Connect with us
Publicidade

Moda

Toalha que enxuga: descubra quais são os tecidos usados nas toalhas mais eficientes em absorção

Portal Hortolândia

Publicado

em

Antes de escolher a sua toalha de banho, é importante se atentar ao tecido do qual ela é composta.

A toalha de banho é um item essencial, presente na rotina de todas as pessoas. No mercado, há inúmeros modelos, tamanhos e materiais disponíveis. Portanto, para escolher a melhor toalha de banho, é necessário analisar alguns fatores importantes.

Publicidade

Sabemos que, unanimemente, é considerada uma toalha boa aquela que é macia, proporciona conforto e tem uma alta absorção. E, para que tudo isso seja possível, é preciso optar pelo tipo de tecido correto.

Melhores tecidos para toalhas de banho

As toalhas de banho podem ser fabricadas em diversos tipos de tecidos, desde os sintéticos até os naturais.

Porém, o fato é que quanto mais fibras naturais estiverem presentes do tecido, melhor a toalha será.

Dessa forma, as melhores opções são os tecidos em 100% algodão e, dentre eles, os especificados abaixo se destacam.

Algodão tradicional

O algodão é uma fibra vegetal largamente usada ao redor mundo e, por esse motivo, pode ser encontrado com muita facilidade.

Não há outros tecidos em sua composição, portanto, o material é considerado nobre e puro.

A maciez desse tecido o torna extremamente confortável, funcionando perfeitamente na confecção de toalhas de rosto e de banho. Além disso, é durável, fácil de passar e suave.

E, por ser extremamente utilizado, há variados tipos de algodão, que possuem padrões de qualidade e valores distintos.

Algodão egípcio

Devido às circunstâncias do clima e do solo, o algodão egípcio só pode ser produzido no delta do Rio Nilo, pois as condições de desenvolvimento são favoráveis.

Ele já era usado há mais de 7 mil anos pelos egípcios, o que o torna a fibra mais antiga do mundo.

Por suas características englobarem fibras resistentes e longas, maciez e toque aveludado, o algodão egípcio é considerado nobre, além de também ter alta absorção e boa durabilidade, podendo ser utilizado por anos.

Outro fator a ser destacado é que esse tipo de algodão é indicado para as peles mais sensíveis, pois é hipoalergênico, não causando reações alérgicas.

Algodão pima

O algodão pima, por sua vez, é classificado por diversos especialistas como a melhor variação de algodão existente.

Entre as principais características dessa espécie de algodão, a principal é a qualidade da fibra. Por esse motivo, é, também, um dos mais nobres tipos conhecidos.

Sua fibra é a mais longa e fina de todas, demandando menos “junções” na etapa de fiação. Consequentemente, as possibilidades de rompimento se tornam menores, fazendo o fio de algodão pima mais resistente do que os outros.

Ademais, essa particularidade torna o tecido confeccionado nesse material delicado e macio, além de requerer poucos cuidados e uma simples manutenção, pelo fato de não formar “bolinhas” e poder ser lavado na máquina.

Nanocotton

O nanocotton é composto por partículas amaciantes que são inseridas nas fibras do algodão, produzindo um tecido com grande absorção e alto poder de maciez.

Uma das principais vantagens de sua utilização é o fato que não há a necessidade de fazer uso de amaciantes durante a sua lavagem, proporcionando economia.

As toalhas fabricadas nesse material possuem um excelente desempenho, além de serem agradáveis ao toque.

Modal

Essa opção de tecido não é composta por algodão, sendo, na verdade, uma fibra produzida pelo processo de viscose, possuindo um elevado grau de absorção, além de suavidade e brilho diferenciado.

Essa fibra é inteiramente sustentável, além de oferecer um toque macio, segurança e conforto para quem usa.

As principais diferenças e vantagens desse material sobre o algodão, incluem:

  • Maior poder de absorção;
  • Resistência à água, acumulando menos resíduos após a lavagem,
  • Maciez e suavidade prolongados.

Vale ressaltar que, independentemente da sua opção, todos os tecidos mencionados são eficientes. Porém, não se esqueça de verificar se há fibras sintéticas presentes na confecção da toalha escolhida, pois, além de não serem macias, não absorvem bem a água.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia

Moda

Relógios: muito mais que um acessório funcional

Portal Hortolândia

Publicado

em

Do vintage ao hightec, um tem a sua cara.

Sempre elegantes e com um charme próprio, os relógios são itens clássicos presentes no acervo de qualquer pessoa. Pelo menos foi assim por muito tempo, até que os celulares tomassem conta do dia a dia das pessoas.

Publicidade

A internet abriu espaço para o surgimento das mais variadas tendências, e a moda soube aproveitar muito bem essa novidade, resgatando um objeto que estava restrito ao mercado de luxo e em coleções antigas.

Tempo de tendências

A invasão do street style como principal tendência que pautou vestimentas e até o lifestyle das pessoas nos últimos anos, resgatou o relógio como item diferencial na hora de criar um look.

Um dos melhores representantes dessa tendência foi o modelo Casio, que ganhou cores e formatos distintos, porém mantendo sua característica retrô. E tem algo mais retrô que um bom relógio?

Anos atrás, algo parecido aconteceu com os modelos desmontáveis, com pulseiras coloridas, uma super nostalgia dos anos 80. Esses modelos ganharam vitrines de lojas populares, tamanho o sucesso da imagem que conseguiram criar.

Enquanto a nova geração se diverte com os relógios, os fãs de um estilo mais sofisticado e clássico nunca abriram mão dos ponteiros à vista. Existem feiras específicas para os fãs de relógio, apresentando a união perfeita de tecnologia e sofisticação.

No ambiente do mercado de luxo, os acessórios dão um show à parte, e grandes marcas entraram na onda de collabs, criando modelos personalizados e que se tornam detalhes importantes no visual.

A hora deles

O surgimento dos chamados smartwatches resgatou um antigo significado dos relógios: função. Conectados aos smartphones do usuário, eles permitem tocar músicas, atender chamadas, responder mensagens e e-mails, e, ainda por cima, fazer tudo isso por comando de voz.

A polêmica de terceirizar funções sem necessidade para um novo gadget não pareceu afetar os donos de smartphones, que adotaram a nova proposta. Algumas fabricantes já permitem personalizar as pulseiras dos relógios, sendo um atrativo a mais para o consumidor.

Marcas esportivas também passaram a desenvolver modelos inteligentes que mapeiam, por exemplo, seu trajeto diário, desempenho em exercícios físicos, e claro, tudo isso conectado aos apps de saúde e monitoramento físico.

Ainda em tempo

Para quem aprecia relógios, mas ainda não se vê usando um, a dica é simples: comece por um modelo básico, que não demanda muito investimento. Teste formatos diferentes de acordo com seu estilo. É mais fácil adaptar algo dentro de um contexto já existente.

Hoje, existe uma variedade gigantesca de relógios, que passeiam do clássico rigoroso ao design futurista. Provavelmente, você não vai ficar vendo a hora passar, mas a escolha de um bom relógio pode dar aquele charme a mais no seu visual.

As mulheres ainda têm maior liberdade de escolha, visto que grifes e joalherias sempre tiveram um enfoque maior nesse público.

Porém, esse cenário começa a tomar outros rumos. O guarda-roupa masculino tem se flexibilizado bastante graças às novas demandas da sociedade, com isso, as possibilidades de estilo se ampliam também nos acessórios.

Existe ainda uma movimentação de brechós e serviços de customização, que se utilizam de materiais já existentes para a criação de novos. Fazer aquela visita no bazar do seu bairro ou reinventar o seu modelo favorito com materiais inusitados pode ser um bom caminho para dar um toque mais pessoal ao seu amigo de todas as horas.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Moda

Quais são as novidades no setor underwear no Brasil

Portal Hortolândia

Publicado

em

Sabia quais tipos de lingeries irão fazer a cabeça das mulheres em 2020

Quem acha que roupas íntimas foram feitas para ficarem escondidas está muito enganado! As mulheres estão mostrando seu poder, usando e esbanjando as peças íntimas, que antes eram tabu, mas que, agora, com a reviravolta da moda e dos critérios modernos de conforto e liberdade, estão fazendo sucesso.

Publicidade

Ninguém merece ter que viver à mercê das imposições sociais. E a revolução das lingeries à mostra que o diga. O que vale é a liberdade, a sensualidade e o conforto, tudo determinado pelas mulheres. Com isso, há mais conforto ao vestir calças, calcinhas, sutiãs e tudo mais que pode ou não fazer parte do look principal.

Confira abaixo as novidades do setor de moda íntima para 2020 e saiba como inseri-las nos looks do dia a dia.

Body rendado

Muito utilizado em 2019 e continuando tendência em 2020, o body rendado vem compondo diversos looks femininos de forma discreta, sendo utilizado por baixo de blusas e vestidos, e de forma ousada, com a peça por si só se combinando apenas com a parte de baixo.

Tanto em composições diurnas quanto noturnas, o body rendado completa qualquer look, por ser uma peça que sozinha, consegue compor um visual autêntico e sensual. Não tenha medo e use os modelos mais inusitados com calças, shorts ou saias.

Pegada esportiva

Um tipo de peça íntima que vem fazendo a cabeça das mulheres que buscam conforto ao usar calças ou roupas apertadas diariamente são as calcinhas maiores e os sutiãs no formato top e nadador.

Esse conjunto, geralmente, é feito com tecido 100% algodão e possui um elástico mais firme, ficando bem em qualquer tipo de corpo. Se você busca uma lingerie que seja extremamente fácil de usar, essas com pegada esportiva serão perfeitas!

Asa-delta

Grande aposta para o verão 2020 também, a tendência asa-delta vem conquistando cada vez as mulheres que querem destacar suas curvas, por ser um modelo bem cavado na parte da virilha.

Tanto calcinhas com alças finas ou largas compreendem esse modelo de lingerie, e para deixar o conjunto mais moderno ainda, aposte em tons quentes e neon, cores que vão continuar fazendo sucesso no próximo ano.

Off-White

Presente em diversas peças de roupas, a cor off-white, que se assemelha ao gelo, vai continuar bombando no setor de moda íntima, principalmente quando combinada com transparências e texturas bem marcantes.

É uma tendência extremamente delicada e charmosa, que vem ganhando o gosto das mulheres que são adeptas a um estilo mais romântico e elegante. Além disso, por serem básicas, encaixam-se perfeitamente com outras peças mais pesadas, gerando um look equilibrado, na medida certa.

O clássico balconet

Esse modelo de sutiã foi muito usada na década de 80 e ganhará vida novamente no próximo ano, por ficar bem em todos os bustos, sobretudo nos pequenos e médios.

Com alças finas e detalhes em renda, o sutiã balconet é clássico e sexy, desenhando lindamente o formato dos seios e podendo ser combinado com vários estilos de calcinha. Se você está à procura de um modelo que cai como uma luva, não deixe de testar o clássico balconet, você vai amar.

São tantas opções lindas de lingeries que vão bombar em 2020 que dá vontade de comprar e usar todas de uma vez só. Não fique presa a um determinado modelo, experimente todos e não deixe de se arriscar.

O que importa é se sentir bem e confortável consigo mesma, usando o que lhe faz mais feliz e confiante, mesmo que seja misturando modelos, texturas, estampas e cores diferentes.

Ser feliz é ter liberdade para usar e ser o que quiser, sem limite para a criatividade.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Moda

5 cuidados básicos para preservar o seu biquíni em ótimo estado

Portal Hortolândia

Publicado

em

O traje mais característico do verão necessita de algumas atenções especiais para se manter em bom estado, preservando-se, assim, até a próxima temporada

O verão está aí e com ele chegou também o momento de tirar do guarda-roupa aquela que é considerada a peça favorita de todas as amantes do calor: o aclamado biquíni.

Publicidade

Seja para ir à praia, à piscina ou simplesmente pegar um bronzeado, a escolha pelo look é sempre bem-vinda. Apesar da versatilidade, contudo, alguns cuidados são necessários para a manutenção dessa peça — afinal, esse queridinho não precisa durar apenas uma estação do ano.

As precauções, mesmo que simples, devem ser adotadas antes e após o uso e, para isso, é preciso se atentar à lavagem, tipo de tecido, armazenamento e conservação. Assim, ao final de março seu biquíni estará com a cor e o tecido preservados, podendo ser utilizado em muitos verões futuros.

Necessidade de cuidados complementares

Geralmente, o desgaste das roupas de praia são ocasionados pelo próprio uso, pois essas peças, além de muito manuseadas, entram em intenso contato com o Sol, água salgada, cloro, areia, protetor solar, bronzeador, etc.

Todos esses fatores, portanto, são responsáveis por reduzir a vida útil de um biquíni. Uma lavagem realizada de maneira errada, por exemplo, já é motivo suficiente para, posteriormente, guardar a peça com resquícios de sal e partículas de areia, danificando-a facilmente.

Selecionamos, então, algumas dicas e truques que vão ajudar você a manter aquela sua peça predileta em ótimo estado por mais tempo:

Antes da lavagem

O primeiro passo é remover totalmente os fragmentos remanescentes, sobretudo a areia, uma vez que ela é bastante abrasiva, ou seja, possui aspectos que arranham e danificam o tecido da peça.

Além disso, o simples fato de deixar toda a areia na roupa já é uma dificuldade a mais para a realização da lavagem. Assim, para retirar todas as impurezas, principalmente as de dentro do forro, é preciso fazer uma limpeza prévia, ainda a seco — boas sacudidas e um pano úmido podem resolver essa questão.

Seguidamente, deixe as partes de molho por alguns minutos, utilizando, por fim, água corrente para tirar todos os resíduos que ainda ficaram presos.

Escolha o produto certo

Para a lavagem completa, utilize sabão neutro ou detergente líquido, tomando cuidado para não usar produtos que manchem o tecido.

Após ensaboar, enxágue as peças, novamente, em água corrente, atentando-se em tirar todo o produto empregado para a limpeza.

Lavagem só na mão

A lavagem à mão é, de longe, a maneira ideal de lavar as roupas de praia, pois ela possibilita uma higienização mais específica. Além disso, as máquinas, por seguirem um mesmo padrão de limpeza, acabam fazendo um processo mais agressivo, desgastando — e até mesmo desfiando — os tecidos.

O restante do “conjunto praia”: toalha, camiseta, shorts, canga, etc. pode tranquilamente ir para a máquina, sendo preciso apenas se certificar de que a areia tenha sido removida inteiramente.

Processo de secagem

Após lavar o biquíni é preciso estendê-lo para secar. Porém, antes, é essencial torcer as peças separadamente, tendo bastante cautela ao fazê-lo, pois a intenção é retirar o excesso de água, não romper costuras e alargar elásticos. Caso seja necessário, repita o processo uma ou duas vezes a mais.

Na hora de pendurar as roupas, procure um lugar na sombra — inclusive, essa dica é válida para qualquer peça delicada. Assim, as cores vivas são conservadas — não queimam com os raios solares —, evitando o desbotamento.

Vale ressaltar que o mais indicado é pendurar o bíquini pelas partes costuradas, impossibilitando a marcação e o afrouxamento do tecido.

Atenção: jamais seque as peças com ferro de passar, pois o procedimento, devido ao material base, acaba completamente com o pano.

Guardando o biquíni

Depois de seco, o biquíni deve ser dobrado de maneira regular, sem ser esticado ou embolado. Desse modo, evita-se um esforço desnecessário das fibras que compõem o tecido, além, é claro, de impedir vincos, marcações e deformações na peça.

Para finalizar, certifique-se de que o biquíni esteja realmente seco antes de guardá-lo, pois, caso eles não sejam utilizados nos próximos meses, cria-se um ambiente favorável para a proliferação de fungos, como mofo.

Receba as principais notícias direto no seu Telegram https://t.me/portalhortolandia
Continue Lendo

Populares