétrica, Mecânica, Controle e Automação, Produção), Estética e Cosmética, Biomedicina, Fisioterapia, Recursos Humanos, Logística, Nutrição, Pedagogia e Psicologia, entre outros. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (19) 99182-3426.

A Kroton, que faz parte da holding Cogna Educação, uma companhia brasileira e uma das principais organizações educacionais do mundo, atende ao mercado B2C do Ensino Superior, levando educação de qualidade em larga escala. Presente em mais de 900 municípios em todo Brasil, a companhia conta com 176 unidades próprias, 1.410 polos de ensino a distância e 846 mil estudantes, sob as marcas Anhanguera, Fama, Pitágoras, Unic, Uniderp, Unime e Unopar.

Transformar a vida das pessoas por meio da educação, formando cidadãos e preparando profissionais para o mercado, é a missão da instituição, que trabalha para continuar concretizando sonhos em todos os cantos do país.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Empregos

ARTESP divulga vagas de empregos do Programa de Concessões Rodoviárias

Portal Hortolândia

Publicado

em

carteira-trabalho

A ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) está divulgando em seu site e redes sociais as oportunidades de emprego oferecidas pelas concessionárias que integram o Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo.

As 20 empresas responsáveis pela operação, manutenção, serviços e investimentos nos 9,8 mil quilômetros da malha concedida fecharam o ano de 2019 com um total de mais de 25,7 mil empregos gerados, e as oportunidades de uma vaga surgem a cada nova obra ou ciclo de investimentos das concessionárias.

Publicidade

Por meio dessa nova iniciativa, a ARTESP atua como ponte entre os trabalhadores e as vagas oferecidas pelas concessionárias, reforçando a comunicação que as empresas já fazem com a população através de suas redes sociais e outros meios de divulgação.

No site da ARTESP (http://www.artesp.sp.gov.br) foi criada uma página com os links para os “trabalhe conosco” das 20 concessionárias do programa. Nesses endereços eletrônicos é possível verificar as vagas que estão abertas, e também cadastrar o currículo para futuras oportunidades.

Redes sociais

Além de criar essa linha direta com as áreas responsáveis pela contratação das concessionárias, a ARTESP também passou a divulgar em suas redes sociais as vagas oferecidas. Entre as oportunidades já publicadas há empregos na área de engenharia civil e comunicação social, por exemplo.

Também são comuns anúncios de vagas nas áreas operacionais e administrativas das empresas, entre outros setores. Os empregos estão sendo divulgados nas páginas da ARTESP no Facebook (http://www.facebook.com/artespoficial) e Linkedin (http://www.linkedin.com/company/artesp).

Nova concessão

Nas próximas semanas, há previsão de a ARTESP iniciar a divulgação das vagas que serão oferecidas pela concessionária que venceu a licitação do Lote Piracicaba – Panorama. O leilão do novo lote, que tem mais de 1,2 mil quilômetros de rodovias, foi realizado em 8 de janeiro de 2020.

A previsão é de que o contrato de concessão seja assinado ainda no primeiro semestre. A concessão de 30 anos prevê investimentos que ultrapassam R$ 14 bilhões para a infraestrutura rodoviária que atravessa São Paulo, desde a região de Campinas até o extremo oeste do Estado, na divisa com o Mato Grosso do Sul, abrangendo 62 municípios.

Somente no primeiro ano de concessão, a previsão é de criação de seis mil empregos diretos e indiretos, subindo para sete mil a partir do segundo ano.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Noticias

Youtube

 

PONTE DA ESPERANÇA

Populares